Jessica Simpson

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Jessica Simpson
Simpson em 2011
Nome completo Jessica Ann Simpson
Nascimento 10 de julho de 1980 (41 anos)
Abilene; Texas
Nacionalidade norte-americana
Parentesco Ashlee Simpson (irmã)
Cônjuge
  • Nick Lachey (c. 2002; div. 2006)
  • Eric Johnson (c. 2014)
Filho(a)(s) 3
Ocupação
Período de atividade 1998–presente
Carreira musical
Gênero(s)
Instrumento(s) vocais
Gravadora(s)
Página oficial
jessicasimpson.com

Jessica Ann Johnson (nascida Jessica Ann Simpson; Abilene, 10 de julho de 1980)[1] é uma cantora, atriz, designer de moda e autora estadunidense. Depois de se apresentar em corais de igreja na infância, Simpson assinou um contrato com a Columbia Records em 1997, aos 17 anos. Seu primeiro álbum de estúdio, Sweet Kisses (1999), vendeu dois milhões de cópias apenas nos Estados Unidos, angariado pelo êxito comercial de seu single de estreia "I Wanna Love You Forever". Em 2001, Simpson adotou uma imagem mais madura para o lançamento de seu segundo álbum de estúdio Irresistible, e sua faixa-título de mesmo nome, tornou-se sua segunda entrada no Top 20 da parada Billboard Hot 100, enquanto o álbum foi certificado com ouro pela Recording Industry Association of America (RIAA). Com In This Skin (2003), o terceiro álbum de estúdio de Simpson, o mesmo atingiu o top 2 pela Billboard 200, vendendo cinco milhões de cópias mundialmente.

Entre os anos de 2003 e 2005, Simpson tornou-se conhecida por estrelar ao lado do então marido, o cantor Nick Lachey, o reality-show da MTV, Newlyweds: Nick and Jessica, que obteve intensa popularidade. Em paralelo a carreira musical, Simpson também dedicou-se a atuação, após o lançamento de seu primeiro álbum de Natal Rejoyce: The Christmas Album de 2004, certificado com ouro, ela estreou no cinema em The Dukes of Hazzard (2005), no qual gravou uma versão cover de "These Boots Are Made for Walkin'" para a trilha sonora do filme. Em 2006, ela lançou seu quinto álbum de estúdio A Public Affair e estrelou a comédia romântica Employee of the Month. Com o lançamento de seu sexto álbum de estúdio Do You Know (2008), Simpson mudou seu gênero musical para o country.

Além de suas atividades na música e atuação, Simpson lançou uma linha de roupas e outros itens de moda chamado de The Jessica Simpson Collection em 2005. A marca já faturou mais de US$ 1 bilhão de dólares em receita. Ela também estrelou o reality show The Price of Beauty em 2010, foi jurada em duas temporadas do programa Fashion Star entre 2012 e 2013 e publicou um livro de memórias em 2020, intitulado Open Book, que alcançou o primeiro lugar na lista de mais vendidos do jornal The New York Times, ao obter vendas superiores a 59.000 mil cópias em sua primeira semana.[2]

Biografia[editar | editar código-fonte]

1980–1998: Infância e início de carreira[editar | editar código-fonte]

Simpson nasceu em 10 de julho de 1980, em Abilene, Texas.[3] Ela é a primeira filha de Tina Ann Simpson, dona de casa,[4] e Joseph "Joe" Simpson, psicólogo e um pastor da juventude da igreja batista.[5] Os pais de Simpson se casaram em 1978 e se divorciaram em 2013.[6][7][8][9] Ela possui uma irmã mais nova, Ashlee. Por ser filha de um membro de igreja cristã, ela foi criada com uma forte fé cristã. Aos 12 anos de idade, recebeu um anel da pureza de seu pai.[10] Simpson e sua família mudavam-se com frequência devido ao trabalho de seu pai, embora eles permanecessem no Texas na maior parte do tempo. Ele costumava receber mães solteiras para fornecer-lhes abrigo, por alguns períodos de tempo.[11] Em sua pré-adolescência, Simpson frequentou brevemente a Amelia Middle School, enquanto seu pai evangelizava em Cincinnati, Ohio. Depois de retornar para o Texas 20 meses depois, ela estudou na J. J. Pearce High School em Richardson durante a adolescência, embora ela tenha tido que parar de frequentar a escola em 1997, para dedicar-se a carreira artística. Um ano depois, ela ganhou seu GED (diploma do ensino médio) via ensino à distância através da Texas Tech High School.[12][13][14]

