Castelo de Vide

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Castelo de Vide
Brasão de Castelo de Vide Bandeira de Castelo de Vide
Castelo de Vide.jpg
Panorâmica do centro da vila
Localização de Castelo de Vide
Gentílico castelo-vidense[1]; viticastrense
Área 264,91 km²
População 3 407 hab. (2011)
Densidade populacional 12,9  hab./km²
N.º de freguesias 4
Presidente da
câmara municipal
António Pita (PSD)
Fundação do município
(ou foral)
1276
Região (NUTS II) Alentejo
Sub-região (NUTS III) Alto Alentejo
Distrito Portalegre
Antiga província Alto Alentejo
Orago Nossa Senhora da Penha
Feriado municipal Segunda-feira após o Domingo de Páscoa
Código postal 7320-XXX
Sítio oficial CM Castelo Vide
Municípios de Portugal Flag of Portugal.svg

Castelo de Vide é uma vila portuguesa no Distrito de Portalegre, região do Alentejo e sub-região do Alto Alentejo com cerca de 2 300 habitantes.[2]

É sede de um município com 264,91 km² de área[3] e 3 407 habitantes (2011),[4][5] subdividido em 4 freguesias.[6] O município é limitado a nordeste por Espanha, a leste pelo município de Marvão, a sul pelo município de Portalegre, a sudoeste pelo município do Crato e a oeste e noroeste pelo município de Nisa.

O carácter romântico da vila de Castelo de Vide, associado aos seus jardins, abundância de vegetação, clima ameno e proximidade da serra de São Mamede, tornou-a conhecida por "Sintra do Alentejo" (esta designação é atribuída ao rei D. Pedro V).

População[editar | editar código-fonte]

Número de habitantes [7]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
6 257 6 331 6 689 6 614 6 717 7 067 6 837 7 361 7 178 6 538 4 940 4 187 4 145 3 872 3 407

(Obs.: Número de habitantes "residentes", ou seja, que tinham a residência oficial neste concelho à data em que os censos se realizaram.)

Número de habitantes por Grupo Etário [8]
1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
0-14 Anos 2 059 2 143 2 185 1 910 2 052 1 706 1 354 765 664 583 511 344
15-24 Anos 1 118 1 055 1 200 1 218 1 172 1 192 1 024 575 431 479 410 309
25-64 Anos 2 976 3 043 3 056 3 100 3 397 3 406 3 304 2 670 1 963 1 856 1 792 1 625
= ou > 65 Anos 411 471 537 640 638 742 856 930 1 129 1 227 1 159 1 129
> Id. desconh 4 3 74 15 10

(Obs: De 1900 a 1950 os dados referem-se à população "de facto", ou seja, que estava presente no concelho à data em que os censos se realizaram. Daí que se registem algumas diferenças relativamente à designada população residente)

Freguesias[editar | editar código-fonte]

Freguesias do concelho de Castelo de Vide.

As freguesias de Castelo de Vide são as seguintes:

Património[editar | editar código-fonte]

Judiaria de Castelo de Vide
  • Antiga Casa da Câmara (século XV)
  • Casa Amarela (século XVIII)
  • Casa de Matos (século XIII)
  • Castelo medieval (século XIII)
  • Fortificações renascentistas (século XVII)
  • Paços do Concelho (século XVII)
  • Pelourinho (século XVIII)
  • Forte de São Roque (século XVIII)
  • Judiaria (século XIV)
  • Antiga sinagoga (século XIV)
  • Burgo medieval (século XIII)
  • Arrabaldes medievais (século XIV)
  • Santuário de Nossa Senhora da Penha (século XVI)
  • Igreja de Santa Maria da Devesa (século XVIII)
  • Fonte da Vila (século XVI)
  • Fonte da Mealhada (século XVII)
  • Fonte de Martinho (século XVII)
  • Fonte do Ourives (século XIX)
  • Fonte do Montorinho (século XIX)
  • Parque João José da Luz (Jardim Grande) (século XIX)
  • Jardim Gonçalo Eanes de Abreu (Jardim Pequeno) (século XIX)
  • Jardim Garcia de Orta (século XX)
  • Jardim Miradouro Penedo Monteiro (século XX)
  • Parque 25 de Abril (século XXI)
  • Parque Natural da Serra de São Mamede

Geminações[editar | editar código-fonte]

O concelho de Castelo de Vide é geminado com a seguinte cidade:[9]

Portugal Trancoso

Referências

  1. «Dicionário de Gentílicos e Topónimos». Portal da Língua Portuguesa. Consultado em 23 de junho de 2010. 
  2. INE (2013). Anuário Estatístico da Região Alentejo 2012 (Lisboa: Instituto Nacional de Estatística). p. 30. ISBN 978-989-25-0214-4. ISSN 0872-5063. Consultado em 05/05/2014. 
  3. Instituto Geográfico Português (2013). «Áreas das freguesias, municípios e distritos/ilhas da CAOP 2013» (XLS-ZIP). Carta Administrativa Oficial de Portugal (CAOP), versão 2013. Direção-Geral do Território. Consultado em 28/11/2013. 
  4. INE (2012). Censos 2011 Resultados Definitivos – Região Alentejo (Lisboa: Instituto Nacional de Estatística). p. 96. ISBN 978-989-25-0182-6. ISSN 0872-6493. Consultado em 27/07/2013. 
  5. INE (2012). «Quadros de apuramento por freguesia» (XLSX-ZIP). Censos 2011 (resultados definitivos). Tabelas anexas à publicação oficial; informação no separador "Q101_ALENTEJO". Instituto Nacional de Estatística. Consultado em 27/07/2013. 
  6. Lei n.º 11-A/2013, de 28 de janeiro: Reorganização administrativa do território das freguesias. Anexo I. Diário da República, 1.ª Série, n.º 19, Suplemento, de 28/01/2013.
  7. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes
  8. INE - http://censos.ine.pt/xportal/xmain?xpid=CENSOS&xpgid=censos_quadros
  9. http://www.anmp.pt/anmp/pro/mun1/gem101l0.php?cod_ent=M7320

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Castelo de Vide


Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.