Ford Mondeo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde maio de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Ford Mondeo
Ford Mondeo ST220 Blue.jpg
Visão Geral
Nomes
alternativos
Ford Contour
Mercury Mystique  Estados Unidos
Produção 1993- presente
Brasil: 1995 - 2006
Fabricante Ford
Modelo
Classe D
Carroceria Sedan; Station Wagon; Hatchback
Ficha técnica
Motor Zetec e Duratec
Transmissão 5 marchas manual
4 marchas automática
Modelos relacionados Ford/Mercury Cougar
Jaguar X-type
Renault Laguna
Opel Vectra
Peugeot 406
Volkswagen Passat
Toyota Avensis
Nissan Primera
Honda Accord
Citroën C5
Mazda6
Tanque 62
Cronologia
Último
Ford Sierra
Ford Versailles(Brasil)
Ford Fusion(Brasil)
Próximo


O Ford Mondeo é um modelo de porte médio grande produzido pela Ford desde 1993 na planta de Genk, Bélgica. De início existiam três versões possíveis: hatchback, sedan e station wagon. Foi fabricado nos Estados Unidos sob o nome de Ford Contour, entre 1995 e 2000, tendo também tido uma versão para a Mercury, chamada de Mystique. No Brasil desde 1995, foi oferecido nas configurações hatch, sedan e station wagon.

Em 1997 este modelo foi reestilizado, procedendo-se apenas a modificações estéticas, já que a estrutura e motores mantiveram-se inalterados. O hatch deixou de ser oferecido no Brasil, mas ainda sendo vendido fora do país.

Em 2002 a Ford decidiu alterar profundamente o seu carro de segmento familiar: a estrutura, interiores, exteriores e mecânica foram totalmente revistos. Desde essa data, os motores Diesel passaram a ter tecnologia semelhante ao Common Rail e o design passou a ser influenciado pela nova política da marca, a qual chamou de New Edge.

Versões[editar | editar código-fonte]

No Brasil foi vendido em três versões: CLX, GLX e Ghia.

CLX: Ar-condicionado, banco do motorista com regulagem de altura, direção hidráulica escamoteável, vidros, travas e espelhos elétricos, desembaçador do vidro traseiro e retrovisores externos, air bag do motorista e cintos com pré-tensionadores.

GLX: todos os itens de série do CLX, acrescentando de airbag duplo, ar digital, banco do motorista elétrico, faróis de neblina, freio a disco com ABS nas quatro rodas, rodas de liga leve, e acabamento mais primoroso, tendo como opcionais bancos em couro e câmbio automático.

Ghia: todos os opcionais do CLX e GLX, contando com bancos em couro totalmente elétricos e com aquecimento, controle de tração e motor V6. Externamente, o que difere o V6 das demais versões é a presença de aerofólio, aro diferenciado, pára-lamas dianteiros com friso, e escape com ponteira cromada, além da inscrição V6 nos pára-lamas dianteiros.

As motorizações disponíveis em cada modelo são:

1993 - 1996: 1.8 16V de 115 cv; 2.0 16V de 136 cv

1997 - 1998: 2.0 16V de 130 cv

1999 - 2001: 2.0 16V de 130 cv; 2.5 24V V6 de 170 cv

Obs: Nos motores de dois litros a partir de 1999 foram adotados tuchos de acionamento mecânico, que até então eram acionados hidraulicamente.

O Duratec 2.5 24V V6 é dotado de 2 correntes para acionar os comandos e conta com coletor variável, é um dos mais leves motores V6, fabricado todo em alumínio. Na Europa existe um Duratec 3.0 de 226 cv que equipa a versão esportiva ST220.

2002 - 2006: 2.0 16V (Duratec) de 143 cv.

Em toda a Europa e América do Sul é chamado de Mondeo, nos EUA existe um modelo semelhante às gerações MK1 e MK2 conhecido como Contour.

A geração MK4 já foi lançada na Europa, inaugurando o novo conceito Kinetic, mas sua importação para o Brasil não é realizada pelas boas vendas do Ford Fusion.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]