Kevin De Bruyne

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Kevin De Bruyne
Kevin De Bruyne
Informações pessoais
Data de nasc. 28 de junho de 1991 (24 anos)
Local de nasc. Drongen,  Bélgica
Nacionalidade Bélgica belga
Altura 1,81 m
Ambidestro
Informações profissionais
Clube atual Inglaterra Manchester City
Número 17
Posição Meia
Clubes de juventude
1997–1999
1999–2005
2005–2008
Bélgica KVV Drongen
Bélgica Gent
Bélgica Genk
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2008–2012
2012–2014
2012–2013
2014–2015
2015–
Bélgica Genk
Inglaterra Chelsea
Alemanha Werder Bremen (emp.)
Alemanha VfL Wolfsburg
Inglaterra Manchester City
0108 000(19)
0009 0000(0)
0034 000(10)
0072 000(20)
0000 0000(0)
Seleção nacional3
2008–2009
2009
2011
2010–
Flag of Belgium (civil).svg Bélgica Sub-18
Flag of Belgium (civil).svg Bélgica Sub-19
Flag of Belgium (civil).svg Bélgica Sub-21
Flag of Belgium (civil).svg Bélgica
0007 0000(1)
0010 0000(1)
0002 0000(0)
0033 0000(8)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 17 de agosto de 2015.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 23 de julho de 2015.

Kevin De Bruyne (Drongen, 28 de junho de 1991) é um futebolista belga que atua como meia. Atualmente, joga pelo Manchester City.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Genk[editar | editar código-fonte]

Nascido em Drongen, Bélgica, De Bruyne começou sua carreira no KVV Drongen em 1997. Dois anos mais tarde, juntou-se ao Gent, onde permaneceu até 2005, depois transferiu-se para o Genk. Foi promovido a equipe principal em 2008, mas fez sua estreia somente no dia 9 de maio de 2009, em uma derrota por 3 a 0 para o Charleroi. Ele estabeleceu-se na equipe na temporada seguinte, em 7 de fevereiro de 2010, De Bruyne marcou seu primeiro gol pelo clube, que garantiu os três pontos para o Genk, na vitória por 1 a 0 sobre o Standard Liège. Ele marcou cinco gols e fez 16 assistências em 32 jogos da liga durante a temporada 2010–11 pelo Genk e sagrou-se campeão belga. Em 29 de outubro de 2011, De Bruyne marcou seu primeiro hat-trick contra o Club Brugge, que terminou em uma vitória por 5 a 4 a favor do Genk.

Chelsea[editar | editar código-fonte]

No dia 31 de janeiro de 2012 o Chelsea anunciou a contratação de De Bruyne, pagando ao Genk aproximadamente 7 milhões de libras com um contrato de 5 anos e meio. Ele permaneceu no Genk por empréstimo até o fim da temporada, juntando-se ao Chelsea na temporada seguinte.[1] De Bruyne disse ao site oficial do Chelsea, "Ir para um time como o Chelsea é um sonho, mas agora eu tenho que trabalhar para alcançar o nível que é necessário para jogar aqui." No dia 18 de Julho de 2012, De Bruyne estreou pelo Chelsea num amistoso contra o Seattle Sounders FC da Major League Soccer (MLS) numa vitória por 4 a 2. Na ocasião, De Bruyne também jogou o primeiro tempo do amistoso contra o Paris Saint-Germain da França no estádio Yankee Stadium em Nova Iorque.

Empréstimo para o Werder Bremen[editar | editar código-fonte]

Em 2 de agosto de 2012 o Chelsea anunciou o empréstimo por uma temporada de De Bruyne ao Werder Bremen da Bundesliga, primeira divisão da Alemanha. De Bruyne anotou seu primeiro gol pelo Bremen numa vitória por 3 a 2 contra o Hannover 96. De Bruyne continuou em boa forma, marcando novamente no jogo seguinte pelo Bremen, num empate de 2 a 2 contra o VfB Stuttgart, no dia 23 de Setembro. De Bruyne voltou a marcar no dia 18 de Novembro, anotando o gol da vitória por 2 a 1 contra o Fortuna Düsseldorf, jogo no qual o Bremen jogou com um jogador a menos.

Após dois meses sem marcar, no dia 4 de Maio de 2013, De Bruyne voltou a marcar num empate por 2 a 2 contra o TSG 1899 Hoffenheim. Na partida seguinte, num empate por 1 a 1 contra o Eintracht Frankfurt, no dia 11 de Maio, De Bruyne marcou novamente, ajudando o Werder Bremen a manter-se na Bundesliga.

