Ford GT

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ford GT
Ford GT 2017
Visão Geral
Produção 2004 - 2006
2017 - Presente
Fabricante Ford

O Ford GT é um esportivo americano com motor central e tração traseira produzido entre 2005 e 2006 pela Ford. Seu design é inspirado no Ford GT40, que se tornou famoso por vencer as 24 Horas de Le Mans de 1966 e por desbancar o reinado da Ferrari. Sua segunda geração foi anunciada em 2016, e Sua produção teve inicio no ano de 2017 em Markham, Ontário, Canadá[1].

Primeira geração (2004 - 2006)[editar | editar código-fonte]

Ford GT (1ª Geração)
Visão Geral
Produção 2004 - 2006
Fabricante Ford
Modelo
Classe Esportivo
Carroceria Coupé 2 portas
Designer Camilo Pardo
Ficha técnica
Motor 5.4L Supercharged V8
Potência 558 cv (410 kW) @ 6500 rpm
Torque 69,2 kgf-m (679 Nm) @ 3750 rpm
Transmissão 6 velocidades Manual
Layout Motor central, tração traseira
Modelos relacionados Ford GT90
Lamborghini Murciélago
Dimensões
Comprimento 4 640 mm (182,7 in)[2]
Entre-eixos 2 710 mm (106,7 in)
Largura 1 950 mm (76,77 in)
Altura 1 130 mm (44,49 in)
Altura livre do solo 127 mm (5,000 in)
Peso 1 520 kg (3 351 lb)
Velocidade Máx. 330 km/h (205 mph)
Cronologia
Ford GT40
Ford GT (2ª Geração)

A história começa no início da década de 60, quando a Ford, querendo vencer as 24 horas de Le Mans e assim entrar no mercado de carros esportivos de orientação europeia, tenta adquirir a Ferrari. As negociações correram bem e Enzo Ferrari havia aceitado a oferta feita pela Ford. Quando a diretoria da FIAT ficou sabendo que a Ferrari passaria para as mãos de uma empresa americana, eles decidiram intervir na transação, alegando que a marca Ferrari era patrimônio italiano e deveria permanecer como tal. Assim a transação com a Ford foi interrompida e a FIAT assumiu o controle acionário da Ferrari. Que Enzo Ferrari não aceitou no último minuto. Após fracasso nas negociações, a própria Ford resolve criar um carro para vencer a competição. O carro seria baseado no Lola Mk6, um carro avançado para a época, mas suas primeiras versões tornam-se desastrosas. Após várias tentativas o carro foi redesenhado por Caroll Shelby, e não podendo ultrapassar a altura máxima de 40 polegadas (1 016 mm) surge o Ford GT40. Nas 24 Horas de Le Mans de 1966, um GT40 chega em primeiro, trazendo mais dois do mesmo time em segundo e terceiro lugar. Assim, o carro se tornou uma das estrelas mais lembradas do automobilismo por acabar com as vitórias da Ferrari. Quarenta anos depois, a Ford tem a ideia de fazer uma homenagem a ele, e assim nasce o Ford GT.

Características[editar | editar código-fonte]

A carroçeria do Ford GT foi feita em túnel de vento para garantir sua fidelidade com o GT40. Depois disso foram adicionados acessórios modernos, como o farol de xenônio, a tampa dianteira de alumínio como parte do item de tanque com sensores de combustível entre vários outros acessórios externos e internos.

Motor[editar | editar código-fonte]

O motor que equipa o Ford GT é um V8 de 5.4 litros[3], equipado com supercompressor fazendo com que ele tenha 558 cv e torque de 69,2 kgfm a 3.750 rpm. Esse propulsor faz com que ele chegue a 330 km/h e leve 3,8 segundos para chegar aos 100 km/h.

Consumo de combustível[editar | editar código-fonte]

A Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos estima que o consumo de combustível do GT em perímetro urbano é de 5 km/l (20 L/100 km), e em perímetro rodoviário o consumo é 8,33 km/l (12 L/100 km).[4]

Segunda Geração (2016 - Presente)[editar | editar código-fonte]

Ford GT (2ª Geração)
Visão Geral
Produção 2017 - Presente
Fabricante Ford
Modelo
Classe Esportivo
Carroceria Coupé 2 portas
Ficha técnica
Motor 3.5 L EcoBoost V6 bi-turbo[5]
Potência 656 cv (482 kW) @ 6250 rpm
Torque 79,5 kgf-m (780 Nm) @ 5900 rpm
Transmissão 7 velocidades Semiautomática
Layout Motor central-traseiro, tração traseira
Modelos relacionados Lamborghini Aventador
Dimensões
Comprimento 4 779 mm (188,1 in)
Entre-eixos 2 710 mm (106,7 in)
Largura 2 003 mm (78,86 in)
Altura 1 109 mm (43,66 in)
Altura livre do solo 120 mm (4,724 in)
Peso 1 385 kg (3 053 lb)
Tanque 57,5 l (15,2 US-gal)
Consumo Urbano: 4,68 km/l
Rodoviario: 7,65 km/l
Misto: 5,95 km/l
Velocidade Máx. 347 km/h (216 mph)
Capacidade
de carga
11,33 L[6]
Cronologia
Ford GT (1ª Geração)
Ford GT 2017

