Street Fighter II V

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde janeiro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Street Fighter II V
ストリートファイターII V
(Sutorīto Faitā II V)
Gênero Luta, Ação, Aventura
Anime
Direção Gisaburo Sugii
Estúdio Japão Group TAC
Emissoras de televisão Japão Yomiuri TV
Exibição original 10 de abril de 199527 de novembro de 1995
Episódios 29
Wikipe-tan face.svg Portal Animangá

Street Fighter II V (ストリートファイターII V, Sutorīto Faitā Tsū Bui?) é um anime baseado no jogo Street Fighter II. Dirigido por Gisaburo Sugii, (que também dirigiu o filme Street Fighter II: The Animated Movie) a série foi exibida pela primeira vez no Japão em 1995, de 10 de abril à 27 de novembro. Uma série americana também foi produzida em 1996. No Brasil, a série foi exibida pelo canal SBT durante a década de 1990 e no começo dos anos 2000, pelo Cartoon Network. Em 2017 o anime foi adquirido pela Netflix.Em Portugal o anime foi transmitido em 2001 na Sic Radical.

Resumo[editar | editar código-fonte]

A série é uma adaptação do jogo Street Fighter II, tendo criado várias liberdades com a história e os personagens do jogo. A série segue as aventuras dos jovens Ryu e Ken, dois lutadores de artes marciais que percorrem vários lugares do mundo para melhorar suas habilidades depois que ambos enfrentam uma humilhante derrota para Guile. Durante o decorrer da série, Ryu e Ken se familiarizaram com outros personagens, tais como Chun-Li, Fei Long, Sagat e Dhalsim.[1] Eventualmente, eles se encontram na mira da organização criminosa Shadaloo, liderada pelo enigmático M. Bison, depois de derrotarem uma de suas organizações subordinadas (Ashura). Entre os agentes da Shadaloo estão o lutador russo Zangief, a assassina britânica e sedutora Cammy (que desconhecia sua ligação com a Shadaloo) e o agente duplo da Interpol, Balrog. O nobre guerreiro espanhol Vega também aparece como um antagonista, embora ele não esteja associado com a Shadaloo nesta série.

Em contraste com o Street Fighter II: The Animated Movie, que manteve-se mais fiel ao enredo do jogo original, Street Fighter II V teve uma grande diferença quanto a história do seu material de origem. O anime apresenta versões radicalmente redesenhadas da maioria dos personagens do jogo, cujas aparências, histórias e personalidades se desviaram muito de suas representações tradicionais. Como o anime foi produzido em 1995 (o ano de sua transmissão original), as idades dos personagens também foram alteradas para tornar a maioria do elenco mais jovem do que estavam nos jogos (por exemplo, o ano de nascimento de Ryu foi alterado de 1964 para 1977).[2]

No momento da série, Super Street Fighter II Turbo foi a última parcela, no vídeo game da série. Dos 17 personagens que aparecem na Super Street Fighter II Turbo, apenas E. Honda, Blanka, Dee Jay e T. Hawk (os dois últimos aparecem somente na abertura), não foram apresentados no programa de TV. Akuma (ou Gouki, como o personagem é chamado no Japão) faz várias aparições durante as multidões, mas ele não está ativamente envolvido na história.

Personagens[editar | editar código-fonte]

