Jogos Parapan-Americanos de 2019

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Current event marker.png
Este artigo ou seção é sobre um evento desportivo que ainda não ocorreu.
A informação apresentada pode mudar com frequência. Não adicione especulações, nem texto sem referência a fontes confiáveis.
Sports icon.png
VI Jogos Parapan-Americanos
Lima 2019
Dados
Países participantes 28 países
País anfitrião  Peru
Atletas 1 690
Eventos 8 eventos em 17 esportes
Cerimônia de abertura 23 de agosto
Cerimônia de encerramento 1 de setembro
Estádio principal Estádio Nacional do Peru
◄◄ Toronto 2015 Canadá {{{evento}}} Santiago 2023 Chile ►►

Os VI Jogos Parapan-Americanos serão realizados na cidade de Lima, no Peru, que foi escolhida sede em 11 de outubro de 2013 em Toronto, no Canadá. Esta é a primeira vez que o país sediará um evento esportivo internacional importante.

Escolha da sede[editar | editar código-fonte]

Durante a Assembleia Geral da ODEPA,realizada em outubro de 2013,na cidade canadense de Toronto,foi realizada a eleição para a sede dos Jogos Pan-Americanos de 2019.Quatro cidades ofereceram um projeto para sediar os Jogos (todas localizadas em Comitês Olímpicos Nacionais pertencentes a região 3 da entidade,que engloba a América do Sul,além de Aruba e o Panamá).Além de Lima,estavam envolvidas no processo : Santiago do Chile, La Punta (na Argentina) e a Ciudad Bolívar (na Venezuela).

A capital peruana recebeu 31 votos, contra um empate de 9 votos para Santiago e La Punta e 8 votos para a proposta venezuelana .Como em apenas uma rodada de votação a cidade peruana obteve mais da metade dos votos,a ODEPA declarou Lima como sede dos Jogos para 2019.Santiago ,seria candidata única para a edição posterior em 2023 ,sendo aclamada como sede.em 2017.[1]

Resultado Final da Votação
Cidade País Votos
Lima  Peru 31
La Punta  Argentina 9
Santiago  Chile 9
Ciudad Bolívar  Venezuela 8

Organização[editar | editar código-fonte]

Transporte[editar | editar código-fonte]

Uma das grandes preocupações do Comitê Organizador se tratava dos transportes durante as competições, devido ao grande fluxo de veículos na região peruana. Para isso, foram criadas vias alternativas de tráfego na cidade, além de contar com o apoio do governo e o exército peruano para o auxílio do trânsito para evitar congestionamentos e facilitar o transporte de atletas durante os dias de competições.[2]As carrocerias de ônibus Caio Apache Vip e chassi Mercedes-Benz ofertaram suas frotas de ônibus através de uma licitação da concessionaria local Divemotor com o objetivo de atender a grande demanda de passageiros durante o Pan contando com itinerário eletrônico e iluminação interna em LED, poltronas ergonômicas semi-estofadas e duas portas de acionamento pneumático, com acesso dianteiro. O modelo adquirido tem capacidade para acomodar 90 passageiros, sendo 52 sentados e 37 em pé. Após os Jogos Pan-Americanos, os ônibus serão vendidos a empresas locais de transporte público.[3]

Além disso, algumas vias também passam por revitalização e obras como o caso da Avenida La Molina, Avenida Nicolás Arriola, a Interconexão Armendáriz, a Antigua Panamericana Sur Tramo I: Avenida Pedro Miota, a Antigua Panamericana Sur Tramo IV: Ponte Arica - Santa María del Mar, a Auxiliar Antigua Panamericana Sur Tramo II: Avenida Mateo Pumacahua - Refinería Conchán, a Via Expressa Santa Rosa, que estarão prontas antes de julho de 2019.[4]As obras também pretendem facilitar o tráfego entre Lima e a região de Callao.

Para o uso do metrô, estão previstos a criação de um cartão único sendo estabelecido um valor fixo tanto para o Metrô Metropolitano, como para o Metrô de Lima.[5]

Voluntariado[editar | editar código-fonte]

A organização dos jogos criou um programa de voluntariado para as competições, ofertando benefícios como alimentação, uniformes, cursos de capacitação, seguro, rede de contato, dupla certificação, experiência única e transporte. Além disso, serão oferecidos hospitalidade, participação e trabalho em equipe.[6] Para seleção, espera-se que sejam escolhidos 7 mil candidatos para as competições dos Jogos Parapan-Americanos num total de 19 mil candidaturas.[7]

Ingressos[editar | editar código-fonte]

A venda de ingressos para acompanhar de perto as competições dos jogos terão início em 4 de julho de 2019. As vendas foram realizadas tanto nas bilheterias espalhadas na cidade e nos locais de competição, como no site oficial, através do e-ticket no qual não será preciso imprimir os bilhetes, podendo apresentar os mesmos através do celular na entrada das arenas. O valor dos ingressos é estimado em 10 sóis peruanos, com desconto de 50% para pessoas menores de 18 anos, idosos e pessoas com deficiência.[8][9]

Medalhas[editar | editar código-fonte]