Simpson começou a cantar no coral da igreja quando criança. Aos onze anos, percebeu que esperava alcançar o sucesso como cantora enquanto participava de um retiro na igreja.[11] Aos 12 anos, ela fez o teste para integrar o programa The Mickey Mouse Club da Disney Channel, fazendo uma performance do hino cristão "Amazing Grace" e dançando "Ice Ice Baby" (1990) de Vanilla Ice.[11] Simpson avançou por várias rodadas, tornando-se uma semifinalista ao lado de artistas como Britney Spears, Christina Aguilera e Justin Timberlake. Entretanto, ela alegou que ficou nervosa com sua audição final, após ver Aguilera se apresentar, não sendo selecionada para o programa.[11] Simpson voltou a apresentar-se no coral de sua igreja e acabou sendo descoberta pelo chefe de uma gravadora de música cristã. Ele inicialmente pediu para que fizesse um teste e imediatamente a contratou, depois ela que cantou "I Will Always Love You" (1973), de Dolly Parton.[11] Simpson começou a trabalhar em seu álbum de estreia com a Proclaim Records e iniciou uma turnê para promover o projeto. Mais tarde, seu pai alegou que ela teve de parar de fazer turnês porque o tamanho de seus seios a levou a ser considerada muito "sexual" para o gênero.[11]

Seu álbum de estreia intitulado Jessica, não foi lançado pois a Proclaim Records faliu, apesar disso, sua avó financiou pessoalmente uma edição limitada do álbum.[15][16] Posteriormente, Simpson conseguiu diversas audições, já que o álbum foi enviado para inúmeras gravadoras e produtores.[11] Ela então chamou atenção do chefe da Columbia Records, Tommy Mottola, que lhe forneceu um contrato de gravação.[11] Ela começou a trabalhar em seu álbum de estreia em Orlando, Flórida. Mottola esperava comercializar Simpson como um contraste entre ela e as cantoras Spears e Aguilera, ambas as quais lançaram carreiras de sucesso focadas na dança e na sexualidade, ele alegou que "ela tinha uma bela aparência e uma ótima atitude, um rosto novo e fresco, e algo um pouco diferente de Britney e todas elas; ela realmente sabia cantar".[11] Enquanto trabalhava em sua estreia musical, Simpson delegou seu pai Joe como seu empresário e sua mãe tornou-se sua estilista.[17] Durante uma festa de Natal em 1998, ela conheceu o cantor do grupo masculino 98 Degrees, Nick Lachey, e os dois começaram a namorar; Lachey afirmou que deixou a festa e proclamou para sua mãe que se casaria com Simpson algum dia.[11]

1999–2001: Avanço com os primeiros lançamentos musicais[editar | editar código-fonte]

O seu primeiro álbum a ser lançado foi Sweet Kisses, no final de 1999, e foi um sucesso, estreando no na posição 25 da principal parada da Billboard. Teve como singles I Wanna Love You Forever, Where You Are e I Think I'm In Love With You e vendeu mais de 4 milhões de cópias e seu primeiro single chegou a uma excelente terceira posição na Billboard Hot 100.

Simpson na Celebração de Abertura 54ª Posse Presidencial

Em 2001 ela chega com seu segundo álbum - Irresistible (álbum)- que também fez sucesso. O disco trouxe uma imagem mais sexy e clipes mais bem produzidos. O primeiro single foi Irresistible, um dos grandes hits de Jessica. O segundo e último single foi A Little Bit, que não fez tanto sucesso quanto o single interior nos EUA, mas foi o primeiro single de Jessica a entrar nas paradas da América Latina.

Em 2002 ela lança um álbum somente de remixes, o This Is The Remix.

Em 2003 ela volta com toda a força, com seu quarto álbum, o In This Skin, que mostra uma Jessica Simpson mais madura vocalmente e musicalmente. Inicialmente o álbum não teve um sucesso tão grande, mas logo depois do megassucesso do seriado Newlyweeds protagonizado por Jessica e seu marido Nick, fez Jessica virar uma mega celebridade nos EUA e com isso, no feriado de natal, o álbum, que estava fora do Top 200 da Billboard, saltou para a 2ª posição com mais de 100 mil cópias vendidas naquela semana. In This Skin teve como single Sweetest Sin e o mega-hit With You , com o relançamento do álbum com um DVD e canções extras, também viraram single as regravações de Take My Breath Away e Angels. Ao todo, In This Skin ultrapassou a marca de 7 milhões de cópias vendidas.

Um disco de Natal intitulado Rejoyce: The Christmas Album foi lançado em 2004, teve como singles "Let it Snow, Let it Snow, Let it Snow", "O Holy Night" e "What Christmas Means to Me". O álbum fez um sucesso enorme no segmento natalino e vendeu mais de 2,5 milhões de cópias.

