Mercury (automóveis)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações (desde maio de 2012). Ajude a melhorar este artigo inserindo fontes.
Mercury
Empresa de capital aberto
Atividade Automobilística
Fundação 1939 por Edsel Ford
Encerramento 2011
Sede Dearborn, Michigan,  Estados Unidos
Produtos Automóveis
Website oficial www.mercuryvehicles.com

Mercury foi uma marca de automóveis pertencente à Ford Motor Company.

História[editar | editar código-fonte]

A Mercury surgiu em 1939 como alternativa intermediária entre a marca mais popular Ford e a refinada Lincoln. Henry Ford não planejava construir veículos de luxo, mas foi convencido por seu filho Edsel a comprar a Lincoln. Como ficou evidente a diferença de qualidade entre as duas marcas, Edsel decidiu criar uma nova divisão. Nasceu, em 1938, a Mercury, que recebeu esse nome em homenagem ao deus romano Mercúrio, deus da venda, lucro e comércio.[1]

Modelos[editar | editar código-fonte]

Galeria[editar | editar código-fonte]

Mercury Cougar de 1967. 
Mercury Marquis de 1978. 
Mercury Topaz de 1987. 
Mercury Mystique de 1998. 
Mercury Mariner Hybrid de 2008, último modelo da companhia. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre automóveis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. Bitu, Felipe (Janeiro 2016). «Símbolo de rebeldia». Quatro Rodas: 72-73