Idealismo (escatologia)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Escatologia cristã
Diferenças escatológicas
Apocalypse vasnetsov.jpg
Portal do cristianismo

Idealismo (também chamado de abordagem espiritual, ou abordagem alegórica, ou abordagem não literal, e muitos outros nomes) na escatologia cristã é uma interpretação dos Livros proféticos do Antigo Testamento e do Livro do Apocalipse que vê todas as imagens que aparecem nestes como símbolos não-literais.

Estes símbolos são perpétuos e ciclicamente preenchidos em um sentido puramente espiritual (ou seja, não ligados a eventos históricos), durante o conflito entre o Reino de Deus e as forças de Satanás em todo o tempo do primeiro advento da Segunda vinda de Cristo.[1]

Como tal, é distinta do Preterismo, Futurismo e Historicismo na medida em que não vê nenhuma das profecias (exceto em alguns casos, a Segunda Vinda e o Juízo Final), como sendo cumpridos em sentido literal, físico, terrestre, ou no passado, presente ou futuro.[2]

Veja também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Stan Campbell and James S. Bell. The Complete Guide to the Book of Revelation. [S.l.]: Alpha Books, 2001. 212–213 p. ISBN 0028642384
  2. Redirectionalism: Absolute Idealism

Ligações externas[editar | editar código-fonte]