Sheng Long

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Sheng Long é um personagem da série de jogos de luta Street Fighter criado como embuste pela revista Electronic Gaming Monthly[1] como uma piada do Dia da Mentira publicada em fevereiro de 1992.

A piada, com base em um erro de tradução que sugeria a existência de um personagem chamado Sheng Long em Street Fighter II. Depois que outras publicações republicaram a informação sem verificar a autenticidade, a farsa Sheng Long se espalhou pelo mundo. Como resultado da discussão gira em torno da possibilidade da aparência do personagem em Street Fighter III durante o desenvolvimento do jogo, a EGM revisitou a piada em 1997, com uma versão atualizada do trote, enquanto estabelece uma história de fundo e sua aparência.

Sheng Long tem sido descrito como uma das lendas mais famosas e bem conhecidas relacionadas com vídeo games por publicações como GameDaily e GameSpot. A farsa influenciou a criação de Akuma e Gouken, o primeiro que aparece em Super Street Fighter II Turbo como um chefe secreto. Com pedidos públicos para a inclusão de Sheng Long em um jogo, levaram a empresa a considerar de sua inclusão no jogo Street Fighter: The Movie e anos mais tarde, resultando no aparecimento de Gouken tanto como um chefe secreto e personagem jogável em Street Fighter IV.[1]

Origem[editar | editar código-fonte]

O nome Sheng Long vem de um erro de tradução do nome de um golpe especial realizada pelo personagem da série principal, Ryu; os caracteres shō ryū (昇龍 dragão ascendente?) de Shoryuken (NoboriRyukobushi), vira Sheng Long em pinyin, método chinês de romanização. Este foi levada para uma das citações de Ryu para os adversários derrotados na versão em inglês do jogo de arcade Street Fighter II, "You must defeat sheng long to stand a chance" (昇龍拳を破らぬ限り、おまえに勝ち目はない! ( Shōryūken wo yaburanu kagiri, omae ni kachime wa nai!?) como resultado, os jogadores tiveram a impressão de que Ryu referia-se a uma pessoa, em vez do ataque.[2]

Quadrinhos[editar | editar código-fonte]

Nas histórias em quadrinhos produzidas pela Malibu Comics, a lutadora Nida cuida de um mestre de Karatê shotokan chamado Sheng Long, que fora envenenado por M. Bison.[3]

Referências

  1. a b Pablo Miyazawa (2016). 52 mitos pop: Mentiras e verdades nos boatos do mundo do entretenimento. [S.l.]: Editora Paralela. ISBN 9788543805931 
  2. 「昨日は4/1」 プロジェクトマネージャー:塩沢夏希
  3. «Malibu - Street Fighter». site RCLlair.com (em inglês). Consultado em 29 de março de 2010 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]