Torneio de Wimbledon 2008

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Torneio de Wimbledon de tênis do ano de 2008, disputado em quadras de grama, sendo a sua 122ª edição e o terceiro Grand Slam do ano, foi realizado no All England Lawn Tennis and Croquet Club em Wimbledon, Londres, Inglaterra, entre os dias 23 de junho e 6 de julho de 2008.

Principais Finais[editar | editar código-fonte]

Categoria Campeão Vice-Campeão Resultado
Simples Masculino Espanha Rafael Nadal Suíça Roger Federer 6-4 6-4 6-7(5) 6-7(8) 9-7
Simples Feminino Estados Unidos Venus Williams Estados Unidos Serena Williams 7-5 6-4
Duplas Masculino Canadá Daniel Nestor / Sérvia Nenad Zimonjić Suécia Jonas Björkman / Zimbabwe Kevin Ullyett 7–6(12), 6–7(3), 6–3, 6–3
Duplas Feminino Estados Unidos Venus Williams / Estados Unidos Serena Williams Estados Unidos Lisa Raymond / Austrália Samantha Stosur 6–2, 6–2
Duplas Misto Estados Unidos Bob Bryan / Austrália Samantha Stosur Estados Unidos Mike Bryan / El Salvador Katarina Srebotnik 7-5, 6-4

Dia a Dia[editar | editar código-fonte]

Dia 1[editar | editar código-fonte]

O torneio de Wimbedon começou sem muitas surpresas, Roger Federer superou Dominik Hrbatý por fáceis 3 sets a 0, o croata Mario Ančić contou com a desistência de Michaël Llodra para avançar e Marat Safin não deu chances ao italiano Fabio Fognini. Lleyton Hewitt foi um dos que tiveram mais dificuldades, superando o neerlandês Robin Haase em cinco sets, com parciais 6/7(4) 6/3 6/3 6/7(1) 6/2.

Na chave feminina, Ana Ivanović passou pela paraguaia Rossana de los Ríos, Agnieszka Radwańska e Marion Bartoli também venceram jogando na quadra central, Serena Williams e Nicole Vaidišová venceram em sets diretos e também avançaram para a segunda rodada.

Dia 2[editar | editar código-fonte]

Rafael Nadal teve uma estréia tranquila contra o alemão Andreas Beck, o francês Richard Gasquet e o norte-americano Andy Roddick também venceram.

Maria Sharapova aplicou 6/1 6/4 na francesa Stéphanie Foretz e Venus Williams passou pela tenista local Naomi Cavaday

Dia 3[editar | editar código-fonte]

O sérvio Novak Đoković foi a primeira grande baixa, caindo diante do russo Marat Safin, Roger Federer eliminou mais um adversário, o sueco Robin Söderling e o australiano Lleyton Hewitt também avançou para a terceira rodada.

A quarta favorita, Svetlana Kuznetsova, venceu sem dificuldades, já Ana Ivanović derrotou Nathalie Dechy com 10-8 no terceiro set, Serena Williams, Anna Chakvetadze e Nicole Vaidišová também conseguiram vitórias e avançaram.

Dia 4[editar | editar código-fonte]

Andy Murray fez o único jogo masculino na quadra central onde derrotou Xavier Malisse, Rafael Nadal enfrentou Ernests Gulbis na quadra 1 e perdeu o primeiro set, mas reagiu e venceu por 3 a 1, com parciais 5/7 6/2 7/6(2) 6/3. James Blake foi eliminado por Rainer Schuettler enquanto que o francês Sébastien Grosjean caiu diante do compatriota Richard Gasquet.

Venus Williams e Jelena Janković venceram mais uma, mas a russa Maria Sharapova foi surpreendida pela compatriota Alla Kudryavtseva perdendo por 6/2 6/4. Lindsay Davenport abandonou.

Dia 5[editar | editar código-fonte]

Federer passou para as oitavas-de-final derrotando Marc Gicquel e Mario Ančić derrotou David Ferrer. A vice-campeão de 2007 Marion Bartoli foi eliminada pela norte-americana Bethanie Mattek e Amélie Mauresmo caiu diante de Serena Williams.

