Grande Prêmio dos Estados Unidos de 2015

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Grande Prêmio dos Estados Unidos de F-1 de 2015
Austin circuit.svg
Grande Prêmio dos Estados Unidos de 2015.
Detalhes da corrida
Data 25 de outubro de 2015
Nome oficial 2015 Formula 1 United States Grand Prix
Local Circuito das Américas, Austin, Estados Unidos
Total 56 voltas / 308.405 km
Pole
Piloto
Alemanha Nico Rosberg Mercedes
Tempo 1:56.824
Volta mais rápida
Piloto
Alemanha Nico Rosberg Mercedes
Tempo 1:40.666 (na volta 49)
Pódio
Primeiro
Reino Unido Lewis Hamilton Mercedes
Segundo
Alemanha Nico Rosberg Mercedes
Terceiro
Alemanha Sebastian Vettel Ferrari

O Grande Prêmio dos Estados Unidos de 2015 (formalmente denominado 2015 Formula 1 United States Grand Prix) foi uma corrida de Fórmula 1 disputada em 25 de outubro de 2015 no Circuito das Américas, Austin, Estados Unidos.[1] Foi a décima sexta etapa da temporada de 2015.

O primeiro treino livre começou com pista molhada[2] e o segundo treino foi cancelado.[3]

Ainda devido a chuva, o treino classificatório realizado na manhã de domingo,[4] porém o Q3 foi cancelado.

O inglês Lewis Hamilton, da Mercedes, venceu a corrida e se sagrou tricampeão mundial e iguala o número de títulos de Jack Brabham, Jackie Stewart, Niki Lauda, Nelson Piquet e de seu grande ídolo Ayrton Senna.[5][6][7]

Pneus[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Categoria no Commons
Wikinotícias Notícias no Wikinotícias
Os compostos de pneus programados pela Pirelli para este Grande Prêmio[8]
Nome do composto Cor Banda de rolamento Condições de Tempo Dry Type Aderência Longevidade
Macio F1 tire Pirelli PZero Yellow.svg Slick
(P Zero)
Seco Soft Médio Médio
Médio F1 tire Pirelli PZero White.svg Slick
(P Zero)
Seco Medium Médio Médio
Intermediário F1 tire Pirelli Cinturato Green.svg Sulcos
(Cinturato)
Molhado Intermediate
(água não estagnante)
x x
Chuva F1 tire Pirelli Cinturato Blue.svg Sulcos
(Cinturato)
Molhado Wet
(água estagnante)
x x

Resultados[editar | editar código-fonte]

Treino classificatório[editar | editar código-fonte]

Pos. Piloto Construtor Q1 Q21 Grid
1 6 Alemanha Nico Rosberg Mercedes 1:56.671 1:56.824 1
2 44 Reino Unido Lewis Hamilton Mercedes 1:56.871 1:56.929 2
3 3 Austrália Daniel Ricciardo Red Bull-Renault 1:56.495 1:57.969 3
4 26 Rússia Daniil Kvyat Red Bull-Renault 1:57.640 1:58.434 4
5 5 Alemanha Sebastian Vettel Ferrari 2:00.950 1:58.596 14 1
6 11 México Sergio Pérez Force India-Mercedes 1:59.284 1:59.210 5
7 27 Alemanha Nico Hülkenberg Force India-Mercedes 1:58.325 1:59.333 6
8 7 Finlândia Kimi Räikkönen Ferrari 1:58.198 1:59.703 18 2
9 19 Brasil Felipe Massa Williams-Mercedes 2:00.902 1:59.999 7
10 33 Países Baixos Max Verstappen Toro Rosso-Renault 1:58.689 2:00.199 8
11 14 Espanha Fernando Alonso McLaren-Honda 1:59.704 2:00.265 9
12 77 Finlândia Valtteri Bottas Williams-Mercedes 1:59.569 2:00.334 15 3
13 8 França Romain Grosjean Lotus-Mercedes 2:00.236 2:00.595 10
14 22 Reino Unido Jenson Button McLaren-Honda 2:00.261 2:01.193 11
15 13 Venezuela Pastor Maldonado Lotus-Mercedes 2:00.844 2:01.604 12
16 9 Suécia Marcus Ericsson Sauber-Ferrari 2:02.212 13
17 12 Brasil Felipe Nasr Sauber-Ferrari 2:03.194 16
18 53 Estados Unidos Alexander Rossi Manor Marussia-Ferrari 2:04.176 17
19 28 Reino Unido Will Stevens Manor Marussia-Ferrari 2:04.526 19
Tempo dos 107%: 2:04.653
20 55 Espanha Carlos Sainz Jr. Toro Rosso-Renault 2:07.304 20
Fonte:[9]
Notas

↑1 - A terceira parte do treino classificatório, o Q3, foi cancelada devido a forte chuva.[10]

↑2 - Sebastian Vettel e Kimi Räikkönen, ambos da Ferrari, perderam dez posições no grid por troca da unidade de potência.

