500 Milhas de Indianápolis de 2015

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Indianápolis 2015
Indianapolis 500 de 2015
Indianapolis Motor Speedway - Speedway.png
Detalhes da corrida
Categoria IndyCar Series
Data 24 de maio de 2015
Nome oficial 500 Milhas de Indianápolis
Local Indianapolis Motor Speedway,
Speedway,  Indiana
Percurso Circuito oval; 4.023 km
Total programado 200 voltas / km
Pole
Piloto
Nova Zelândia Scott Dixon Chip Ganassi Racing
Volta mais rápida
Piloto
Estados Unidos Charlie Kimball Chip Ganassi Racing
Líder por mais voltas
Piloto
Nova Zelândia Scott Dixon Chip Ganassi Racing
Voltas 84 voltas
Pódio
Primeiro
Colômbia Juan Pablo Montoya Team Penske
Segundo
Austrália Will Power Team Penske
Terceiro
Estados Unidos Charlie Kimball Chip Ganassi Racing
Cronologia
Temporada da IndyCar Series de 2015
GP de Indianápolis de 2014
GP de Detroit (rodada 1) de 2015
500 Milhas de Indianápolis
Indianápolis 2014
Indianápolis 2016

A 99ª edição das 500 Milhas de Indianápolis foi a sexta corrida da temporada de 2015 da IndyCar Series. Disputada no dia 24 de maio no Indianapolis Motor Speedway, localizado na cidade de Speedway, em Indiana, teve como vencedor o colombiano Juan Pablo Montoya, da equipe Penske[1]. Seu compatriota Gabby Chaves, da Bryan Herta Autosport, foi o melhor entre os pilotos novatos.

Treino classificatório[editar | editar código-fonte]

A pole-position foi conquistada pelo piloto neozelandês Scott Dixon, da equipe Chip Ganassi Racing.[2]. Os brasileiros Tony Kanaan (também da Ganassi) e Hélio Castroneves (Penske), respectivamente quarto e quinto colocados no grid, ficaram separados por apenas 1 centésimo.

Dentre os pilotos que disputarão apenas a Indy 500, o melhor colocado no Pole Day foi o espanhol Oriol Servià (Rahal Letterman Lanigan Racing), classificado em 13º lugar. Gabby Chaves, da Bryan Herta Autosport, foi o melhor representante entre os novatos, obtendo apenas um 29º lugar.

No Bump Day, quatro pilotos brigaram por vagas na última fila: Jack Hawksworth (Foyt), Stefano Coletti (KV), Bryan Clauson (Jonathan Byrd's) e Buddy Lazier (Lazier Partners). Porém, o campeão da Indy 500 de 1996 não chegou a marcar tempo na sessão, ficando de fora da corrida. É a sexta vez que Lazier, campeão da IRL em 2000, não conseguiu a classificação.

O pace car da edição de 2015 será um Chevrolet Corvette Z06, pilotado por Jeff Gordon.[3]

Treino classificatório (Pole Day)[editar | editar código-fonte]