Ryu é o personagem principal. Tem 17 anos e é muito dedicado às artes marciais, sempre tentando melhorar suas habilidades. Nasceu e cresceu no Japão. Seu melhor amigo é Ken Masters, com quem treinou no mesmo dojo desde a infância. Um dia, foi convidado por Ken para passar uma temporada em sua mansão em São Francisco. Os dois se dirigiram para a cidade na motocicleta de Masters, onde se infiltraram em um bar, derrotando vários soldados do exército depois de Ken seduzir uma das mulheres que os acompanhavam. Embora sejam capazes de derrotar os soldados, surge o Sargento Guile que derrota Ryu facilmente. Enraivecido e humilhado, Ken segue Guile na base do exército no dia seguinte e o desafia, mas assim como Ryu, também é vencido brutalmente. Seu encontro com Guile deixou os dois menos convencidos e os inspirou a realizar uma jornada para melhorar suas habilidades em artes marciais, com a esperança de um dia desafiarem o sargento para uma revanche. Durante sua viagem na Índia, Ryu aprende como usar uma base de um ki chamado Hadou, sob a forma do Hadouken. Depois de viajar com Ken e Chun Li, ele acabou sendo preso injustamente por tráfico de drogas. Na prisão da Tailândia, enfrentou o seu rival Sagat. M. Bison percebe o enorme potencial de lutador que Ryu tinha e o sequestra, levando-o para sua base na Shadaloo onde controla a sua mente e fazendo-o lutar contra Ken. No final da série, Ryu vence o terrível Bison após enfrentá-lo ao lado de Ken. Ao contrário de sua contraparte no jogo, ele não possuí nenhuma faixa na cabeça e nem luvas durante toda a série. Em vez disso, usa uma pulseira e seu cabelo é espetado. Além disso, a personalidade séria e solitária que Ryu exibe nos jogos é substituída por uma personalidade mais impulsiva e otimista.
Melhor amigo de Ryu e filho único da rica família Masters. Ken vive em San Francisco com os seus pais (um pai caucasiano-americano e mãe japonesa) em uma grande mansão - que leva vinte minutos da entrada para o pátio principal da casa. Ele também passa muito tempo treinando e adora sua moto. Seu lado charmoso e galanteador é muito evidenciado na série, uma vez em que se mostra paquerando várias garotas em alguns episódios. Ken também aprende a usar o poder da Hadou mais tarde, ao mesmo tempo que são mantidos prisioneiros da Shadaloo. Só Ryu conhece o Hadouken, enquanto os dois conhecem o Shoryuken. Ken demora mais para aperfeiçoar o Shoryuken para Hadou Shoryuken, e assim encurtá-lo para Hadou Shoryu. Curiosamente, na dublagem em inglês, Ken ainda o chama de Shoryuken, enquanto Ryu o chama de Rising Dragon Punch (que quer dizer Shoryuken em inglês). Quando Ryu foi controlado por Bison, Ken se viu obrigado a enfrentar o amigo e após uma batalha acirrada, conseguiu fazê-lo voltar ao normal após atingi-lo com o Hadou Shoryu. Ao contrário de Ryu, a personalidade e história de Ken seguem iguais com o enredo do jogo original; ele ainda é o filho impetuoso, convencido, mulherengo e rico da família Masters, embora seja muito mais jovem do que sua contraparte do jogo (como Ryu, ele tem 17 anos).
Chun-Li tem 15 anos de idade e aparece primeiramente como uma guia de turismo contratada por Ken e Ryu à sua chegada em Hong Kong. No entanto, ela logo se revelou ser a filha do inspetor da polícia de Hong Kong, Dubal. O pai dela a treina na arte do Kung-Fu como auto-defesa e como parte de sua criação. Assim como Ken, Chun-Li também pertence a uma família rica e privilegiada, embora seja mais humilde do que ele. Ela acompanha Ken e Ryu ao longo da maior parte de suas viagens em toda a Ásia e a Europa, mas raramente se engaja na luta ao menos que seja atacada ou ameaçada. Chun-Li não é vista em seu mini-qipao azul e branco com botas, somente perto do final da série, onde ela está em cativeiro na base de Bison. Além disso, as alterações a este disfarce incluem a ausência de seus cabelos-bun, bem como a sua pantyhose sendo substituídos por kneepads. Ela e Ryu são bem próximos, embora Chun-Li parece ter uma intimidade maior com Ken. Isso fez Vega enlouquecer, pois ele era apaixonado por ela. Na Espanha, Vega aparece no quarto de Chun-Li e rouba-lhe um beijo, mas, na verdade, a dopa. Chun-Li e Ken são convidados por Vega para uma festa em sua mansão. Logo, Chun-Li sente os efeitos da droga, o que faz Ken lutar para salvá-la de Vega. Embora Ken fique mortalmente ferido para salvá-la, nunca foi revelado se ela retribuía seus sentimentos. Depois de salvá-la, Chun-Li dá de cara com M. Bison que dopa Ken. Chun-Li enfrenta Bison para salvar Ken, mas sucumbe perante ao poder do vilão e se torna uma guerreira da Shadaloo, tendo o micro-ciber chip em sua testa. É obrigada a enfrentar Guile - que veio a mando do Sr. Masters para salvá-los, mas Ken rompe o poder hipnótico de Bison.