Retorno ao Chelsea[editar | editar código-fonte]

Após uma temporada de sucesso com o Werder Bremen, De Bruyne teve seu nome ligado numa possível transferência para a Alemanha, com Borussia Dortmund e Bayer Leverkusen sendo os principais interessados. Entretanto, o novo técnico, José Mourinho, assegurou que De Bruyne era parte do futuro do Chelsea, e o jogador retornou oficialmente ao Chelsea no dia 1 de Julho de 2013. O agente de De Bruyne, Patrick De Koster, explicou, "Nós não recebemos nenhuma garantia, mas isso é normal num clube como o Chelsea. Cabe a você [De Bruyne] provar, como ele fez nos últimos 18 meses."

De Bruyne lesionou o joelho no jogo em que ele marcou seu primeiro gol pelo Chelsea, num amistoso de pré-temporada contra o Malaysia XI, mas se recuperou a tempo de fazer sua estreia no primeiro jogo da temporada 2013-14 da Premier League contra o Hull City, dando uma assistência para o primeiro gol na vitória por 2 a 0.

Wolfsburg[editar | editar código-fonte]

Temporada 2013-14

No dia 18 de Janeiro de 2014, Wolfsburg acertou com De Bruyne por £ 18 milhões. No dia 25 de Janeiro de 2014, jogando em casa, De Bruyne fez sua estréia pelo Wolfsburg numa derrota por 3 a 1 para o Hannover 96. No dia 12 de Abril de 2014, jogando em casa, De Bruyne anotou 2 assistências na vitória por 4 a 1 contra o FC Nürnberg. Após uma semana, jogando fora de casa contra o Hamburguer SV, De Bruyne marcou o seu primeiro gol pelo Wolfsburg numa vitória por 3 a 1. O belga também marcou nas duas últimas partidas da Bundesliga e ajudou o seu time a vencer VfB Stuttgart e Borussia Mönchengladbach.

Temporada 2014-15

De Bruyne anotou seu primeiro gol na temporada 2014-15 no dia 2 de Outubro de 2014 num empate contra o Lille da França pela Liga Europa. No dia 23 de Outubro, no terceiro jogo pelo grupo contra o Krasnodar da Rússia, De Bruyne anotou dois gols na vitória do Wolfsburg por 4 a 2, ajudando a equipe a conquistar sua primeira vitória na competição européia. No dia 30 de Janeiro de 2015, De Bruyne, em uma atuação fantástica, anotou outros dois gols e também duas assistências na vitória por 4 a 1 contra o líder da Bundesliga, Bayern Munich, selando a primeira derrota do Bayern desde Abril de 2014. No dia 1 de Março de 2015, De Bruyne anotou três assistências na vitória por 5 a 3 contra o seu antigo clube, Werder Bremen.

No dia 12 de Março de 2015, jogando pelas oitavas-de-final da Liga Europa, De Bruyne anotou dois gols na vitória por 3 a 1 contra a Internazionale. No dia 15 de Março de 2015, De Bruyne anotou um gol e uma assistência em outra vitória por 3 a 0 contra o SC Freiburg.

De Bruyne terminou a temporada da Bundesliga com 10 gols e 21 assistências, tornando-se o jogador com mais assistências em uma única edição na história da Bundesliga. O Wolfsburg terminou a temporada na 2ª colocação da Bundesliga e ganhou o direito de participar, diretamente, da Liga dos Campeões da UEFA de 2015-16. No dia 30 de Maio de 2015, em partida válida pela final da Copa da Alemanha, De Bruyne anotou um gol na vitória por 3 a 1 contra o Borussia Dortmund no Olympiastadion em Berlin.

Manchester City[editar | editar código-fonte]

Temporada 2014-15

No dia 30 de agosto de 2015, após ser especulado em diversos clubes da Europa, Kevin De Bruyne foi anunciado oficialmente como reforço do Manchester City, passando a ser a transferência mais cara da história do clube inglês e também o jogador belga mais caro da história.[2]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Genk
Wolfsburg

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. por não ter sido aproveitado com o técnico José MourinhoDe Bruyne É Anunciado No Chelsea Para A Temporada Que Vem
  2. Manchester City (30 de agosto de 2015). Kevin De Bruyne signs for Manchester City Manchester City. Visitado em 30 de agosto de 2015.
Bandeira de BélgicaSoccer icon Este artigo sobre futebolistas belgas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.