José Rogério de Oliveira Melo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Rogério
Informações pessoais
Nome completo José Rogério de Oliveira Melo
Data de nasc. 24 de dezembro de 1990 (27 anos)
Local de nasc. Pesqueira (PE), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,77 m
Destro
Apelido Neymar do Nordeste
Informações profissionais
Clube atual Sport
Número 90
Posição Atacante
Clubes de juventude
2006
2007–2008
Pesqueira
Porto
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2009–2010
2010
2011–2015
2013–2014
2014
2015
2015–2017
2016–2017
2017–
Porto
Central (emp.)
Náutico
Al Dhafra (emp.)
Botafogo (emp.)
Vitória (emp.)
São Paulo
Sport (emp.)
Sport
00000 0000(0)
00004 0000(0)
00118 000(26)
00010 0000(3)
00020 0000(2)
00028 000(10)
00032 0000(7)
00027 0000(8)
00068 000(10)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 23 de abril de 2018.

José Rogério de Oliveira Melo, também conhecido como Rogério (Pesqueira, 24 de dezembro de 1990), é um futebolista brasileiro que atua como atacante, e que atualmente joga pelo Sport.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Porto[editar | editar código-fonte]

Rogério foi revelado para o futebol no Porto de Caruaru, clube com trabalho reconhecido nas categorias de base, de onde foram revelados jogadores como Elicarlos e Araújo. Jogando pelo Porto, obteve destaque suficiente para ser transferido para o Náutico.

Central[editar | editar código-fonte]

Rogério teve uma breve passagem pelo Central Sport Club de Caruaru, onde disputou a Série D de 2010 pelo clube centralino, sem marcar gols.[1]

Náutico[editar | editar código-fonte]

Rogério foi contratado pelo Náutico no final de 2010 chegando com o status de jovem promessa. O jogador acertou um contrato de duração de 5 anos com o clube, e o Náutico adquiriu parte dos direitos federativos do atleta.[2] Rogério marcou o seu primeiro gol jogando pelo clube no triunfo do Náutico por 1 a 0 contra o Vitória das Tabocas, em partida válida pelo Campeonato Pernambucano em janeiro de 2011.[3]

Em 2011, passou grande parte do Campeonato Pernambucano na reserva, participando de algumas poucas partidas como titular.[4] Foi somente na Série B de 2011 que conquistou a titularidade, participando de 36 dos 38 jogos do Náutico, sendo escalado como titular em 33 deles. Foi figura importante no ataque do time, tendo marcado 6 gols na campanha que levou o Náutico à Série A como vice-campeão da Série B daquele ano.[5]

Em 2012, em sua quarta partida no ano, sofreu uma entrada violenta do lateral-direito Maneco, do América-PE, que causou o rompimento dos ligamentos do joelho de Rogério.[6] Maneco foi suspenso por três jogos. Já o juiz Cláudio Mercante, que na ocasião deu somente um cartão amarelo ao jogador, mais tarde foi punido com a geladeira, sendo proibido de apitar jogos do Campeonato Pernambucano de 2012.[7] O jogador passou 6 meses se recuperando, voltando a jogar somente no meio da Série A do mesmo ano. Pelo Brasileirão, participou de 15 partidas sem ter marcado um gol sequer.[8]

Em 2013, durante o Carnaval, o atacante desapareceu dos treinos do Timbu, faltando 3 dias sem dar explicações nem divulgar seu paradeiro. Na justiça, o atacante conseguiu uma liminar que o liberou do vínculo com o Náutico, ao alegar não ter recebido os salários de dezembro e janeiro, além do não recolhimento do FGTS e outros vencimentos.[9] No dia seguinte, o Departamento Jurídico do clube conseguiu cassar a liminar do atacante, comprovando todos os documentos dos pagamentos em dia.[10] Poucos dias depois, o atacante se reapresentou ao Náutico, recebendo perdão do presidente.[11] Após tal incidente, o jogador parece ter ganhado foco e melhorado suas habilidades na finalização - que antes lhe importunavam -, tendo marcado 14 gols no Campeonato Pernambucano .[12][13]

Empréstimos[editar | editar código-fonte]

No dia 11 de março de 2013, renovou com o Náutico até 2016.[14] No final de 2013, após a campanha desastrosa da equipe, o Náutico emprestou o atacante ao Al Dhafra[15] e posteriormente ao Botafogo. No time carioca, foi dispensado no final da temporada de 2014.