(R) = Rookie das 500 Milhas; (V) = Vencedor das 500 Milhas

Domingo, 17 de maio de 2015
Classificados entre as posições 1 e 30
Pos. No. Piloto Equipe Motor Velocidade
1 9 Nova Zelândia Scott Dixon Chip Ganassi Racing Chevrolet 226.760
2 1 Austrália Will Power Team Penske Chevrolet 226.350
3 22 França Simon Pagenaud Team Penske Chevrolet 226.145
4 10 Brasil Tony Kanaan Chip Ganassi Racing Chevrolet 225.503
5 3 Brasil Hélio Castroneves Team Penske Chevrolet 225.502
6 25 Reino Unido Justin Wilson Andretti Autosport Honda 225.279
7 11 França Sebastian Bourdais KV Racing Technology Chevrolet 225.193
8 27 Estados Unidos Marco Andretti Andretti Autosport Honda 225.189
9 21 Estados Unidos Josef Newgarden CFH Racing Chevrolet 225.187
10 6 Estados Unidos J. R. Hildebrand CFH Racing Chevrolet 225.099
11 26 Colômbia Carlos Muñoz Andretti Autosport Honda 225.042
12 20 Estados Unidos Ed Carpenter CFH Racing Chevrolet 224.883
13 32 Espanha Oriol Servià Rahal Letterman Lanigan Racing Honda 224.777
14 83 Estados Unidos Charlie Kimball Chip Ganassi Racing Chevrolet 224.743
15 2 Colômbia Juan Pablo Montoya Team Penske Chevrolet 224.657
16 28 Estados Unidos Ryan Hunter-Reay Andretti Autosport Honda 224.573
17 15 Estados Unidos Graham Rahal Rahal Letterman Lanigan Racing Honda 224.290
18 18 Colômbia Carlos Huertas Dale Coyne Racing Honda 224.233
19 29 Suíça Simona de Silvestro Andretti Autosport Honda 223.838
20 7 Reino Unido James Jakes Schmidt Peterson Motorsports Honda 223.790
21 19 França Tristan Vautier Dale Coyne Racing Honda 223.747
22 48 Canadá Alex Tagliani A. J. Foyt Enterprises Honda 223.722
23 8 Estados Unidos Sage Karam Chip Ganassi Racing Chevrolet 223.595
24 5 Canadá James Hinchcliffe Schmidt Peterson Motorsports Honda 223.519
25 43 Estados Unidos Conor Daly Dale Coyne Racing Honda 223.482
26 24 Estados Unidos Townsend Bell Dreyer & Reinbold Kingdom Racing Chevrolet 223.447
27 14 Japão Takuma Sato A. J. Foyt Enterprises Honda 223.226
28 63 Reino Unido Pippa Mann Dale Coyne Racing Honda 223.104
29 98 Colômbia Gabby Chaves (R) Bryan Herta Autosport Honda 222.916
30 17 Colômbia Sebastián Saavedra Chip Ganassi Racing Chevrolet 222.898
Classificados entre as posições 31 e 33 (Bump Day)
31 41 Reino Unido Jack Hawksworth A. J. Foyt Enterprises Honda 222.787
32 4 Mónaco Stefano Coletti (R) KV Racing Technology Chevrolet 221.912
33 88 Estados Unidos Bryan Clauson Jonathan Byrd's Racing Chevrolet 220.523
Não-classificado
91 Estados Unidos Buddy Lazier Lazier Partners Racing Chevrolet Não marcou tempo
OFFICIAL REPORT

Grid de largada[editar | editar código-fonte]

(R) = Rookie das 500 Milhas; (V) = Vencedor das 500 Milhas

Row Abre a fila Meio da fila Encerra a fila
1 9 Nova Zelândia Scott Dixon (V) 1 Austrália Will Power 22 França Simon Pagenaud
2 10 Brasil Tony Kanaan (V) 3 Brasil Hélio Castroneves (V) 25 Reino Unido Justin Wilson
3 11 França Sebastian Bourdais 27 Estados Unidos Marco Andretti 21 Estados Unidos Josef Newgarden
4 6 Estados Unidos J. R. Hildebrand 26 Colômbia Carlos Muñoz 20 Estados Unidos Ed Carpenter
5 32 Espanha Oriol Servià 83 Estados Unidos Charlie Kimball 2 Colômbia Juan Pablo Montoya (V)
6 28 Estados Unidos Ryan Hunter-Reay (V) 15 Estados Unidos Graham Rahal 29 Suíça Simona de Silvestro
7 7 Reino Unido James Jakes 48 Canadá Alex Tagliani 8 Estados Unidos Sage Karam
8 43 Estados Unidos Conor Daly 24 Estados Unidos Townsend Bell 14 Japão Takuma Sato
9 63 Reino Unido Pippa Mann 98 Colômbia Gabby Chaves (R) 17 Colômbia Sebastián Saavedra
10 41 Reino Unido Jack Hawksworth 4 Mónaco Stefano Coletti (R) 88 Estados Unidos Bryan Clauson
11 5 Austrália Ryan Briscoe[4] 18 França Tristan Vautier2 19 Austrália James Davison3

Não correm[editar | editar código-fonte]

1 Classificado em 24º lugar, James Hinchcliffe sofreu acidente durante uma sessão de testes, e passou por cirurgia. Sua equipe, a Schmidt Peterson Motorsports, não havia definido quem substituirá o canadense, que pode inclusive perder o restante da temporada - Katherine Legge e Tristan Vautier, que correu a temporada 2013 pelo time, foram cogitados para sucedê-lo, mas o australiano Ryan Briscoe foi escalado para substituir Hinchcliffe.

2 Tristan Vautier, que classificara o carro de James Davison no Pole Day, foi escalado para o lugar de Carlos Huertas, que reclamou de dores no ouvido e foi vetado pelo médico da IndyCar, Terry Trammell[5]. Pelas regras da Indy 500, o francês largará em 31º lugar, fazendo que os pilotos que largariam atrás de Huertas ganhassem uma posição.

3James Davison cedeu o #19 ao francês Tristan Vautier no treino classificatório. O piloto australiano teria que disputar uma etapa da Pirelli World Challenge no Canadá e não daria tempo para classificar o carro. Embora Vautier tivesse classificado o Dallara-Honda em 21º lugar, Davison largará em último, segundo as regras da Indy 500. Por isto, os pilotos que ficaram atrás no Pole Day ganham uma posição.