A número um do mundo, Ana Ivanović, foi surpreendida pela surpresa do torneio, a chinesa Jie Zheng, que venceu o jogo fáceis 2 sets a 0, parciais de 6/1 6/4.

Dia 6[editar | editar código-fonte]

Sem Sharapova e Ivanović, Jelena Janković seguia abrindo caminho para se tornar a nova número um do mundo, passando por Caroline Wozniacki na terceira rodada. Venus Williams, Elena Dementieva e Nadia Petrova também avançaram.

Rafael Nadal derrotou Nicolas Kiefer e Richard Gasquet passou por Gilles Simon, já Tommy Haas foi eliminado pelo local Andy Murray.

Domingo[editar | editar código-fonte]

Como segue a tradição, o Torneio de Wimbledon não realiza jogos no domingo.

Dia 7[editar | editar código-fonte]

A boa campenha de Lleyton Hewitt chegou ao fim quando enfrentou a atual pentacampeão Roger Federer, derrota por 3 sets a 0 (7/6(7) 6/2 6/4), Murray venceu mais uma, agora contra Gasquet, Marat Safin, Rainer Schuettler e Mario Ančić também seguiram para as quartas-de-final. Rafael Nadal venceu Mikhail Youzhny.

Svetlana Kuznetsova foi eliminada por Radwańska, Chakvetadze perdeu para Vaidišová e Jie Zheng seguiu firme derrotando Ágnes Szávay. Jelena Janković acabou sendo eliminada Tamarine Tanasugarn e proporcionou um fato inédito que não ocorria desde 1968, onde nenhuma das quatro primeiras cabeças-de-chave avançaram para as quartas-de-final, a tenista ainda perdeu a chance de se tornar líder do ranking WTA, já que para isso precida chegar pelo menos na semifinal.

Dia 8[editar | editar código-fonte]

Foram disputadas apenas as quartas-de-final da chave feminina, Elena Dementieva derrotou Nadia Petrova, Serena Williams passou por Agnieszka Radwańska, Venus eliminou Tanasugarn e Vaidišová caiu diante de Jie Zheng.

Dia 9[editar | editar código-fonte]

Mesmo com seu jogo interrompido pela chuva, Roger Federer venceu Mario Ančić por 3 sts a 0 (6/1 7/5 6/4) e o russo Safin derrotou Feliciano López por 3 a 1 (3/6 7/5 7/6(1) 6/3). Rafael Nadal também avançou após derrotar Andy Murray.

Dia 9[editar | editar código-fonte]

Venus Williams derrota Elena Dementieva e avança para a final, tendo como adversária a irmã mais nova, Serena Williams, que passou pela surpresa do torneio, a chinesa Jie Zheng. Rainer Schuettler venceu o francês Arnaud Clément no último jogo de quartas-de-final da chave masculina.

Dia 10[editar | editar código-fonte]

Roger Federer e Rafael Nadal vencem e vão para a final pela terceira vez consecutiva.

Dia 11[editar | editar código-fonte]

Venus Williams derrota a irmã Serena Williams na final e fica com o título, o quinto de sua carreira, foi a terceira vez que ambas fizeram a final da competição sendo que Serena havia vencido nas outras duas oportunidades.

Dia 12[editar | editar código-fonte]

Rafael Nadal faz história e impede o hexacampeonato de Roger Federer, tornando-se o primeiro tenista desde de Björn Borg a conquistar Roland Garros e Wimbledon na mesma temporada. A partida final durou 4h38min mas foi interrompida duas vezes por causa da chuva, fato que também atrasou o início do jogo em cerca de meia hora.

Nadal colocou fim em uma sequência de 65 vitórias de Federer consecutivas na grama, além de cinco título seguidos do suíço em Wimbedon. A partida foi decidida no quinto set, que não tem tie-break; foi o jogo decisivo mais longo nos 131 anos de história do torneio.

Cabeças-de-Chaves[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]