Circuito das Américas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Circuito das Américas
COTA
Mapa do circuito.
Informação geral
Localização Austin, Texas, Estados Unidos
Fuso horário UTC−6 (DST: UTC−5)
Capacidade 120 000
Licença FIA Grau 1
Proprietário Circuit of the Americas LLC
Inauguração 31 de dezembro de 2010
Abertura 21 de outubro de 2012
Arquiteto Hermann Tilke
Miró Rivera Architects
Eventos principais Fórmula 1
GP dos Estados Unidos
(2012–presente)

MotoGP
GP das Américas
(2013–presente)

IndyCar Series
IndyCar Classic
(2019–presente)

WEC
6 Horas do Circuito das Américas
(2013–2017, 2020)

GT World Challenge America
(2013, 2015–presente)

W Series
(2020–presente)

Traçado Grand Prix (2012–presente)
Superfície Asfalto
Comprimento do circuito 5,513 km (3,426 mi)
Curvas 20
Volta mais rápida 1:36.169 (Charles Leclerc, Ferrari, 2019, Fórmula 1)

O Circuito das Américas (nome original: Circuit of the Americas) é um autódromo localizado na cidade de Austin, Texas. Recebe o Grande Prémio dos Estados Unidos de Formula 1 desde 2012 que não se realizava desde 2007 (nesse ano realizado em Indianapolis).

Na temporada de 2013 recebeu pela primeira vez diversas provas a contar para o Campeonato Mundial de Endurance da FIA, American Le Mans Series, Rolex Sports Car Series ou MotoGP.

História[editar | editar código-fonte]

Vista aérea do circuito.

O circuito e o Grande Prémio foram propostos pela primeira vez em meados de 2010. O circuito foi o primeiro nos Estados Unidos a ser propositadamente construído para a Fórmula 1. O traçado foi concebido pelo promotor Tavo Hellmund e Campeão do Mundo de MotoGP em 1993, Kevin Schwantz, com a ajuda do arquitecto alemão e designer de circuitos Hermann Tilke (que também desenhou os circuitos de Sepang, Xangai, Yas Marina, Istambul, Bahrein, Yeongam, e Nova Déli, bem como a remodelação de Hockenheimring e Fuji. O Grand Plaza, Torre de Observação, Torre Anfiteatro, e arquibancada principal foram projectados por empresa de arquitectura Miró Rivera Architects, baseada em Austin.

Primeira Corrida de Fórmula 1[editar | editar código-fonte]

Inicialmente, quando o calendário de 2012 foi revelado, o Grande Prêmio estava previsto para 17 de junho, inscrito num calendário com 21 provas marcadas. Contudo, 21 provas provocariam uma temporada muito extensa e, de todas essas provas, a FIA anunciou que umas delas não seria realizada, na altura em que o calendário fora anunciado. Entretanto, decidiu-se que o Grande Prémio da Turquia não seria realizado, e então reorganizou-se provisoriamente o calendário e o Grande Prêmio dos Estados Unidos, que seria realizado entre o Grande Prêmio do Canadá e o Grande Prêmio da Europa, foi adiado para o dia 18 de novembro, acolhendo a penúltima corrida do ano, de forma a dar mais tempo para conclusão da construção da pista (começada em 2011) e evitar um cancelamento do Grande Prémio.

Entretanto, com esta reorganização, muitos Grandes Prémios ficaram concentrados na fase final do campeonato, por isso, as equipas pediram um novo calendário. Com esta situação, os organizadores do Grande Prêmio da Turquia tentaram que o seu circuito voltasse ao calendário, mas não conseguiram chegar a um acordo e quando saiu o calendário definitivo, o Grande Prêmio do Bahrein, que antecederia o Grande Prémio dos EUA, passou para a data do Grande Prêmio da Turquia e a FIA aproveitou a ocasião para anunciar que Austin ficaria na Formula 1 durante 10 anos.

Vencedores em Austin[1][editar | editar código-fonte]

Ano Piloto Construtor Resumo
2019 Finlândia Valtteri Bottas Mercedes Detalhes
2018 Finlândia Kimi Raikkonen Ferrari Detalhes
2017 Reino Unido Lewis Hamilton Mercedes Detalhes
2016 Detalhes
2015 Detalhes
2014 Detalhes
2013 Alemanha Sebastian Vettel Red Bull-Renault Detalhes
2012 Reino Unido Lewis Hamilton McLaren-Mercedes Detalhes

Por pilotos, equipes e países que mais venceram1[editar | editar código-fonte]

↑1 (Última atualização: GP dos Estados Unidos de 2018)

Recordes em Austin[editar | editar código-fonte]

Piloto Chassi/Motor Tempo Extensão Ano
Pole Position Finlândia Valtteri Bottas Mercedes V6 Turbo Híbrido 1min 32s 029 5.513 km 2019
Melhor Volta na Prova Mónaco Charles Leclerc Ferrari V6 Turbo Híbrido 1min 36s 069 5.513 km 2019

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Austin Chicanef1.com - Austin