↑3 - Valtteri Bottas perdeu cinco posições no grid por troca de câmbio.

Corrida[editar | editar código-fonte]

Pos. Nu. Piloto Construtor Voltas Tempo/Retirado Grid Pontos
1 44 Reino Unido Lewis Hamilton Mercedes 56 1:50:52.703 2 25
2 6 Alemanha Nico Rosberg Mercedes 56 +2.850 1 18
3 5 Alemanha Sebastian Vettel Ferrari 56 +3.381 13 15
4 33 Países Baixos Max Verstappen Toro Rosso-Renault 56 +22.359 8 12
5 11 México Sergio Perez Force India-Mercedes 56 +24.413 5 10
6 22 Reino Unido Jenson Button McLaren-Honda 56 +28.058 11 8
7 55 Espanha Carlos Sainz Jr. Toro Rosso-Renault 56 +30.619 20 6
8 13 Venezuela Pastor Maldonado Lotus-Mercedes 56 +32.273 12 4
9 12 Brasil Felipe Nasr Sauber-Ferrari 56 +40.257 15 2
10 3 Austrália Daniel Ricciardo Red Bull-Renault 56 +53.371 3 1
11 14 Espanha Fernando Alonso McLaren-Honda 56 +54.816 9
12 53 Estados Unidos Alexander Rossi Manor Marussia-Ferrari 56 +1:15.277 17
Ret 26 Rússia Daniil Kvyat Red Bull-Renault 41 Acidente 4
Ret 27 Alemanha Nico Hulkenberg Force India-Mercedes 35 Colisão 6
Ret 9 Suécia Marcus Ericsson Sauber-Ferrari 26 Pane elétrica 14
Ret 7 Finlândia Kimi Räikkönen Ferrari 25 Acidente 18
Ret 19 Brasil Felipe Massa Williams-Mercedes 23 Suspensão 7
Ret 8 França Romain Grosjean Lotus-Mercedes 10 Colisão 10
Ret 77 Finlândia Valtteri Bottas Williams-Mercedes 5 Suspensão 16
Ret 28 Reino Unido Will Stevens Manor Marussia-Ferrari 1 Colisão 19
Fonte:[11][12]

Tabela do campeonato após a corrida[editar | editar código-fonte]

Somente as cinco primeiras posições estão incluídas nas tabelas.

Campeão
Vice-Campeão

Referências

  1. «United States» (em inglês). Formula1.com 
  2. «Na pista molhada, Nico Rosberg lidera 1º treino livre em Austin. Hamilton é 5º». Globoesporte.com. 23 de outubro de 2015 
  3. «Chuva forte e ameaça de raios forçam cancelamento do 2º treino nos EUA». Globoesporte.com. 23 de outubro de 2015 
  4. «Chuva não dá trégua e classificação nos EUA é transferida para domingo». Globoesporte.com. 25 de outubro de 2015 
  5. «Hamilton aproveita vacilo de Rosberg no fim, vence GP dos EUA e sela o tri». Globoesporte.com. 25 de outubro de 2015 
  6. «Com título, Hamilton se junta a Senna, Piquet e cia. em seleto "Clube dos Tri"». Globoesporte.com. 25 de outubro de 2015 
  7. «Tri como Senna, Hamilton promete carregar bastão do herói da infância». Globoesporte.com. 26 de outubro de 2015 
  8. «Pirelli confirm tyre allocation for Mexico City» (em inglês). Formula1.com. 13 de outubro de 2015 
  9. «Qualifying - United States» (em inglês). Formula 1. Consultado em 25 de outubro de 2015 
  10. «Sem parte final da classificação, Rosberg conquista pole em Austin com base no Q2. Hamilton larga em segundo». Grande Prêmio. 25 de outubro de 2015 
  11. «2015 Formula 1 United States Grand Prix» (em inglês). Formula 1. Consultado em 25 de outubro de 2015 
  12. «Lewis Hamilton wins his third F1 world title in US Grand Prix» (em inglês). Autosport. 25 de outubro de 2015 
Prova Anterior:
GP da Rússia de 2015
Campeonato do Mundo FIA de Fórmula 1
Temporada 2015
Próxima Prova:
GP do México de 2015

Prova Anterior:
GP dos Estados Unidos de 2014
Grande Prêmio dos Estados Unidos Próxima Prova:
GP dos Estados Unidos de 2016