A Public Affair é o quinto álbum de estúdio da cantora. O 1º single do álbum, também intitulado A Public Affair, foi lançado em 23 de Junho de 2006, e o clipe teve sua World Premiere dia 19 de julho no TRL. No clipe, Jessica aparece ao lado de outras celebridades como Eva Longoria (Desperate Housewives), Christina Applegate (Samantha Who) e a cantora Christina Milian. Neste álbum, Jessica Simpson caminha para seu novo reinado na música, mesclando melodias R&B, batidas de Hip-Hop e o Pop Dance que a consagrou, o álbum A Public Affair foi gravado quando Jessica havia acabado de se separar de Nick Lachey, Jessica estava em meio a uma depressão pós-divórcio e dizem que é por isso que o álbum não tem tanta ousadia vocal quanto os anteriores.

Em 2008 Jessica Simpson lança seu primeiro álbum no segmento country e seu sexto álbum de estúdio "Do You Know". O primeiro single, intitulado "Come on Over" foi disponibilizado na Internet em 27 de maio de 2008, e além de receber em sua maioria críticas positivas, quebrou recordes no Billboard Hot Country Songs. Nesse álbum, Jessica declarou que está voltando á suas raízes, que é uma realização profissional em sua carreira, e que as músicas falam sobre passagens de sua vida. O álbum conta com participação da cantora Dolly Parton, ícone country que escreveu e cantou com Jessica na faixa "Do You Know" e produção de John Shanks e Brett James.

Atualmente, Jéssica está trabalhando no lançamento de seu novo Reality Show, The Price of Beauty, pelo canal americano VH1.

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Jessica é casada com o ex-jogador de futebol americano e empresário Eric Johnson, com quem tem dois filhos, Maxwell Drew Johnson nascida em 1 de maio de 2012 e Ace Knute Johnson nascido em 30 de junho de 2013, e mãe de Birdie, nascida em março de 2019.

Jessica queria se casar depois do nascimento da sua primeira filha, Maxwell, mas engravidou do segundo filho. Depois de um noivado de 3 anos casou-se em 5 de julho de 2014.[18]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Discografia de Jessica Simpson

Turnês[editar | editar código-fonte]

Como artista principal

  • DreamChaser Tour (2001)
  • Reality Tour (2004)

Como artista convidada

  • Total Request Live Tour (com diversos artistas) (2001)

Ato de abertura

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel Ref.
2002 The Master of Disguise Ela mesma [19]
2005 The Dukes of Hazzard Daisy Duke [20]
2006 Employee of the Month Amy Renfro [21]
2007 Blonde Ambition Katie Gregerstitch [22]
2008 The Love Guru Ela mesma [23]
2008 Private Valentine: Blonde & Dangerous Megan Valentine [24]

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel Notas Ref.
2002–2003 That '70s Show Annette Papel recorrente (temporada 5) [25]
2003 The Twilight Zone Miranda Evans Episódio 37: "The Collection"
2003–2005 Newlyweds: Nick and Jessica Ela mesma Reality-show [26]
2003 Room Raiders Ela mesma Participação
2004 The Nick and Jessica Variety Hour Ela mesma Especial de televisão[21]
2004 Nick and Jessica's Family Christmas Ela mesma Especial de televisão [27]
2004 A2Z Comediante palestrante Episódio: "Jessica Simpson and Nick Lachey"
2004–2005 The Ashlee Simpson Show Ela mesma Reality-show
2008 Dancing with the Stars Participação musical 7ª temporada
2009 I Get That a Lot Ela mesma Episódio: "Jessica Simpson"[28]
2010 Project Runway Participação como julgadora 8ª temporada, episódio: "Final Parte 2"
2010 The Price of Beauty Ela mesma Reality-show [29]
2010 Entourage Ela mesma Episódio: "Bottoms Up" [30]
2012 The Biggest Loser Ela mesma Episódio: "#13.11"
2012–2013 Fashion Star Juíza / Mentora 11 episódios [31]
2014 Funny or Die Presents Daisy Duke Episódio: "The Babadooks of Hazzard"
2018 Ashlee + Evan Ela mesma Episódio: "I Do"