As medalhas que serão distribuídas na competição serão distribuídas pela Sociedade Nacional de Minério do Peru através da campanha "Minério para todos". As medalhas terão um peso de 80mm de diâmetro e peso de 300 gramas, tendo uma base de cobre e estarão banhadas de ouro e prata. Elas terão imagens da Costa, Serra e Selva do Peru tanto no verso como no inverso. Serão entregue 617 medalhas de ouro, 617 medalhas de prata e 679 de bronze durante os jogos.[10]

Locais de competição[editar | editar código-fonte]

A despesa total para a preparação dos Jogos Pan-Americanos e Parapan-Americanos se aproximará dos US$ 1,2 bilhões de dólares.[11] Este montante será divido entre infraestrutura esportiva (US$ 470 milhões), construção da Vila Pan-Americana (US$ 180 milhões), gastos gerais de organização (US$ 430 milhões) e maiores imprevistos (US$ 106 milhões).

O comitê da candidatura Lima 2019 estabeleceu originalmente um total de dezenove sedes e locais de competições, para assim receber o evento na capital peruana.

O Plano Diretor de Lima 2019,foi lançado oficialmente em 23 de outubro de 2014, no qual se definiu os locais que receberão as modalidades. Em 7 de julho de 2015, durante a 53ª Assembleia Geral da Organização Desportiva Pan-Americana realizada em Toronto, o presidente da Comitê Organizador de Lima 2019 anunciou o progresso das obras, bem como o Plano Diretor, que passou por algumas alterações (visando a redução dos custos). Assim, foi alterado o local da Vila Pan-Americana (que seria originalmente localizada no bairro de Villa Maria del Triunfo), além de terem sido confirmados das demais sedes esportivas. Novos planos para os projetos de transporte na cidade, e de segurança dos jogos, tomaram parte das alterações no Plano Diretor.

Seis grandes zonas form criadas na Região Metropolitana de Lima, sendo elas os principais locais que receberão eventos dos Jogos Pan-Americanos de 2019.

Sedes das competições[editar | editar código-fonte]

Estadio Nacional del Peru
Instalação Imagem Evento Capacidade
Estadio Nacional
Estadio Nacional de Lima, Peru..jpg
Olympic Rings Icon.svg Cerimônias
50000
Clúster A
Instalação Imagem Evento Capacidade
Villa Deportiva Regional del Callao
Coliseo Miguel Grau
Goalball pictogram (Paralympics).svg Golbol
2400
Polideportivo del Callao
Taekwondo pictogram.svg Taekwondo e Sitting volleyball pictogram (Paralympics).svg Voleibol sentado
6100
Costa Verde San Miguel
Circuito San Miguel
Panorama of Chorrillos, Lima, Peru-Skyline.jpg
Cycling (road) pictogram (Paralympics).svg Ciclismo de rua
Espaço livre
Clúster B
Instalação Imagem Evento Capacidade
Villa Deportiva Nacional (VIDENA)
Estadio Atlético
Athletics pictogram (Paralympics).svg Atletismo
12000
Centro Acuático
Swimming pictogram (Paralympics).svg Natação
4000
Velódromo
Cycling (road) pictogram (Paralympics).svg Ciclismo de pista
2500
Polideportivo 1
Wheelchair basketball pictogram (Paralympics).svg Basquetebol em cadeira de rodas
2300
Polideportivo 2
Judo pictogram.svg Judô e Powerlifting pictogram (Paralympics).svg Powerlifting
1100
Polideportivo 3
Wheelchair badminton pictogram (Paralympics).svg Badminton e Table tennis pictogram.svg Tênis de mesa
860
Clúster C
Instalação Imagem Evento Capacidade
Complejo Deportivo Villa María del Triunfo
Campo de Hockey
Football 5-a-side pictogram (Paralympics).svg Futebol de 5
3500
Campo de Rugby
Football 7-a-side pictogram (Paralympics).svg Futebol de 7
3400
Outras sedes de Competição
Base Aérea Las Palmas
EN BASE AÉREA LAS PALMAS SE PRESENTARON AERONAVES ADQUIRIDAS POR EL PERÚ (23554920113).jpg
Archery pictogram (Paralympics).svg Tiro desportivo
Clúster D
Instalação Imagem Evento Capacidade
Polideportivo Villa El Salvador
Polideportivo de Villa El Salvador
Boccia pictogram (Paralympics).svg Bocha e Wheelchair rugby pictogram (Paralympics).svg Rugby em cadeira de rodas
6100
Outras sedes de competição
Lawn Tennis de la Exposición
Wheelchair tennis pictogram (Paralympics).svg Tênis em cadeira de rodas

Locais de Não competição[editar | editar código-fonte]

Aeroporto Internacional Jorge Chávez, ponto principal de conexão entre Lima o mundo.
A Villa Pan-Americana e Parapanamericana de Lima 2019
Sede Lugar Uso Capacidade Estado
Aeroporto Internacional Jorge Chávez Callao Chegadas e saídas Espaço livre Existente
Centro de Convenciones de Lima San Borja Centro Internacional de Imprensa 10 000 Existente
Centro de Radio e Televisão
Vila Panamericana de Lima Villa El Salvador Alojamento de atletas 9000 Existente

Participantes[editar | editar código-fonte]

Um total de 28 países participarão dos Jogos.