A Ford, juntamente com a Microsoft e Xbox, apresentou no dia 12 de Janeiro de 2015 no Salão Automóvel de Detroit, a nova e segunda geração do histórico Super Carro Americano. O novo Ford GT terá um motor V6 Ecoboost 3.5 L bi-turbo, que produz 656 cavalos-vapor (482 kW) e será o motor Ecoboost mais potente do mundo. De acordo com a Ford, "o GT terá uma das melhores relações peso-potência já alcançadas em um carro de produção", graças a seu chassi monobloco, parafusado nos sub-quadros dianteiro e traseiro, de alumínio revestidos em fibra de carbono. Segundo a fábrica, a carroceria leve, com compósitos de última geração, foi essencial para conseguir o melhor em aceleração, dinâmica, frenagens, segurança e eficiência. Possui aerodinâmica ativa na asa traseira, rodas aro 20, disco de freio de fibra-de-carbono e pneus Michelin Pilot Super Sport Cup 2 que usam um composto específico para o carro.[7] O pára-brisas será feito de Gorilla Glass, o mesmo material que reveste a tela de smartphones. [8]

Traseira do Ford GT 2017

Outra qualidade do carro é a aerodinâmica, com destaque para o grande recorte atrás dos vidros traseiros. Isto nota-se em palavras como as de Bernie Marcus, aerodinamicista da Ford Performance: “Se você olhar a carenagem, verá aquele destaque na área dos para-lamas traseiros. É um recurso aerodinâmico bastante peculiar, mas é um item de estilo também”. Ou de Garen Nicoghosian, Gerente de Design Externo do Ford GT: “além de unir os painéis da carroceria, aquele componente também hospeda os intercoolers. É uma bela peça de escultura, mas ao mesmo tempo, ela performa uma série de funções. De certa forma, é representativo de o que o carro se trata. Não há nada presente acidentalmente no carro”. [9] O espaço formado entre a parede dos para-lamas e a parede do cockpit é um acelerador de fluxo aerodinâmico. Dois Canais de Venturi, combinados ao escoamento aerodinâmico da forma de gota. Estes dois fatores não apenas derrubam o arrasto aerodinâmico do Ford GT, como podem aumentar a estabilidade direcional do veículo em altas velocidades – agindo como uma espécie de leme. Embora estes recortes nas laterais sejam abertos no topo, formando um canal em vez de um duto, é importante notar que os braços que conectam os para-lamas ao corpo da carroceria agem como defletores.[9]

A Ford planeja produzir 250 unidades do modelo por ano, que terá a produção iniciada oficialmente em 2017.

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Ford GT

Referências

  1. «Ford GT 2017 tem primeiro exemplar produzido no Canadá». noticiasautomotivas.com.br. 19 de dezembro de 2016. Consultado em 25 de janeiro de 2017 
  2. «features & specs 2005 Ford GT». edmunds.com. Consultado em 25 de janeiro de 2017 
  3. «2005 GT». performance.ford.com. Consultado em 25 de janeiro de 2017 
  4. «Gas Mileage of 2005 Ford GT». fueleconomy.gov. Consultado em 25 de janeiro de 2017 
  5. Leonardo Contesini (25 de janeiro de 2017). «Ford revela todos os detalhes técnicos do novo GT, Lamborghini pensa em voltar à F1, Renault Duster pode ganhar versão maior e mais!». Flatout!. Consultado em 25 de janeiro de 2017 
  6. «2017 FORD GT Technical Specifications» (PDF). media.ford.com. 24 de janeiro de 2017. Consultado em 25 de janeiro de 2017 
  7. Dalmo Hernandes (13 de janeiro de 2015). «Novo GT, Mustang GT350R, nova F-150 Raptor são as novidades da Ford em Detroit (já falamos do novo Ford GT?)». Flatout!. Consultado em 25 de janeiro de 2017 
  8. Jordan Golson (15 de dezembro de 2015). «The Ford GT's windshield will be Gorilla Glass». The Verge. Consultado em 25 de janeiro de 2017 
  9. a b Juliano Barata (18 de dezembro de 2015). «Aerodinâmica: este recorte no Ford GT é uma sacada genial – veja as razões técnicas para isso». Flatout!. Consultado em 25 de janeiro de 2017 
Ícone de esboço Este artigo sobre automóveis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.