Viscose

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Viscose é uma fibra artificial de celulose, fabricada a partir de cavacos de madeira de árvores pouco resinosas ou do línter da semente do algodão. É formada uma pasta celulósica que por extrusão em fieiras e com o contato de outras soluções é feita a fibra. Em 1905, a Courtauld's começou a produzir raiom de viscose. A viscose é utilizada em malhas, vestidos, casacos, blusas e trajes desportivos. Também conhecido como Seda Javanesa (em mistura com o acetato).

Características[editar | editar código-fonte]

  • Simbolo Têxtil: CV;
  • Regularidade: finura e comprimento mais regulares que as fibras naturais;
  • Brilho: conforme desejado;
  • Tingibilidade: podem ser utilizados grande parte dos corantes usados no algodão, menos enxofre;
  • Lavabilidade: não precisam de lavagens muito longas;
  • Elasticidade: é mais alta que as fibras naturais, porém é inferior quando comparada ao algodão e seda;
  • Higroscopicidade: muito alta; durante a absorção as fibras incham, provocando encurtamento;
  • Resiliência: É baixa por amarrotarem facilmente, contudo são fáceis de se passar de acordo com o livro Fibras, Fios e Tecidos (Anel Associação Nacional de Lavanderias do Brasil);
  • Baixo custo;
  • Semelhante ao algodão, porém possui melhor toque, caimento, cor mais intensa, melhor textura;
  • Baixa resistência à luz ultravioleta (amarela facilmente).
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.