Treehouse of Horror VIII

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Treehouse of Horror VIII"
Episódio de The Simpsons

Os Simpsons veem o "novo Bart".
Episódio nº 182
Título no Brasil A Casa da Árvore dos Horrores VIII[1]
Código de produção 5F02[2]
Estreia original 26 de outubro de 1997[3]
Produtor(es) Donick Cary, Ron Hauge e Dan Greaney[3]
Escritor(es) Mike Scully, David S. Cohen e Ned Goldreyer[4]
Produtores Executivos:
Mike "Agent" Scully
Chains Hell Brooks
Bat Groening
Sam "Sayonara" Simon
Diretor(es) Mark Kirkland
Convidado(s) Pamela Hayden, Macabre Wallace, Terryfing Tress MacNeille e Maggie "Area 51" Roswell[4]
Elenco
Damned Cast-in-Hell-Dead-Aaah!
Ghoulie Kavner
Nocturnal Nancy Frightwright
Your Mom
Hack Azaria
Harry Shearer
Temporada
Couch gag Os Simpsons se sentam no sofá, e logo em seguida capacetes caem sobre suas cabeças, acrescido de correntes que os prendem no sofá para que depois eles sejam eletrocutados.[5] [3]
Frase do quadro negro Não teve[5]
Comentário de DVD Matt Groening
Mike Scully
David S. Cohen
George Meyer
Matt Selman
Mark Kirkland[6]
Cronologia de episódios de The Simpsons
Último
Último
"Lisa's Sax"
"The Cartridge Family"
Próximo
Próximo

"Treehouse of Horror VIII"[nota 1] é o quarto episódio da nona temporada de The Simpsons e o oitavo especial de Dia das Bruxas da série.[2] Foi exibido pela primeira vez em 26 de outubro de 1997 nos Estados Unidos pelo canal FOX.[3] Assim como nos outros especiais, a oitava edição também é dividida em três contos de terror: um em que Homer Simpson sobrevive a uma explosão nuclear em Springfield, outro em que Bart Simpson troca de cabeça com uma mosca e o último em que Marge Simpson e suas irmãs são bruxas em um período colonial.[2] [3] O especial contou com a direção de Mark Kirkland e a participação de Marcia Wallace, Tress MacNeille, e Maggie Roswell.[4] [3]

Cada uma das três histórias possui diversas referências a produtos, começando pelos títulos "O Homem HΩmega" (o filme The Omega Man), "Mosca contra Mosca" (Fly vs. Fly - a história Spy vs. Spy e o filme The Fly) e "O Covil das Bruxas" (Easy Bake Coven - ao conto Easy Bake Oven).[3] Na primeira história, foi cantada a música "War" por Dan Castellaneta.[7] O episódio foi indicado a dois prêmios no ano seguinte, um Emmy e um Golden Reel Award, dos quais só ganhou o segundo.[8] Na sua exibição original, "Treehouse of Horror VIII" foi assistido por 10,9 milhões de agregados familiares.[9]

Produção[editar | editar código-fonte]

As bruxas do segmento "O Covil das Bruxas", cujo título original faz referência a Easy Bake Oven

"Treehouse of Horror VIII" foi dirigido por Mark Kirkland, produzido por Donick Cary, Ron Hauge, e Dan Greaney, co-produzido por Brian Scully e Julie Thacker, e também teve seus três segmentos escritos por Mike Scully, David S. Cohen, e Ned Goldreyer.[3] [5] Também teve a participação especial recorrente de Marcia Wallace, Tress MacNeille, e Maggie Roswell, como Edna Krabappel, Agnes Skinner, e Maude Flanders, respectivamente.[5] Foi cantada no segmento "O Homem HΩmega" a música "War", de Edwin Starr, por Dan Castellaneta, mas não foi creditada.[7] [8]

