Harry Rosenbusch

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Harry Rosenbusch
Nascimento 24 de junho de 1836
Einbeck
Morte 20 de janeiro de 1914 (77 anos)
Heidelberg
Sepultamento Bergfriedhof (Heidelberg)
Nacionalidade Alemão
Cidadania Alemanha
Progenitores
  • Georg Heinrich Wilhelm Rosenbusch
Alma mater
Ocupação geólogo, pedagogo, professor(a) universitário(a), mineralogista
Prêmios Medalha Wollaston (1903)
Empregador Universidade de Heidelberg
Campo(s) Petrologia

(Karl) Heinrich/Harry (Ferdinand) Rosenbusch, Karl Heinrich/Harry Rosenbusch, ou H. F. Rosenbusch (Einbeck, 24 de junho de 1836Heidelberg, 20 de janeiro de 1914) foi um petrologista alemão.

Foi professor de petrografia e mineralogia na Universidade de Heidelberg, de 1877 a 1908. Também lecionou na Universidade de Estrasburgo.

Sepultura no Bergfriedhof em Heidelberg

Foi laureado com a medalha Wollaston de 1903 pela Sociedade Geológica de Londres.[1]

Obras literárias[editar | editar código-fonte]

  • Mikroskopische Physiographie der petrographisch wichtigen Mineralien, 1873
  • Mikroskopische Physiographie der Mineralien und Gesteine, 4 Vols., 1873-1877
  • Elemente der Gesteinsehre, 1898
  • Mikroskopische Physiographie (4th ed., Stuttgart, 1909, 2 vols.)

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Award Winners Since 1831 / Wollaston Medal» (em inglês). The Geological Society of London. Consultado em 10 de agosto de 2015. Cópia arquivada em 25 de julho de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Literatura de e sobre Harry Rosenbusch (em alemão) no catálogo da Biblioteca Nacional da Alemanha


Precedido por
Friedrich Schmidt
Medalha Wollaston
1903
Sucedido por
Albert Heim


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) geólogo(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.