Referências

  1. Schlosser, Kurt (15 de julho de 2014). «Jessica Simpson changes into bathing suit — and new last name». Today Entertainment 
  2. «Unit Sales Down 3.2% in Early February» 
  3. «Jessica Simpson Biography». Fox News. 25 de março de 2015. Consultado em 8 de março de 2020 
  4. «Jessica Simpson's Parents Joe And Tina File For Divorce». Mtv.com. Consultado em 17 de junho de 2016 
  5. «Jessica Simpson Biography (1980–)». Filmreference.com  Source notes of birthplace Abilene, Texas: "other sources cite Dallas or Richardson".
  6. McKay, Hollie. «Source: Jessica Simpson's parents had 'marriage of convenience' for some time». Fox News Channel. Consultado em 13 de setembro de 2014 
  7. «Joe and Tina Simpson File for Divorce While Rumors Circulate». People. Consultado em 13 de fevereiro de 2019 
  8. «Joe Simpson Tina Simpson Divorce Finalized». People. 25 de abril de 2013. Consultado em 13 de fevereiro de 2019 
  9. «Jessica Simpson's parents finalize divorce after 34 years of marriage». Daily News. Nova Iorque. 25 de abril de 2013 
  10. «Jessica Simpson – Interviews, news, newspapers, magazines, radio, TV, internet». Jessicasimpsonweb.yaia.com. Consultado em 4 de outubro de 2012 
  11. a b c d e f g h i j Cohen, Rich (4 de maio de 2009). «The Jessica Simpson Question». Vanity Fair. Nova Iorque: Condé Nast 
  12. Gornstein, Leslie (11 de março de 2007). «Did Britney and Jessica go to high school?». E!. Consultado em 19 de fevereiro de 2019 
  13. «Jessica Simpson | Music Videos, News, Photos, Tour Dates, Ringtones, and Lyrics». MTV. Consultado em 21 de fevereiro de 2011. Arquivado do original em 28 de fevereiro de 2011 
  14. «Jessica Simpson Biography». Fox News Channel. 3 de janeiro de 2008. Consultado em 7 de agosto de 2008. Arquivado do original em 30 de outubro de 2008 
  15. Donovan, Kevin P. (5 de dezembro de 2008). «Jessica Simpson Mulls Religious Studies». The Christian Post. Consultado em 13 de setembro de 2014 
  16. «Jessica Simpson». Yahoo!. 20 de abril de 2011. Consultado em 3 de abril de 2014. Arquivado do original em 26 de outubro de 2012 
  17. «BIOGRAPHY: Jessica Simpson Lifetime». Lifetime UK. Arquivado do original em 2 de fevereiro de 2017 
  18. «Jessica Simpson deu o nó com Eric Johnson» 
  19. «Jessica Simpson in Master of Disguise». Celeb Fire. Consultado em 31 de julho de 2006. Arquivado do original em 3 de novembro de 2013 
  20. «Jessica Goes Daisy: Her Wow Workout». People. Consultado em 15 de agosto de 2005 
  21. a b «Jessica Simpson reveals secret 'Employee of the Month' flaw». Reality TV World. United Press International. 30 de junho de 2006. Consultado em 30 de junho de 2006 
  22. «Jessica Simpson's 'Blonde Ambition' A Hit...In The Ukraine». Starpulse. Consultado em 21 de fevereiro de 2008. Arquivado do original em 14 de março de 2008 
  23. «Video: Jessica Simpson's Cameo in The Love Guru». Crushable. Nova Iorque: Defy Media. 10 de julho de 2008. Consultado em 10 de julho de 2008. Arquivado do original em 22 de outubro de 2013 
  24. Miller, Korin. «Jessica Simpson's 'Private Valentine' (aka 'Major Movie Star') heads straight to DVD». New York Daily News. Nova Iorque: Tribune Publishing. Consultado em 4 de fevereiro de 2009 
  25. «Your Time Is Gonna Come (a.k.a. Get Off My Boyfriend)». TV.com. Consultado em 8 de agosto de 2008 
  26. «Nick Lachey & Jessica Simpson's "Newlyweds" Love Nest». Hooked on Houses. 19 de julho de 2010. Consultado em 19 de julho de 2010 
  27. Freydkin, Donna (1 de dezembro de 2004). «Sugar-coated 'Christmas'». USA Today 30. Consultado em 30 de novembro de 2004 
  28. «Jessica Simpson, Heidi Klum, Jeff Probst, Ice-T, LeAnn Rimes, Mario Lopez». TV. Consultado em 2 de abril de 2009 
  29. Stasi, Linda. «'The Price of Beauty' in the eye of the beholder». New York Post. Consultado em 15 de março de 2010 
  30. «Jessica Simpson's Entourage Cameo Has Bite». E!. 23 de julho de 2010. Consultado em 23 de julho de 2010 
  31. «Jessica Simpson joins NBC's 'Fashion Star'». Today. Consultado em 13 de junho de 2011 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Wikiquote Citações no Wikiquote
Commons Categoria no Commons