Pandemia de COVID-19 em Cabo Verde

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ver artigo principal: Pandemia de COVID-19 na África
Pandemia de COVID-19 em Cabo Verde
Doença COVID-19
Vírus SARS-CoV-2
Origem Reino Unido, Países Baixos
Local Cabo Verde
Período 20 de março de 2020
(14 dias)
Estatísticas globais
Casos confirmados 6
Mortes 1
Casos que recuperaram 0

Este artigo documenta os impactos da pandemia de coronavírus de 2020 em Cabo Verde e pode não incluir todas as principais respostas e medidas contemporâneas.

Cronologia[editar | editar código-fonte]

Até 19 de março de 2020, Cabo Verde não registara nenhum caso de covid-19[1][2], com todos os casos suspeitos prévios tendo obtido resultado negativo.

Em 20 de março, o primeiro caso do país foi confirmado, tratando-se de um homem de 62 anos de idade que havia viajado do Reino Unido.[3][4]

No dia seguinte, em 21 de março, mais 2 casos foram confirmados. Ambos eram turistas, um vindo dos Países Baixos, de 60 anos de idade, e outra vindo do Reino Unido, de 62 anos. Estes dois casos mais o anterior estavam todos situados na Ilha da Boa Vista.[5]

A primeira morte foi anunciada[6] em 24 de março, dizendo respeito ao primeiro caso confirmado em Cabo Verde.

Em 25 de março, um quarto caso foi confirmado, um cidadão nacional de 43 anos que regressara da Europa, sendo o primeiro caso detetado na capital do país, Praia, na ilha de Santiago[7][8]. No dia seguinte, 26 de março, o ministro da saúde de Cabo Verde anunciou que o teste da esposa desse cidadão também tinha dado positivo, sendo assim, o primeiro caso relatado de transmissão local[9]. Em 30 de Março havia 35 casos suspeitos, 6 casos confirmados (4 na ilha da Boavista e 2 na de Santiago) e um óbito.[10]

Reações[editar | editar código-fonte]

Desde 16 de março[11] testes vêm sendo realizados em Cabo Verde, pelo Laboratório de Virologia de Cabo Verde, na Praia.

Em 17 de março, como medida de contingência, o Primeiro Ministro Ulisses Correia e Silva anunciou[12][13][14] a suspensão te todos os voos provenientes da Europa, Estados Unidos, Brasil, Senegal e Nigéria. A suspensão estará em vigor por pelo menos três semanas. Exceções são feitas para voos cargueiros e voos para o regresso de cidadãos estrangeiros. A interdição também se aplica à acostagem de navios de cruzeiro, veleiros e desembarque de passageiros ou tripulação de navios de carga, pesca e similares. Mais medidas excecionais[15] foram tomadas no dia seguinte, e o nível de contingência foi elevado [16] em 27 de março.

A Cabo Verde Airlines já tinha, anteriormente, tomado a decisão de suspender voos[17]. Desde 28 de fevereiro que os voos para Milão, na Itália estão suspensos. Em 6 de março, os voos para Lagos, na Nigéria, Porto Alegre, no Brasil e Washington, nos Estados Unidos foram também suspensos. Em 17 de março, de acordo com a decisão do Governo, a Cabo Verde Airlines suspendeu todas as suas outras rotas.


Referências

  1. Expresso das ilhas “Cidadão francês em Santo Antão livre de coronavírus”
  2. A Nação “Covid-19: caso suspeito em Santo Antão dá negativo”
  3. «Cabo Verde regista um Primeiro Caso Positivo de COVID-19». Instituto Nacional de Saúde Pública. 20 de março de 2020. Consultado em 24 de março de 2020 
  4. «Coronavírus: Inglês de 62 anos é o primeiro caso confirmado em Cabo Verde». publico.pt. 20 de março de 2020. Consultado em 20 de março de 2020 
  5. SAPO. «Covid-19: Há mais dois casos confirmados na Boa Vista. Suspeito de São Vicente é negativo». SAPO Lifestyle. Consultado em 21 de março de 2020 
  6. «COVID-19: Confirmada a primeira morte por coronavírus em Cabo Verde». Instituto Nacional de Saúde Pública. 24 de março de 2020. Consultado em 25 de março de 2020 
  7. «Confirmado primeiro caso de COVID-19 na Praia». expressodasilhas.cv. Consultado em 25 de março de 2020 
  8. «Cabo Verde regista o quarto caso positivo do COVID-19». insp.gov.cv. 25 de março de 2020. Consultado em 27 de março de 2020 
  9. «Teste à esposa do primeiro caso da Praia dá positivo (em actualização)». expressodasilhas.cv. Consultado em 26 de março de 2020 
  10. «Página inicial». COVID-19. Consultado em 30 de março de 2020 
  11. «Covid-19: Laboratório de Cabo Verde com capacidade para 300 testes diários». A Semana. 16 de março de 2020. Consultado em 20 de março de 2020 
  12. O'Hare, Maureen & Hardingham, Tamara (17 de março de 2020). «Coronavirus: Which countries have travel bans?». CNN. Consultado em 17 de março de 2020 
  13. «COVID19: Governo declara situação de contingência a nível da Proteção Civil». Governo de Cabo Verde. 17 de março de 2020. Consultado em 20 de março de 2020 
  14. «Governo declara situação de contingência, a nível de Proteção Civil, por causa do Covid-19». TCV. 17 de março de 2020. Consultado em 20 de março de 2020 
  15. «Confira as novas medidas anunciadas pelo governo no âmbito da prevenção do COVID-19». Instituto Nacional de Saúde Pública. 18 de março de 2020. Consultado em 24 de março de 2020 
  16. «"Elevámos o nível de contingência da Protecção Civil à situação de risco de calamidade" – Ulisses Correia e Silva». insp.gov.cv. 27 de março de 2020. Consultado em 27 de março de 2020 
  17. «Corona Virus: Flights suspensions». Cabo Verde Airlines. 17 de março de 2020. Consultado em 20 de março de 2020 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre epidemias é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.