Guile é sargento da Força Aérea dos Estados Unidos. Ele tem orgulho da Força Aérea e de seus homens e, muitas vezes, sai para beber com eles sempre que podem. Ele e seu parceiro, Nash, têm servido juntos por muitos anos em várias missões e conflitos militares, sendo que é regularmente encontrado trabalhando fora. Sempre treina na academia do batalhão da Força Aérea. Ele ganhou, pelo menos, um torneio de boxe e, provavelmente, outros não mencionados na série. Seu estilo de arte marcial é vagamente parecido com as técnicas de combates dos militares americanos. Ele primeiro encontra Ryu e Ken num bar que ele e seus soldados frequentam em São Francisco, depois que o primeiro derrotou todos os seus homens em uma briga. Um Guile horrorizado adverte Ryu e Ken sobre suas ações e ordena que eles deixem o bar, mas Ryu se recusa e ataca Guile. O sargento responde batendo brutalmente no jovem Ryu deixando-o muito machucado. Um vingativo Ken visita a base do exército de Guile no dia seguinte e o desafia para uma luta, mas também é derrotado. Guile não é visto novamente até a segunda metade da série, depois que Ken, Ryu e Chun-Li são sequestrados por Bison e acaba sendo enviado em uma missão para resgatá-los. Embora ele consiga vencer o agente da Shadaloo, Zangief, e chegue com sucesso ao complexo onde Ryu, Ken e Chun-Li estão mantidos, não consegue salvá-los e é saudado por Bison, que brutalmente assassina seu parceiro Nash e quase o mata também. Bison foge de cena e comanda Chun-Li (que agora está sob seu controle) para lutar contra Guile, embora ele hesite em lutar com medo de que pudesse machucá-la. Guile eventualmente se reúne com Ryu e Ken, que ficam chocados ao revê-lo, já que estão prestes a confrontar Bison. Quando Ryu e Ken derrotam o terrível Bison, Guile conforta Chun-Li dizendo que eles estão bem e depois completa dizendo "Esses dois só me dão trabalho!". Apesar de nunca terem desafiado Guile para uma revanche, o Sargento admite que subestimou suas habilidades quando se conheceram, já que conseguiram derrotar Bison (apesar de seus terríveis poderes), enquanto ele mesmo não podia.
  • Hong Kong Delegado Dubal
O pai de Chun-Li que não tinha nome nos jogos originais. Sua principal ocupação é como Delegado do Departamento de Polícia de Hong Kong e é rotineiramente envolvido na caça a traficantes e várias outras atividades policiais, e não é estranho os riscos que enfrenta no trabalho. Sua residência também é como um templo e de formação onde ele ensina sua filha e vários outros estudantes, incluindo Fei Long. Pouco tempo depois de uma bem sucedida operação na qual apreendeu uma grande quantidade de cocaína e de contrabando, Dubal é convocado pela Interpol para ir até Barcelona a fim de assistir uma conferência sobre a organização criminosa: a Shadaloo. Durante a reunião, Dubal foi quase morto por Cammy, que seguiu as ordens de um operador da Shadaloo (mais tarde, revelado como Balrog). Sua sobrevivência foi mantida em segredo pelo Chefe da Interpol até que a pessoa que ordenou o ataque pudesse ser identificada. Ao contrário dos jogos, Dubal não morre, o que pode servir de prefixo aos eventos dos jogos, já que nesta série ele ainda é vivo. Seu nome, no texto original japonês, é Dorai.
Um dos melhores alunos de Dubal, ele é agora um recém-formado em artes marciais, estrela do cinema cuja insistência em "fazer a verdadeira luta" rapidamente se torna prejudicial para a produção, devido, principalmente aos adereços danificados e propriedade pública, assim como para as lesões. Ken Masters foi chamado para ser voluntário em uma luta, enquanto passeava em Hong Kong com Ryu e Chun-Li, mas a destruição causada pela luta forçou o diretor a parar a filmagem e cortar a cena completamente. Mais tarde, após saber da suposta "morte" de seu mestre, Fei Long se entristece e promete vingança. Enquanto visitava o hospital que Dubal estava, o Chefe da Interpol informa a Fei Long sobre o truque. Mais tarde ainda, Fei Long - com a ajuda de Cammy (após uma breve luta com ela no hospital) - identifica o operador da Shadaloo que mandou atacar Dubal, Balrog. O personagem Fei Long é muito parecido com o ator Bruce Lee.
