Manolache Costache Epureanu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Manolache Costache Epureanu
Nascimento 22 de agosto de 1823
Bârlad
Morte 7 de setembro de 1880
Wiesbaden
Cidadania Romênia
Filho(s) Hélène Bibesco
Alma mater
Ocupação político

Manolache Costache Epureanu (Bârlad, 1823Schlangenbad, Alemanha, 1880) foi um político romeno, que foi primeiro-ministro de seu país, representando o Partido Conservador, em dois curtos períodos, de 1 de maio a 26 de dezembro de 1870 e de 6 de maio a 5 de agosto de 1876.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nasceu em Bârlad, na Moldávia, estudou em Heidelberg, Alemanha e voltou à Moldávia para participar do movimento revolucionário de 1848, fazendo parte do comitê ad hoc.

Em 1866, ele foi o presidente do conselho que decidiu convidar uma dinastia estrangeira para governar a Romênia. Em 1871, durante o governo conservador de Catargiu, Epureanu foi Ministro da Justiça entre outubro de 1872 e março de 1873. Ele então mudou para a oposição e em 1876, ele foi um primeiro-ministro liberal, mas depois mudou novamente para o Partido Conservador.

Ele publicou Chestia locuitorilor privită din punctul de vedere al Regulamentului organic (1866) e Despre pretinsa rescumpărare a căilor ferate (1879).

Ele morreu em Schlangenbad, Ducado de Nassau, que agora fica na Alemanha.[1]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Dimitrie R. Rosetti (1897) Dicționarul contimporanilor, Editura Lito-Tipografiei "Populara"

Precedido por
Alexandru G. Golescu
Primeiro-ministro da Romênia
18701870
Sucedido por
Ion Ghica

Precedido por
Ion Florescu
Primeiro-ministro da Romênia
18761876
Sucedido por
Ion C. Brătianu


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) político(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.