Divock Origi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Divock Origi
Divock Origi
Divock Origi em 2019.
Informações pessoais
Nome completo Divock Okoth Origi
Data de nasc. 18 de abril de 1995 (27 anos)
Local de nasc. Oostende, Belgica
Nacionalidade Belga
Queniano
Altura 1,85 m
Destro
Informações profissionais
Clube atual Milan
Número 27
Posição Centroavante
Clubes de juventude
2001–2010
2010–2012
Genk
Lille
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2012–2014
2014–2022
2014–2015
2017–2018
2022–
Lille
Liverpool
Lille (emp.)
Wolfsburg (emp.)
Milan
0045 0000(7)
0176 000(41)
0044 0000(9)
0036 0000(7)
0002 0000(0)
Seleção nacional3
2010
2010–2011
2011
2012–2013
2014–2015
2014–
Bélgica Sub-15
Bélgica Sub-16
Bélgica Sub-17
Bélgica Sub-19
Bélgica Sub-21
Bélgica
0002 0000(0)
0009 0000(1)
0001 0000(0)
0019 000(10)
0002 0000(0)
0032 0000(3)


2 Partidas e gols totais pelos
clubes, atualizadas até 21 de agosto de 2022.
3 Partidas e gols pela seleção nacional estão atualizadas
até 6 de julho de 2022.

Divock Okoth Origi, mais conhecido como Divock Origi (Oostende, 18 de abril de 1995) é um futebolista belga que atua como centroavante. Atualmente joga no Milan.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Lille[editar | editar código-fonte]

Origi começou sua carreira no Genk, da Bélgica, mas em maio de 2010 assinou pelo Lille, da França.

No dia 24 de janeiro de 2013, ele permaneceu no banco de reservas na vitória do Lille por 3-1 sobre o Plabennec pela Copa da França da temporada 2012-13. Já no dia 2 de fevereiro de 2013, marcou em sua estreia pela equipe principal do Lille. Após entrar no jogo aos 69 minutos, no lugar de Ronny Rodelin, igualou o marcador seis minutos mais tarde através de um cruzamento de Dimitri Payet, ajudando o time a conquistar mais um ponto na Ligue 1, no empate em casa contra o Troyes.[1][2][3][4][5]

No dia 29 de julho de 2014 foi comprado pelo Liverpool, mas continuou emprestado ao Lille.[6]

Liverpool[editar | editar código-fonte]

No dia 2 de dezembro de 2018, contra o rival Everton, Origi marcou seu primeiro gol na temporada num jogo em que o Liverpool venceu por 1 a 0. Aos 84 minutos ele entrou como substituto de Roberto Firmino e marcou de cabeça aos 96 minutos, aproveitando um erro do goleiro do Everton, Jordan Pickford.[7] Já no dia 04 de maio de 2019, substituindo o lesionado Mohamed Salah, ele marcou o gol da vitória contra o Newcastle na vitória por 3 a 2, e assim manteve o Liverpool na acirrada disputa pelo título da Premier League. No dia 7 de maio, Origi não só marcou pela primeira vez na Liga dos Campeões 2018-19, como brilhou com mais outro gol (terminou marcando dois no 4 a 0), garantindo uma virada histórica sobre o Barcelona. O time catalão, que havia vencido o jogo de ida por 3 a 0 e chegava com grande favoritismo para avançar à final, foi surpreendido com a goleada sofrida no Anfield.[8] No dia 01 de junho de 2019, entrou no lugar de Roberto Firmino e marcou o segundo gol do time inglês na final da Liga dos Campeões de 2018–19, sacramentando assim a vitória e o título do Liverpool (o 6º na história da equipe).

Em sua passagem pelo Liverpool que durou sete temporadas com 174 jogos, 41 golos e 14 assistências.[9]

Milan[editar | editar código-fonte]

Em 5 de julho de 2022 o Milan anunciou a contratação de Origi por 4 temporadas, assim O belga assinou contrato até 30 de junho de 2026.[10]

Seleção Belga[editar | editar código-fonte]

Origi atuou pelas seleções de base da Bélgica sub-15, sub-16, sub-17, sub-19 e Sub-21. Ele marcou dez gols pela equipe sub-19, o primeiro dos quais num jogo da eliminatória da UEFA Champions League de 2013, contra a Bielorrússia, no dia 12 de outubro de 2012.

Divock Origi é filho do ex-atacante queniano Michael Okoth Origi, mais conhecido como Mike Origi, podendo então defender a seleção do país do pai. Foi então que a Federação Queniana de Futebol manifestou interesse em persuadir Origi a jogar pela Seleção Queniana no futuro.[11] Isso não foi possível, pois Origi atuou pela Seleção Belga.

