Consumo de álcool por estudantes universitários

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Litografia de um grupo de estudantes alemães em meio a dezenas de garrafas de bebida.

O consumo de álcool por estudantes universitários é um tema que tem gerado interesse ao redor de todo o globo.[1] No banco de dados em medicina MeSH, por exemplo, o tema recebeu um identificador único em 2016.[2] Durante a experiência universitária, os estudantes tendem a experimentar a primeira oportunidade de ser parte de um grupo sem supervisão familiar, fato que os deixa mais vulneráveis.[3] Nesse contexto, pesquisas revelam que o álcool é a substância mais consumida pelos jovens, seguida pelo tabaco, maconha e estimulantes.[3]

No Brasil[editar | editar código-fonte]

No Brasil, o Levantamento Nacional de Álcool e Drogas (Lenad) consitui, desde sua criação em 2006, uma das principais bases de dados sobre o consumo de drogas no país, incluindo o consumo de álcool por estudantes universitários. De acordo com Lenad, além do fato de apenas 20% dos adultos bebedores tenham consumido 56% de todo o álcool vendido no país, a maioria tem menos de 30 anos.[4] Uma pesquisa realizada em 2011 pela Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior, mostrou que os alunos da UFOP, no Brasil, são os que mais admitem o consumo de bebidas alcoólicas.[5]

Referências

  1. Problemas associados ao consumo de álcool em estudantes universitários (PDF). [S.l.: s.n.] Consultado em 8 de abril de 2019 
  2. «MeSH Browser». meshb.nlm.nih.gov. Consultado em 8 de abril de 2019 
  3. a b Consumo de álcool entre estudantes universitários (PDF). [S.l.: s.n.] Consultado em 8 de abril de 2019 
  4. «Estudo traça comportamento dos brasileiros em relação ao álcool | Como as Pessoas Funcionam». Superinteressante. Consultado em 8 de abril de 2019 
  5. «Jornal Estado de Minas: Morte de estudante da Ufop reacende discussão sobre exagero de álcool entre alunos». Consultado em 16 de setembro de 2015. Arquivado do original em 14 de julho de 2014 
  6. «Consumo excessivo de álcool preocupa as universidades». jcnet.com.br. 6 de outubro de 2011. Consultado em 8 de abril de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]