Vitória[editar | editar código-fonte]

Em 19 de dezembro de 2014, foi confirmado como novo reforço do Vitória para 2015, após o Náutico alegar falta de condição para bancar o alto salário do atleta e o Vitória arcar com todo o salário dele.[16][17]

São Paulo[editar | editar código-fonte]

No dia 24 de agosto de 2015, Rogério foi definitivamente vendido para o São Paulo que comprou 65% de seus direitos econômicos, assinando um contrato de 3 anos.[18]Logo na estreia, contra o Internacional no Morumbi, fez seu primeiro gol com a camisa tricolor, na vitória por 2 a 0. No dia 06 de dezembro de 2015 Rogério marcou um gol em cima do Goiás, garantindo o Tricolor do Morumbi na Libertadores 2016.[19]

Em 10 de fevereiro de 2016, em partida diante do peruano César Vallejo, Rogério marcou o gol que daria a classificação do São Paulo à fase de grupos da Libertadores.[20]

Sem espaço, Rogério seria emprestado, antes de concretizar o empréstimo para o Sport, o São Paulo comprou o resto do passe de Rogério para ficar com o 100% do passe.[21]

Sport[editar | editar código-fonte]

No dia 17 de junho de 2016, o São Paulo emprestou o atacante ao Sport, foi adquirido pelo Leão da Ilha, 25% do passe de Rogério, foi pago ao Tricolor Paulista R$ 2,5 milhões.[22]Após boas atuações pelo Sport, foi comprado em definitivo junto ao São Paulo, assinando contrato até 2021 com o time de Recife.[23]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Natural de Pesqueira, no agreste pernambucano, Rogério é descendente de indígenas da tribo xucuru. Tem dois filhos David Ruan e Luccas Benjamim é casado com Eugênia [24]

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Até 23 de abril de 2018.

Clubes[editar | editar código-fonte]

Clube Temporada Campeonato
nacional
Copa
nacional[a]
Competições
continentais[b]
Outros
torneios[c]
Total
Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist.
Porto 2009 0 0 0 0 0 0
2010 0 0 0 0 0 0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Central 2010 4 0 0 4 0 0
Total 4 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 4 0 0
Náutico 2011 36 6 4 3 0 0 15 2 0 54 8 4
2012 15 0 0 4 1 0 19 1 0
2013 24 3 1 2 0 0 2 0 0 17 14 0 45 17 1
Total 75 9 5 5 0 0 2 0 0 36 17 0 118 26 5
Al Dhafra 2013–14 8 2 0 2 1 0 10 3 0
Total 8 2 0 2 1 0 0 0 0 0 0 0 10 3 0
Botafogo 2014 17 2 0 3 0 0 20 2 0
Total 17 2 0 3 0 0 0 0 0 0 0 0 20 2 0
Vitória 2015 14 5 1 2 2 0 12 3 0 28 10 1
Total 14 5 1 2 2 0 0 0 0 12 3 0 28 10 1
São Paulo 2015 14 4 1 14 4 1
2016 5 1 0 3 1 0 10 1 0 18 3 0
Total 19 5 1 0 0 0 3 1 0 10 1 0 32 7 1
Sport 2016 26 8 2 1 0 0 27 8 2
2017 27 2 3 6 2 0 8 0 0 18 6 1 59 10 4
2018 1 0 0 1 0 1 0 0 0 7 0 3 9 0 5
Total 54 10 5 8 2 1 8 0 0 25 6 4 95 18 11
Total na carreira 191 33 12 20 5 1 13 1 0 83 27 4 307 66 17