No dia 13 de maio de 2014, o treinador da Bélgica Marc Wilmots anunciou que Origi seria parte dos 23 atletas que representariam a Seleção na Copa do Mundo FIFA de 2014.[12] Ele entrou como substituto do companheiro de equipe Romelu Lukaku no minuto 58 da abertura do Grupo H, jogo contra a Argélia, em Belo Horizonte, no dia 17 de junho. No segundo jogo da Bélgica, mais uma vez depois de entrar como substituto de Lukaku, Origi marcou seu primeiro gol pela seleção aos 88 minutos, dando a vitória por 1 a 0 sobre a Rússia e classificando os Diabos Vermelhos para a Fase final.[13][14] Ao anotar este gol, aos 19 anos 2 meses e 4 dias, ele se tornou o jogador mais jovem a marcar um gol na Copa, o gol do jogador mais jovem da história da Bélgica em Copa do Mundo e o primeiro jogador de origem queniana a marcar um gol em Copas do Mundo FIFA.[15]

Devido a uma temporada fraca com o Wolfsburg em 2017-2018, que inclusive jogou o playout da Bundesliga, Origi não foi convocado para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Origi nasceu em uma família de jogadores de futebol. Seu pai Mike Origi jogou pelo Oostende, Racing Genk, entre outros clubes belgas, bem como pela Seleção Queniana. Seu tio, Austin Oduor, atuou no Campeonato Queniano pelo Gor Mahia, enquanto os seus outros tios Gerald e Anthony jogaram pelo Tusker.[16] Seu primo Arnold atua como goleiro pelo Lillestrøm no Campeonato Norueguês e pela Seleção Queniana.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Liverpool

Referências

  1. «Lacklustre Lille held at home» (em inglês). LFP.fr. 2 de fevereiro de 2013. Consultado em 5 de fevereiro de 2013 
  2. «B. Pedretti : "Origi, le rayon de soleil de la soirée"» (em francês). Lille OSC. 3 de fevereiro de 2013. Consultado em 5 de fevereiro de 2013. Arquivado do original em 17 de maio de 2014 
  3. Korir, Patrick (4 de fevereiro de 2013). «Divock Origi scores on Ligue 1 debut for Lille» (em inglês). Futaa.com. Consultado em 5 de fevereiro de 2013. Arquivado do original em 17 de maio de 2014 
  4. «Origi scores debut goal for Lille» (em inglês). SuperSport.com. 4 de fevereiro de 2013. Consultado em 5 de fevereiro de 2013 
  5. Machio, Dennis (4 de fevereiro de 2013). «Divock Origi scores debut goal in Ligue 1» (em inglês). MichezoAfrika.com. Consultado em 5 de fevereiro de 2013 
  6. Liverpool contrata um dos destaques da geração de ouro da Bélgica
  7. «Com falha bizarra de goleiro, Liverpool marca no último lance e vence dérbi contra o Everton». ESPN.com. 2 de dezembro de 2018. Consultado em 9 de maio de 2019 
  8. «Liverpool 4 x 0 Barcelona: Origi e Wijnaldum marcam e levam os Reds na final da Champions de forma heróica | Goal.com». www.goal.com. Consultado em 9 de maio de 2019 
  9. «Origi será apresentado pelo Milan na próxima semana». besoccer. 6 de julho de 2022 
  10. «Divock Origi assina pelo AC Milan até 2026». record. 5 de julho de 2022. Consultado em 6 de julho de 2022 
  11. Kwalimwa, David (4 de fevereiro de 2013). «Kenya FA reveal they will lure striker Divock Origi to play for Harambee Stars» (em inglês). Goal.com. Consultado em 5 de fevereiro de 2013 
  12. «Adnan Januzaj included in Belgium's World Cup squad» (em inglês). BBC Sport. 13 de maio de 2014. Consultado em 13 de maio de 2014 
  13. «Herói improvável no Maracanã, jovem belga por pouco não veio para a Copa». GloboEsporte.com. 23 de junho de 2014. Consultado em 25 de junho de 2014 
  14. «Belgium v Russia» (em inglês). BBC Sport. 22 de junho de 2014. Consultado em 22 de junho de 2014 
  15. «Divock Origi's Late Goal for Belgium Defeats Russia» (em inglês). Bleacher Report. 22 de junho de 2014. Consultado em 22 de junho de 2014 
  16. «Mike Okoth Origi: The unsung grandmaster of Kenyan Soccer» (em inglês). KenyaFootbal.com. 19 de setembro de 2006. Consultado em 25 de junho de 2014 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Divock Origi