Cefotaxima

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Cefotaxima sódica é uma substância utilizada como medicamento pertencente ao grupo e sub-grupos:

Trata-se de uma cefalosporina de 3ª geração. Como todas as cefalosporinas é um antibiótico beta lactâmico. Estas cefalosporinas têm um espectro de acção muito mais ampla para os gram negativos do que as cefalosporinas da 1ª e 2ª geração.

Indicações[editar | editar código-fonte]

A Cefotaxima sódica está indicada nas infecções provocadas por microrganismos gram + e gram - susceptíveis, como por exemplo infecções urinárias, faringites, sinusites, infecções respiratórias, infecções da pele e tecidos moles, otite média e amigdalites. Não têm actividade sobre enterococos e estafilococos resistentes à meticilina e Pseudomonas aeruginosa.

A sua principal indicação são as infecções graves comunitárias ou não.

Além das indicações normais das cefalosporinas, é indicada em casos graves como infecções a nível do cérebro, endocardites, gonorreia, doença de Lyme, meningite, peritonite, pneumonia, septicemia e como profilaxia antes de cirurgia.

Reacções adversas[editar | editar código-fonte]

Nota: Cerca de 10% dos doentes com hipersensibilidade às penicilinas desenvolvem também reacções de hipersensibilidade às cefalosporinas.

  • Hemorragias - as cefalosporinas que na sua fórmula molecular contêm o grupo químico tetrazoltiometil aumentam o risco de desenvolvimento de efeitos hemorrágicos (hipoprotrombinemia) e reacções tipo dissulfiram.

Contra indicações e precauções[editar | editar código-fonte]

  • em doentes com história de hipersensibilidade às penicilinas.
  • em doentes com insuficiência renal, deve ser reduzida a posologia.

Interacções[editar | editar código-fonte]

Não deve ser administrada concomitantemente com probenecida porque esta substância inibe competitivamente a secreção tubular das cefalosporinas, podendo causar um aumento significativo das suas concentrações séricas.

É incompatível a sua administração com soluções alcalinas como por exemplo soluções de bicarbonato de sódio.

Posologia[editar | editar código-fonte]

  • Adultos
    • Via IV ou IM: 1 g a 2 g de 8 em 8 horas. Até 2 g de 4 em 4 horas nas infecções graves.
  • Crianças
    • Via IV ou IM: 100 mg a 150 mg por Kg por dia, a administrar de 6 em 6 a 12 em 12 horas. Até 200 mg por kg por dia nas infecções graves.

Farmacocinética[editar | editar código-fonte]

  • A Cefotaxima sódica atravessa a barreira placentária e aparece em pequenas doses no leite materno. Esta situação não é impeditiva de administração, visto tudo indicar ser inofensiva para o recém nascido.
  • A Cefotaxima é injectada na forma de Cefotaxima sódica.
  • Quando administrada Via IM, o seu pico de maior concentração no plasma é atingido rapidamente (cerca de 30 minutos)
  • Tem uma semi vida de cerca de 1 hora e o seu metabolito desacetil-cefotaxima tem uma semi vida de cerca de 1 hora e meia.
  • Cerca de 40 % da cefotaxima liga-se às proteínas plasmáticas.

Excreção[editar | editar código-fonte]

A Cefotaxima sódica é eliminada pela urina. (Cerca de 85% sob a forma intacta de Cefotaxima sódica)

Classificação[editar | editar código-fonte]

  • MSRM
  • ATC - J01DA10
  • CAS -
    • Cefotaxima sódica - 64485-93-4
    • Cefotaxima - 63527-52-6

Fórmula molecular[editar | editar código-fonte]

C16H16N5NaO7S2

Nomes comerciais[editar | editar código-fonte]

NOME DO  MEDICAMENTO
PAÍSES ONDE É COMERCIALIZADO
Aximad
Itália
Batixim
Itália
Benaxima
México
Biosint
México
Biotax
Índia
Biotaxime
Tailândia
Cefacolin
Argentina
Cefalekol
Hungria
Cefomic
Tailândia
Ceforan
Brasil, Tailândia
Cefotax;
Hungria, Tailândia
Ceftaran
Tailândia
Ciltiren
Grécia
Clacef
Singapura
Claforan
África do Sul, Alemanha, Austrália, Áustria, Bélgica, Canadá, Dinamarca, Espanha, Estados Unidos da América, Finlândia, França, Grécia, Hong Kong, Hungria, Índia, Inglaterra, Irlanda, Israel, Itália, Malásia, México, Noruega, Nova Zelândia, Países Baixos, Singapura, Suécia, Suíça, Tailândia
Clafordil
Brasil
Claraxim
Tailândia
Flemycin
Grécia
Fortax
Tailândia
Fotax
Tailândia
Fotexina
México
Grifotaxima
Chile
Kefoxin
Brasil
Klafotaxim
África do Sul
Letynol
Grécia
Lyforan
Índia
Molelant
Grécia
Naspor
Grécia
Omnatax
Índia
Oritaxime
Tailândia
Phacocef
Grécia
Ralopar
Portugal
Refotax
Itália
Reftax
África do Sul
Sepsilem
México
Spectrocef
Itália
Spirosine
Grécia
Stoparen
Grécia
Taporin
México
Terasep
Argentina
Tizoxim
Argentina
Totam
África do Sul, Portugal
Valoran
Hong Kong, Tailândia
Viken
México
Zariviz
Itália
Zimanel
Itália
Zetaxim
Índia

Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas e referências

  1. P.R.Vade-mécum ABIMIP 2006/2007
Portal A Wikipédia possui o portal: