Santo Expedito do Sul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Santo Expedito do Sul
"Terra dos Milagres"
[[Ficheiro:
Romaria de Santo Expedito em 2016
|280px|none|centro|]]
[[Ficheiro:
Bandeira do Município de Santo Expedito do Sul
|125px|none|border|Bandeira de Santo Expedito do Sul]]
[[Ficheiro:
Brasão Municipal de Santo Expedito do Sul
|85px|none|Brasão de Santo Expedito do Sul]]
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 20 de março
Fundação 20 de março de 1992 (24 anos)
Gentílico expeditense
Lema A soma dos nossos esforços nos levará à conquista
Prefeito(a) Jair Mendes da Silva (PP)
(2013–2016)
Localização
Localização de Santo Expedito do Sul
Localização de Santo Expedito do Sul no Rio Grande do Sul
Santo Expedito do Sul está localizado em: Brasil
Santo Expedito do Sul
Localização de Santo Expedito do Sul no Brasil
27° 54' 28" S 51° 38' 42" O27° 54' 28" S 51° 38' 42" O
Unidade federativa  Rio Grande do Sul
Mesorregião Noroeste Rio-grandense IBGE/2008 [1]
Microrregião Sananduva IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Cacique Doble, São José do Ouro, Tupanci do Sul, Lagoa Vermelha e Sananduva
Distância até a capital 390 km
Características geográficas
Área 125,735 km² [2]
População 2 461 hab. Censo IBGE/2010[3]
Densidade 19,57 hab./km²
Altitude 662 m
Clima Não disponível
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,74 alto PNUD/2000 [4]
PIB R$ 43 116,793 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 16 052,42 IBGE/2008[5]
Página oficial

Santo Expedito do Sul é um município brasileiro do estado do Rio Grande do Sul.

História[editar | editar código-fonte]

A colonização de Santo Expedito do Sul teve início por volta do ano de 1930, quando ali fixaram residência os primeiros colonizadores atraídos pela abundância de recursos naturais, principalmente a madeira. Em 1943, coincidentemente com o ingresso dos descendentes italianos, foi construída a primeira igreja, que teve como padroeiro Santo Expedito. Nesta época, Santo Expedito integrava-se ao município de Lagoa Vermelha, sendo denominado Secção Paraíso. Mais tarde, as terras que hoje pertencem a Santo Expedito do Sul passaram a integrar o município de São José do Ouro.

Por volta de 1985 nasceu a ideia da emancipação política e administrativa, e no ano de 1990 a emancipação começou a se tornar realidade, através da formação de uma comissão emancipacionista apoiada pela comunidade local. Através de consulta plebiscitária em 20 de março de 1992, com a vitória do "Sim", e através da Lei Estadual 9590 foi criado oficialmente o município de Santo Expedito do Sul, desmembrando-se de São José do Ouro.

O nome Santo Expedito do Sul é uma homenagem ao santo padroeiro, Santo Expedito.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localiza-se a uma latitude 27º54'30" sul e a uma longitude 51º38'41" oeste, estando a uma altitude de 662 metros.

Possui uma área de 125,51 km² e sua população estimada em 2004 era de 2 520 habitantes.

Economia[editar | editar código-fonte]

Sua economia é baseada na atividade agropecuária, com destaque para a produção leiteira.

Dia de Romaria - Monumento de Santo Expedito com Santuário, em construção, ao fundo

O turismo religioso também encontra espaço em Santo Expedito do Sul, com a realização da Romaria de Santo Expedito. A primeira Romaria foi realizada no ano de 2001, surgida da ideia do então pároco do município, padre Argemiro Guzzo. De forma tímida e ainda com uma modesta estrutura, a primeira edição reuniu cerca de 5 mil fiéis. O evento religioso cresceu e o nome da cidade ficou conhecido nos mais diferentes locais do RS, SC, PR, entre outros estados. Hoje, sob a coordenação do pároco Nilson Mezzomo, a Romaria está em expansão, alcançando a cada ano, mais fiéis que buscam as graças e a paz transmitidas por Santo Expedito. A Romaria é realizada todo ano, no último domingo do mês de abril.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008. 
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010. 
  3. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010. 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008. 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 dez. 2010. 
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Rio Grande do Sul é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.