World Men's Championship Tour

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de ASP World Tour)
Ir para: navegação, pesquisa

O World Men's Championship Tour (WCT) é organizado anualmente pela World Surf League (WSL) e é uma liga profissional de surfe.[1] . Era organizada pela Association of Surfing Professionals.[2]

História[editar | editar código-fonte]

WCT significa "World Championship Tour", mas também é chamado de "Circuito Mundial" ou "Divisão de Elite Mundial". Ele começou em 1992, quando a ASP (Associação dos Surfistas Profissionais) decidiu dividir o Circuito Mundial em duas divisões (WCT/WQS). O australiano Peter Townsend foi o primeiro a vencer um Circuito Mundial, quando este já era unificado, em 1976.

Organização[editar | editar código-fonte]

No WCT competem apenas os 36 melhores surfistas do mundo, seguindo este critério de classificação:

  • Os 22 primeiros colocados no ranking ao fim da temporada asseguram a permanência para o ano seguinte.
  • Três surfistas recebem os “wild card”, ou seja, convites, por terem se machucado e, com isso, terem ficado de fora de algumas etapas.
  • Dez surfistas se classificam através do ranking do circuito acesso, o WQS.

Durante alguns anos, foi criada a "Etapa Móvel", em que um ex-militar francês viaja o Mundo todo em busca de ondas perfeitas; a que ele selecionar, irá ser uma atração do WCT, mas só em uma Temporada. Para 2007 foi escolhida Arica, no Chile.

Campeões do WCT[editar | editar código-fonte]

Ano Nome País
ISF World Surfing Championships
1964 Midget Farrelly  Austrália
1965 Felipe Pomar  Peru
1966 Nat Young  Austrália
1967
1968 Fred Hemmings  Estados Unidos
1969
1970 Rolf Aurness  Estados Unidos
1971
1972 James Blears  Estados Unidos
Smirnoff World Pro-Am Surfing Championships
1973 Mark Richards  Austrália
1974 Reno Abellira  Estados Unidos
1975 Ian Cairns  Estados Unidos
IPS World Circuit
1976 Peter Townend  Austrália
1977 Shaun Tomson África do Sul
1978 Wayne Bartholomew  Austrália
1979 Mark Richards  Austrália
1980 Mark Richards  Austrália
1981 Mark Richards  Austrália
1982 Mark Richards  Austrália
ASP World Tour
1983 Tom Carroll  Austrália
1984 Tom Carroll  Austrália
1985 Tom Curren  Estados Unidos
1986 Tom Curren  Estados Unidos
1987 Damien Hardman  Austrália
1988 Barton Lynch  Austrália
1989 Martin Potter  Reino Unido
1990 Tom Curren  Estados Unidos
1991 Damien Hardman  Austrália
1992 Kelly Slater  Estados Unidos
1993 Derek Ho Havaí Havaí
1994 Kelly Slater  Estados Unidos
1995 Kelly Slater  Estados Unidos
1996 Kelly Slater  Estados Unidos
1997 Kelly Slater  Estados Unidos
1998 Kelly Slater  Estados Unidos
1999 Mark Occhilupo  Austrália
2000 Sunny Garcia Havaí Havaí
2001 C.J. Hobgood  Estados Unidos
2002 Andy Irons Havaí Havaí
2003 Andy Irons Havaí Havaí
2004 Andy Irons Havaí Havaí
2005 Kelly Slater  Estados Unidos
2006 Kelly Slater  Estados Unidos
2007 Mick Fanning  Austrália
2008 Kelly Slater  Estados Unidos
2009 Mick Fanning  Austrália
2010 Kelly Slater  Estados Unidos
2011 Kelly Slater  Estados Unidos
2012 Joel Parkinson  Austrália
2013 Mick Fanning  Austrália
World Men's Championship Tour
2014 Gabriel Medina  Brasil
2015 Adriano de Souza  Brasil
2016 John John Florence Havaí Havaí

Fonte: [3]

Maiores campeões[editar | editar código-fonte]

Títulos Surfista País
11 Kelly Slater  Estados Unidos
5 Mark Richards  Austrália
3 Tom Curren  Estados Unidos
3 Andy Irons Havaí Havaí
3 Mick Fanning  Austrália
2 Tom Carroll  Austrália
2 Damien Hardman  Austrália
1 Midget Farrelly  Austrália
1 Felipe Pomar  Peru
1 Nat Young  Austrália
1 Fred Hemmings  Estados Unidos
1 Rolf Aurness  Estados Unidos
1 James Blears  Estados Unidos
1 Ian Cairns  Austrália
1 Reno Abellira  Estados Unidos
1 Peter Townend  Austrália
1 Shaun Tomson África do Sul
1 Wayne Bartholomew  Austrália
1 Barton Lynch  Austrália
1 Martin Potter  Reino Unido
1 Derek Ho Havaí Havaí
1 Mark Occhilupo  Austrália
1 Sunny Garcia Havaí Havaí
1 C.J. Hobgood  Estados Unidos
1 Joel Parkinson  Austrália
1 Gabriel Medina  Brasil
1 Adriano de Souza  Brasil
1 John John Florence Havaí Havaí

Títulos por país[editar | editar código-fonte]

País Títulos
 Austrália 20
 Estados Unidos 19
Havaí Havaí [i] 6
 Brasil 2
 Peru 1
África do Sul 1
 Reino Unido 1

Títulos por continente[editar | editar código-fonte]

Continentes Títulos
América do Norte 24
Oceania 20
América do Sul 3
África 1
Europa 1


Campeões do WJC (World Junior Championship)[editar | editar código-fonte]

Campeões do WLT (World Longboard Tour)[editar | editar código-fonte]

Campeões do BWT (Big Wave Tour)[editar | editar código-fonte]

Etapas do WCT[editar | editar código-fonte]

Etapas Brasileiras[editar | editar código-fonte]

Anos[editar | editar código-fonte]

Tríplice Coroa Havaiana[editar | editar código-fonte]

Anos[editar | editar código-fonte]

Circuito mundial de 2014[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: ASP World Tour de 2014

O tour masculino do circuito mundial contou com 11 etapas vencidas por 6 competidores diferentes. Na última etapa em Pipeline, no Havaí, Gabriel Medina conquistou o título inédito para o Brasil, superando o australiano Mick Fanning que ficou em 2º no campeonato e John John Florence, do Havaí que ficou com o terceiro lugar[4].

Entre as mulheres disputa seguiu até a última etapa, em Maui no Hawaii. Stephanie Gilmore da Austrália ficou com o título, seguido por sua compatriota Tyler Wright e pela havaiana Carissa Moore. O tour feminino contou com dez etapas e foi de fevereiro a dezembro. [5]

Notas[editar | editar código-fonte]

  • ↑i No surf, o Havaí é considerado uma nação à parte pela Associação dos Surfistas Profissionais [6]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «World Surf League, Frequently Asked Questions, What is the WSL?». Consultado em 30 August 2015. 
  2. «ASP History». ASP World Tour. Consultado em 30 August 2015. 
  3. ASP World Tour
  4. FOLHAPRESS. Rival é eliminado e Gabriel Medina vence título do Mundial de surfe. O Tempo. Disponível em <http://www.otempo.com.br/superfc/rival-%C3%A9-eliminado-e-gabriel-medina-vence-t%C3%ADtulo-do-mundial-de-surfe-1.963988>. Acesso em dezembro de 2014
  5. http://www.worldsurfleague.com/events/2015/
  6. «Medina é o primeiro campeão mundial sem ter o inglês como idioma oficial». Folha de S Paulo. Consultado em 20/12/2014. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]