Inscrições[editar | editar código-fonte]

Cerimonial[editar | editar código-fonte]

Em dezembro de 2014, foi confirmada a presença do grupo Straight No Chaser no cerimonial de abertura da Indy 500 de 2015. Eles substituirão o cantor Jim Nabors na interpretação de "Back Home Again in Indiana" - alegando problemas de saúde, Nabors fez sua última apresentação na cerimônia em 2014. Jordin Sparks foi confirmada para cantar o hino nacional dos EUA[10] - em 2014, a intérprete foi LeAnn Rimes.

Acidentes[editar | editar código-fonte]

Na quarta-feira de testes para a corrida, o Penske de Hélio Castroneves bateu na curva 1 do circuito de Indianápolis e capotou, mas conseguiu sair do carro ileso[11]. Preocupada, a Indy solicitou à Chevrolet que retirasse a lâmina dos bicos dos carros[12].

Mesmo assim, o problema não foi completamente resolvido, depois que Josef Newgarden e Ed Carpenter (ambos da CFH Racing) bateram forte seus carros nas curvas 2 e 3 de Indianápolis e também decolaram[13][14]. Porém, Newgarden e Carpenter saíram sem nenhum ferimento mais grave. Novamente, a organização da Indy resolveu intervir: encurtou a classificação e excluiu o fast nine (que definiria o pole-position e as demais posições entre as filas 1 e 3)[15].

Pippa Mann, da Dale Coyne Racing, também se envolveu em um acidente violento: na parte final da sessão de treinos, a inglesa bateu seu Dallara-Honda #63 na mureta que separa a pista dos boxes, após perder o controle do carro, que vinha atrás de Marco Andretti. Apesar do susto, Pippa também escapou ilesa.[16]

Em 18 de maio, mais um acidente: o canadense James Hinchcliffe (Schmidt Peterson Motorsports), classificado na 24ª posição, bateu com força na curva 3 (mesmo local onde Ed Carpenter havia se acidentado) e o Dallara-Honda #5 pegou fogo[17]. A causa poderia ser alguma peça quebrada. Hinchcliffe, ao contrário do que ocorreu nos outros 3 acidentes, não teve sorte: foi retirado pela equipe médica e levado ao Centro Médico, mas não foi liberado imediatamente. Em seguida, foi levado ao Hospital Metodista de Indianápolis, onde foi detectada uma lesão na parte anterior da coxa esquerda do canadense[18].

Resultado[editar | editar código-fonte]

Pos No. Piloto Equipe Motor Voltas Tempo de corrida/Abandono Pit-stops Grid Voltas lideradas Pts.1
1 2 Colômbia Juan Pablo Montoya Team Penske Chevrolet 200 3:05:56.5286 15 9 101
2 1 Austrália Will Power Team Penske Chevrolet 200 +0.1046 2 23 81
3 83 Estados Unidos Charlie Kimball Chip Ganassi Racing Chevrolet 200 +0.795 14 10 71
4 9 Nova Zelândia Scott Dixon Chip Ganassi Racing Chevrolet 200 +1.029 1 84 67
5 15 Estados Unidos Graham Rahal Rahal Letterman Lanigan Racing Honda 200 +2.312 17 60
6 27 Estados Unidos Marco Andretti Andretti Autosport Honda 200 +2.539 8 56
7 3 Brasil Hélio Castroneves Team Penske Chevrolet 200 +2.782 5 2 53
8 6 Estados Unidos J. R. Hildebrand CFH Racing Chevrolet 200 +3.563 10 48
9 21 Estados Unidos Josef Newgarden CFH Racing Chevrolet 200 +4.028 9 44
10 22 França Simon Pagenaud Team Penske Chevrolet 200 +4.215 3 35 41
11 11 França Sébastien Bourdais KV Racing Chevrolet 200 +5.307 7 38
12 5 Estados Unidos Ryan Briscoe Schmidt Peterson Motorsports Honda 200 +5.669 31 36
13 14 Japão Takuma Sato A. J. Foyt Enterprises Honda 200 +6.168 24 34
14 24 Estados Unidos Townsend Bell Dreyer & Reinbold Kingdom Racing Chevrolet 200 +8.501 23 32
15 28 Estados Unidos Ryan Hunter-Reay Andretti Autosport Honda 200 +9.648 16 30
16 98 Colômbia Gabby Chaves Bryan Herta Autosport Honda 200 +10.102 26 28
17 48 Canadá Alex Tagliani A. J. Foyt Enterprises Honda 200 +11.215 20 2 27
18 7 Reino Unido James Jakes Schmidt Peterson Motorsports Honda 200 +12.043 19 24
19 29 Suíça Simona de Silvestro Andretti Autosport Honda 200 +12.733 18 22
20 26 Colômbia Carlos Muñoz Andretti Autosport Honda 200 +39.835 11 3 21
21 25 Reino Unido Justin Wilson Andretti Autosport Honda 199 +1 volta 6 2 19
22 63 Reino Unido Pippa Mann Dale Coyne Racing Honda 197 +3 voltas 25 16
23 17 Colômbia Sebastián Saavedra Chip Ganassi Racing Chevrolet 175 Acidente 27 14
24 41 Reino Unido Jack Hawksworth A. J. Foyt Enterprises Honda 175 Acidente 28 12
25 4 Mónaco Stefano Coletti KV Racing Chevrolet 175 Acidente 29 10
26 10 Brasil Tony Kanaan Chip Ganassi Racing Chevrolet 151 Acidente 4 30 11
27 19 Austrália James Davison Dale Coyne Racing Honda 116 Problemas mecânicos 33 10
28 18 França Tristan Vautier Dale Coyne Racing Honda 116 Problemas mecânicos 32 10
29 32 Espanha Oriol Servià Rahal Letterman Lanigan Racing Honda 112 Acidente 13 10
30 20 Estados Unidos Ed Carpenter CFH Racing Chevrolet 112| Acidente 12 10
31 88 Estados Unidos Bryan Clauson Jonathan Byrd's Racing Chevrolet 61 Acidente 30 10
32 8 Estados Unidos Sage Karam Chip Ganassi Racing Chevrolet 0 Acidente 21 10
33 43 Estados Unidos Conor Daly Schmidt Peterson Motorsports Honda 0 Problemas mecânicos 22 10
OFFICIAL BOX SCORE

