Petru Groza

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Petru Groza
Nascimento 7 de dezembro de 1884
Băcia
Morte 7 de janeiro de 1958 (73 anos)
Bucareste
Cidadania Áustria-Hungria, Romênia
Filho(s) Octavian Groza
Alma mater
Ocupação político, advogado
Prêmios
  • Ordem do Herói do Povo
  • Grã-Cruz da Ordem Polônia Restituta

Petru Groza (Băcia, 7 de dezembro de 1884Bucareste, 7 de janeiro de 1958) foi um político romeno, mais conhecido como primeiro-ministro dos primeiros governos dominados do Partido Comunista sob ocupação da União Soviética, durante os estágios iniciais do regime comunista na Romênia.[1][2]

Groza emergiu como uma figura pública ao final da Primeira Guerra Mundial como um membro notável do Partido Nacional da Romênia (PNR).[2]

Tornou-se premier em 1945, quando Nicolae Rădescu, um general líder do Exército Romeno, que assumiu brevemente o poder depois do término da Segunda Guerra Mundial, foi forçado a renunciar por Andrei Y. Vishinsky, comissário de Relações Exteriores da União Soviética.[2]

No mandato de Groza como premier, que durou até 1952, Michael I, rei da Romênia, foi obrigado a abdicar, ocasião em que a nação tornou-se oficialmente uma República Popular.[1][2]

Embora seu poder e autoridade como premier fosse comprometida pela dependência do apoio da União Soviética, Groza teve grande importância na consolidação do regime comunista, até ser sucedido por Gheorghe Gheorghiu-Dej in 1952.[2]

Referências

  1. a b Komandoko, Gamal (2010). Ensiklopedia Pelajar dan Umum (em indonésio). Jacarta: Pustaka Widyatama. p. 510 
  2. a b c d e Cook, Bernard A. (2014). Europe Since 1945: An Encyclopedia (em inglês). Abingdon-on-Thames: Routledge. p. 1042. ISBN 9781135179397 

Precedido por
Nicolae Rădescu
Primeiro-ministro da Romênia
19451952
Sucedido por
Gheorghe Gheorghiu-Dej
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) político(a) é um esboço relacionado ao Projeto Biografias de Políticos. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.