Cada um dos títulos dos dois primeiros segmentos faz referência a um filme diferente: "O Homem HΩmega" é uma referência a The Omega Man; "Mosca contra Mosca" a Spy vs. Spy e The Fly; enquanto o terceiro, "O Covil das Bruxas" faz referência ao conto Easy Bake Oven.[3] [8] Logo no primeiro segmento, na bomba nuclear, lê-se "Intel inside" (Intel dentro, em português) deixando a ideia de que ali haviam processadores Intel.[8] O carro usado pelos mutantes na perseguição de Homer em "O Homem HΩmega" é posteriormente denominado de "Carro Zombie" (Zombie Car, no original), e aparece no jogo The Simpsons Hit & Run, como um veículo destrancável.[8] Nos créditos do filme, os nomes apareceram em versões "assustadoras" como "Chains Hell" Brooks (James L. Brooks) e Don "Of the Dead Nick" Cary (Donick Cary), assim como nos demais especiais de Dia das bruxas da série.[8]

Enredo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

O episódio é dividido em três histórias de terror, assim como os demais especiais de Dia das Bruxas. Na sequência de abertura, um censor da FOX está cortando cenas do episódio e, então, ele diz que a indicação do programa é livre. No entanto, uma mão com uma espada o esfaqueia até a indicação do programa tornar-se "proibida para menores de 666 anos de idade", e aparece na tela (em sangue), "O Especial de Dia das Bruxas dos Simpsons VIII".[10] [4]

O Homem HΩmega[editar | editar código-fonte]

O Prefeito Quimby faz uma piada de mau gosto sobre os franceses, comparando-os a sapos. Então, eles ameaçam lançar uma bomba em Springfield.[5] [4] A pedido da família, Homer decide comprar um abrigo contra bombas nucleares, sendo que, enquanto ele escolhia qual abrigo iria comprar, a França lança a bomba nuclear na cidade.[4] Ele então apercebe-se que é o único sobrevivente da explosão, até que outros sobreviventes, que se tornaram mutantes devido à radiação, vão procurá-lo. Durante uma perseguição, Homer descobre que sua família também sobreviveu à bomba e, assim, começam a atacar os mutantes.[4]

Mosca versus Mosca[editar | editar código-fonte]

Durante uma feira de garagem do Professor Frink, Homer compra um teleportador de matéria.[4] [11] Bart, que imaginou se tornar um super-herói com a máquina, ao misturar o seu DNA com o de uma mosca, usa o teleportador, mas acaba tendo sua cabeça trocada com a da mosca.[11] [4] A família tenta aceitar o "novo" Bart (com cabeça de mosca), até Lisa descobrir o que aconteceu e conseguir reverter a situação.[11] [4]

O Covil das Bruxas[editar | editar código-fonte]

A história ocorre durante o século XVII, em 1649. Em uma sociedade que queria se livrar de todas as bruxas da cidade, Marge é acusada de ser uma bruxa.[4] [11] A acusação se mostra comprovada quando após ser forçada a cair de um penhasco, ela retorna voando em uma vassoura.[4] Ela e suas irmãs, todas bruxas, decidem ir à cidade comer crianças; mas, graças à Goody Flanders, as bruxas comem doces ao invés das crianças, dando origem a expressão "doces ou travessuras".[11]

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Referências culturais[editar | editar código-fonte]

O robô que faz referência ao personagem Floyd, de Planetfall

O episódio possui várias referências em todos os segmentos. "O Homem HΩmega" (The HΩmega Man, no original) faz referência ao filme The Omega Man; "Mosca contra Mosca" (Fly vs. Fly, no original) faz referência à história Spy vs. Spy; e "O Covil das Bruxas" (Easy Bake Coven, no original) faz referência ao conto de crianças Easy Bake Oven,.[8] [3] O segundo segmento, "Mosca contra Mosca", tem seu enredo baseado no filme The Fly, enquanto o terceiro, "Encontro Escondido", é baseado em The Crucible.[8]