Gols pelo São Paulo:

Gols pelo Sport:

Títulos[editar | editar código-fonte]

Náutico
Sport

Referências

  1. «CENTRAL: Relembre as participações da patativa nas séries D de 2009 e 2010». Girodosesportes.com.br. Consultado em 14 de fevereiro de 2013. 
  2. «PE: Náutico contrata atacante Rogério, do Porto… de Caruaru». Futebolinterior.com.br. Consultado em 14 de fevereiro de 2013. 
  3. «Náutico vence o Vitória por 1 x 0 em jogo que teve pouco futebol». Superesportes. Consultado em 14 de fevereiro de 2013. 
  4. «Após conquistar a titularidade no Náutico, Rogério foca na artilharia». Globoesporte.com. Consultado em 14 de fevereiro de 2013. 
  5. «O "último moicano" de Rogério». Globo.com. Timblog do torcedor alvirrubro de Recife. Consultado em 14 de fevereiro de 2013. 
  6. «Por entrada em Rogério, Maneco é suspenso por três jogos». Universo Online. Blog do Torcedor. Consultado em 14 de fevereiro de 2013. 
  7. «Cláudio Mercante está na geladeira até o fim do estadual». Universo Online. Blog do Torcedor. Consultado em 14 de fevereiro de 2013. 
  8. «Rogério justifica gols perdidos pelo Náutico e treina finalização». GloboEsporte.com. Consultado em 14 de fevereiro de 2013. 
  9. «Rogério consegue liminar que o libera do vínculo com o Náutico». GloboEsporte.com. Consultado em 14 de fevereiro de 2013. 
  10. «Náutico comprova pagamentos e consegue cassar a liminar do atacante Rogério». Superesportes. Consultado em 14 de fevereiro de 2013. 
  11. «De volta ao Náutico, "iludido" Rogério recebe perdão de presidente». Terra. Consultado em 20 de fevereiro de 2013. 
  12. «Com 17 gols, Elton é o artilheiro do Pernambucano». Site oficial do Náutico. Consultado em 14 de julho de 2013. 
  13. «Pelo Náutico, Elton termina Campeonato Pernambucano na artilharia». Yahoo!. Yahoo Esportes. Consultado em 14 de julho de 2013. 
  14. «Náutico renova contrato com Rogério até 2016». Jornal do Commercio. Consultado em 12 de março de 2013. 
  15. UOL. «Rogério é emprestado pelo Náutico e vai atuar nos Emirados Árabes». UOL. Consultado em 15 de janeiro de 2014. 
  16. A Tarde (18/12/2014) Náutico confirma vinda de Rogério para o Vitória acesso em 19/12/2014
  17. EC Vitória (19/12/2014) Contratado acesso em 19/12/2014
  18. UOL. «SP resolve pendência com Vitória e acerta contratação de atacante». Consultado em 24 de agosto de 2015. 
  19. «Com golaço de Rogério, São Paulo vai à Libertadores e rebaixa o Goiás». Globoesporte. 6 de Dezembro de 2015. Consultado em 14 de Janeiro de 2016. 
  20. São Paulo conta com herói "esquecido" para vencer e avançar na Libertadores
  21. São Paulo compra 100% de Rogério e espera R$ 2,5 milhões do Sport
  22. Rogério explica saída do São Paulo: "Peço que me entendam"
  23. «Sport compra Rogério e artilheiro é do Leão por mais quatro anos». sportrecife.com.br. 6 de abril de 2017. Consultado em 6 de abril de 2017. 
  24. «Retirante da bola, Rogério vence resistência do pai para fugir do campo». GloboEsporte.com. Consultado em 14 de fevereiro de 2013. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre um futebolista brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.