Esportes[editar | editar código-fonte]

Eventos em 16 esportes serão disputados nesta edição,sendo que o ciclismo será dividido em dois eventos: estrada e pista.Os eventos no goalball, voleibol sentado e o basquete em cadeira de rodas irão acontecer tanto para os homens e para as mulheres,o rugby em cadeira de rodas continua sendo um evento misto,enquanto que o futebol de 5 e futebol de 7 serão exclusivos para homens.Três esportes irão fazer as suas estreias: badminton, taekwondo e o tiro desportivo.Sete destes esportes irão distribuir as vagas continentais para os Jogos Paralímpicos de Verão de 2020.[12]

Símbolos[editar | editar código-fonte]

Logotipo[editar | editar código-fonte]

Em 26 de julho de 2016 Luisa Villar, presidente da Associação Nacional Paraolímpico do Peru (ANPP), foi responsável por apresentar o emblema dos Jogos Parapan-americanos. A Flor de Amancaes, assim como no Pan, será o principal rosto do evento multidisciplinar, que está sendo apresentado como um emblema oficial dos Jogos Parapan-americanos 2019. Após Lima, a linha do logotipo da Pan Am contém três pistilos de verde, vermelho e azul são também referência direta aos atletas comemorando em um pódio e agitos' , que representa o movimento paraolímpico internacional.

O projeto foi desenvolvido pelos mesmos artistas que venceram no concurso público para o logotipo dos Jogos Pan-Americanos, os artistas Arequipa Diego Sanz e Jorge Luis Zárate. Com isso, buscam unificar esforços em uma imagem que simboliza a Lima e o esporte paralímpico no país.

Mascote[editar | editar código-fonte]

Milco, mascote oficial (ao centro) dos jogos

Em junho de 2017, após mais de mil apresentações, o comitê organizador revelou os três últimos da competição por ser o mascote dos jogos. Os três desenhos finais foram: Milco, que foi influenciada pelas esculturas de Cuchimilco, uma flor chamada Wayqi Amantis e uma lagartixa com as pontas das folhas. Em julho de 2017, foi anunciado que Milco foi o vencedor do concurso, recebendo 45% dos votos. Houve aproximadamente 44.154 votos no concurso, o maior de todos os tempos para uma competição de animais de estimação nos Jogos Pan-Americanos. O designer vencedor do concurso recebeu S/.15,000 Soles (ou aproximadamente US$ 4.600). O corpo de Milco é laranja e a cor do seu short é vermelho, representando a bandeira peruana.


Referências

  1. Tvn, 24Horas.cl (4 de novembro de 2017). «Santiago será la sede de los Juegos Panamericanos de 2023». 24Horas.cl (em espanhol) 
  2. «Transporte preocupa organizadores do Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru». Globoesporte. Consultado em 9 de junho de 2019 
  3. jessicabus (5 de junho de 2019). «Capital do Peru recebe 300 ônibus Caio Apache Vip com chassi Mercedes-Benz para Jogos Pan-Americanos». Diário do Transporte. Consultado em 9 de junho de 2019 
  4. PERÚ, Empresa Peruana de Servicios Editoriales S. A. EDITORA. «Juegos Panamericanos 2019: MTC debate para impulsar proyectos viales». andina.pe (em espanhol). Consultado em 9 de junho de 2019 
  5. larepublica.pe https://larepublica.pe/sociedad/1403474-juegos-panamericanos-evaluan-instaurar-tarjeta-unica-transporte. Consultado em 9 de junho de 2019  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  6. «Voluntariado: Beneficios y Pilares | Juegos Panamericanos y Parapanamericanos Lima 2019». www.lima2019.pe. Consultado em 9 de junho de 2019 
  7. «Prepare-se para Lima 2019 | Mundo Voluntário». Consultado em 9 de junho de 2019 
  8. «Ingressos para o Pan de Lima a partir de 27 de maio | Laguna Olímpico». Laguna Olímpico - Análises, informações e histórias sobre os esportes olímpicos (em inglês). 1 de maio de 2019. Consultado em 9 de junho de 2019 
  9. «Ingressos para o Pan de Lima-2019 só começarão a ser vendidos no final de maio | Laguna Olímpico - Análises, informações e histórias sobre os esportes olímpicos | LANCE!». Laguna Olímpico - Análises, informações e histórias sobre os esportes olímpicos (em inglês). 25 de fevereiro de 2019. Consultado em 9 de junho de 2019 
  10. Futbolperuano.com, Redacción (3 de maio de 2019). «¿Quién fabricará las medallas de los Juegos Panamericanos Lima 2019?». Futbolperuano.com (em espanhol). Consultado em 9 de junho de 2019 
  11. «El presupuesto para Lima 2019 está casi listo». larepublica.pe (em espanhol). 21 de julho de 2016 
  12. «Lima 2019 Sports». International Paralympic Committee. 8 July 2019  Verifique data em: |data= (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]