Ainda sobre a terceira história, o fato de a Sra. Krabappel vestir a letra "A" na roupa é uma referência ao livro The Scatlet Letter, sendo esse "A" por Adultério, que era violação da doutrina da igreja na época; e além disso, é feita uma referência a série de televisão Betwitched, quando Selma chama Homer de "Derwood", nome do genro mortal de uma bruxa.[8] Já na segunda história, a presença de um robô chamado Floyd é referencial aos jogos Planetfall e Stationfall; e além disso, é feita uma referência a outro episódio de The Simpsons, pois na feira de garagem do Professor Frink, há um objeto recorrente do episódio "Lemon of Troy".[3] [8] Na sequência de abertura, aparece a censura "proibidos para menores de 666 anos de idade",[4] e nesse momento é feita uma referência ao número da Besta. Durante a primeira história, Homer assiste no cinema um filme parodiando Tommy Boy.[3]

Repercussão[editar | editar código-fonte]

"Treehouse of Horror VIII" foi assistido por 10,9 milhões de agregados familiares na sua exibição original, e ganhou a décima oitava colocação nas avaliações semanais de audiência.[9] O episódio também recebeu avaliação de sites. O portal Listology deu nota nove para o episódio, em uma escala de zero a dez.[12] O Splitsider classificou os segmentos de especiais de Dia das Bruxas dos Simpsons em sessenta e seis colocações e listou os segmentos da oitava edição, nomeadamente: "O Homem HΩmega", "Mosca contra Mosca", e "O Covil das Bruxas", nas décima sexta, vigésima quinta e trigésima sétima posições, respectivamente.[13]

Também, o blogue 11 Points avaliou os onze melhores segmentos dos especiais de Dia das Bruxas e classificou "O Homem HΩmega" no oitavo lugar.[14] O site Take Five Reviews avaliou o episódio como sendo "o mais fraco dos especiais", pois "os outros dois segmentos [O Homem HΩmega e Encontro Escondido] tentaram cobrir muito em um tempo muito pequeno" e deu nota três, em uma escala de zero a cinco.[15] Já o AOL, que elegeu as "melhores bruxas da TV", classificou Marge Simpson como a décima oitava melhor bruxa, sendo no total vinte colocações.[16] O episódio foi indicado a dois prêmios em 1998: um Emmy de "Melhor Composição de Música em uma Série" e o outro foi um Golden Reel Award para "Melhor Edição de Som em Especiais Animados de Televisão", ganhando somente o segundo.[8]

Notas

  1. "A Casa da Árvore dos Horrores 8", numa tradução literal ao português.[1]

Referências

  1. a b Os Simpsons 9ª temporada R7. Página visitada em 20 de junho de 2012.
  2. a b c Treehouse of Horror VIII (ficha técnica) IGN.
  3. a b c d e f g h i j k l Treehouse of Horror VIII - Episode 5F02 (ficha técnica) snpp.com.
  4. a b c d e f g h i j k l m Basile, Nancy. "Treehouse of Horror VIII" (em inglês) About.com.
  5. a b c d e The Simpsons Season 9 Episode 4 - Treehouse of Horror VIII (em inglês) TvRage.
  6. Jouni Paakkinen (20 de Julho de 2008). The Springfield Times: Season 8 - 10 DVD Sets SNPP. Página visitada em 23 de junho de 2012.
  7. a b Soundtrack The Simpsons (Lista) (em inglês) U-subtitles.
  8. a b c d e f g h i j k The Simpsons - Season 9, Episode 4: Treehouse of Horror VIII (em inglês) TV.com.
  9. a b Baker, Chris. 'Treehouse of Horror VIII' - TV Time Capsule Typepad.com.
  10. Treehouse of Horror VIII - The Simpsons Couch Gags (vídeo) (em inglês/alemão) Simpsons-intros.
  11. a b c d e The War of the Simpsons - v3 - Pretending to Cry - Treehouse of Horror VIII (em inglês) BabySimpson.uk.
  12. Episodes Rated: The Simpsons (lista) (em inglês) listology.com.
  13. Kurp, Joshua (31 de outubro de 2011). Ranking Every Simpsons Treehouse of Horror Segment, From Worst to First.
  14. 11 Best Simpsons Treehouse of Horror Stories, In Order (lista) 11Points (30 de outubro de 2009).
  15. Treehouse of Horror Review Special (em inglês) TakeFiveReviews.
  16. Greenberger, Robert (31 de outubro de 2008). AOL Picks TV’s Best Witches Aol.