Referências

  1. «Montoya protagoniza batalha épica com Power e volta a ganhar em Indianápolis 15 anos após primeira vitória». Grande Prêmio. 24 de maio de 2015 
  2. «Dixon barbariza e é pole das 500 Milhas de Indianápolis. Separados por 0s001, Kanaan e Castroneves dividem segunda fila». Grande Prêmio. 17 de maio de 2015 
  3. Jensen, Tom (29 de abril de 2015). «Jeff Gordon named pace car driver for 99th Indianapolis 500». FoxSports.com. Fox Sports Interactive Media, LLC. 
  4. «Schmidt Peterson chama Briscoe para vaga de Hinchcliffe para 500 Milhas de Indianápolis, diz jornal». Grande Prêmio. 20 de maio de 2015 
  5. «Por complicações no ouvido, Huertas é vetado por médico da Indy e está fora das 500 Milhas de Indianápolis». Grande Prêmio. 20 de maio de 2015 
  6. Miller, Robin (16 de abril de 2015). «IndyCar: No second Herta car for Indy 500». racer.com. Racer Media & Marketing, Inc. Consultado em 20 de abril de 2015 
  7. «Clauson Lands 2015 Indy 500 Ride». NationalSpeedSportNews.com. Turn 3 Media LLC. 16 de maio de 2014. Consultado em 17 de maio de 2014 
  8. http://espn.go.com/racing/indycar/story/_/id/12603666/simona-de-silvestro-race-indianapolis-500-andretti-autosport
  9. «Andretti amplia contrato e coloca Simona no quinto carro para 500 Milhas de Indianápolis em 2015». Grande Prêmio. 2 de abril de 2015 
  10. «Multi-Platinum Recording Artist Jordin Sparks to Sing National Anthem at 99th Indy 500». Indianapolis Motor Speedway. 19 de maio de 2015. Consultado em 19 de maio de 2015 
  11. «Castroneves perde controle do carro e decola em acidente impressionante na quarta-feira de testes para Indy 500». Grande Prêmio. 13 de maio de 2015 
  12. «Preocupada após capotamento de Castroneves, Indy manda Chevrolet tirar longa lâmina de bicos dos carros». Grande Prêmio. 14 de maio de 2015 
  13. «Newgarden sofre acidente, decola como Castroneves em Indianápolis e deixa Indy em estado de alerta». Grande Prêmio. 14 de maio de 2015 
  14. «Pole de 2014, Carpenter bate forte e capota durante último treino antes da classificação para 500 Milhas de Indianápolis». Grande Prêmio. 17 de maio de 2015 
  15. «Indy redefine programação após acidente de Carpenter, encurta classificação e tira 'Fast Nine' para Indy 500». Grande Prêmio. 17 de maio de 2015 
  16. «Na hora final de treinos, Pippa bate carro da Dale Coyne na entrada do muro que divide os boxes em Indianápolis‏». Grande Prêmio. 13 de maio de 2015 
  17. «Hinchcliffe sofre quarto forte acidente dos treinos em Indianápolis e é encaminhado para hospital‏». Grande Prêmio. 18 de maio de 2015 
  18. «Hinchcliffe apresenta lesão na coxa e passa por cirurgia após forte acidente nos treinos para Indy 500». Grande Prêmio. 18 de maio de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre 500 Milhas de Indianápolis de 2015