Sagat foi o "Rei do Muay Thai", que é famoso como uma das mais ferozes formas de artes marciais do mundo. Quando lutou profissionalmente, foi o campeão da Tailândia e todos lhe chamaram de "Rei". Mas, após recusar-se a participar de um desafio para o sindicato de Ashura, foi enquadrado pela venda de drogas e preso, caindo em desgraça. Prometendo vingança a Dubal, Ken e Ryu, a Ashura manda seus homens para colocar heroína na bagagem de Ryu no aeroporto de Bangkok. Ryu foi levado para a mesma prisão que Sagat estava, chegou a enfrentá-lo usando Muay Thai, mas levou a pior e preferiu usar o Karatê. Sagat desistiu de continuar a luta após receber alguns golpes e refletir sobre sua vida. Os dois viraram companheiros e foram capazes de aprender mais sobre as operações da Ashura. Após a prisão do chefe da Ashura, a prova da inocência de Sagat foi "descoberta" por parte da polícia tailandesa e ele foi libertado da prisão. Ao contrário do que os jogos mostram, ele não tem a sua cicatriz em seu peito (o que ele tinha desde Street Fighter 2), nem o tapa-olho e também a sua pele é mais escura. Sua "rivalidade" com Ryu é uma das mais amigáveis da série.
Dhalsim é um monge que vive em uma aldeia remota na Índia. Ele é um praticante de ioga e possui muitas habilidades psíquicas, sendo capaz de ver o futuro, ao ponto em que conseguiu prever a eventual chegada de Ryu e Ken. Sagat tinha aconselhado Ryu a procurar Dhalsim para saber mais sobre as formas do Hadou. Sagat tinha sido recusado anos antes quando procurou a sabedoria de Dhalsim, mas este achou que Ryu poderia ser mais digno. Ryu e Ken são inicialmente recusados ​​também, com Dhalsim descrevendo ambos como "bestas", embora o monge mude de ideia após vê-los superarem os desafios dentro do templo da vila. Dhalsim, embora saiba muito sobre Hadou, é incapaz de ensinar a Ryu como usar o Hadouken. Apesar disso, fez Ryu e Ken melhorarem muito em seus treinamentos.
Seu nome na série é Fabio La Cerda Balrog, mas durante a tradução, seu nome foi modificado para Vega devido ás mudanças de nomes dos personagens do jogo quando vieram para o ocidente. Em contraste com sua contraparte do videogame, ele não tem um nome completo. Vega é um popular domador de touros em Barcelona com uma volúpia de sangue e de nenhum valor para a vida. Tem 18 anos e reside em uma grande mansão em Barcelona, onde atua como um lutador de gaiolas para socialites ricas. É conhecido por sua sádica e sanguinária (literalmente mostrado bebendo seu próprio sangue e o sangue de seus oponentes em várias ocasiões ao longo do anime) personalidade tendo um coração frio e cruel. Embora não seja tão obcecado por sua beleza quanto sua contraparte no jogo, ele ainda é muito louco e ataca com uma raiva violenta contra qualquer um que machuque seu rosto. Quando luta na gaiola, Vega utiliza uma máscara (para assim proteger seu rosto de qualquer cicatriz) e empunha uma garra de metal com três pontas na mão esquerda, permitindo que possa ferir mortalmente a qualquer um de seus oponentes. Em combate, ele é conhecido por sua considerável velocidade, força e habilidade acrobática. Durante uma tourada com a participação de Ken, Ryu, e Chun-Li, Vega, desenvolve uma obsessão por Chun-Li que, inicialmente, fica atraída por ele, mas logo se aterroriza por causa de seu comportamento psicopata e por suas tendências sádicas. Ele invade seu hotel na noite seguinte e usa uma estranha "poção do amor" para induzir um transe nela. Vega convida anonimamente Ken e Chun-li para um festival no Castelo Maria Isabel. Ao chegarem lá, percebem se tratar de uma apresentação em ringue fechado pra lutas de morte. Na ocasião, Ken aceita o desafio de Vega para subir ao palco na arena de luta, enquanto Chun-li, em transe, assiste os dois lutarem na gaiola de aço. No final da luta, um Ken seriamente ferido aplica um "Shoryuken" para impedir o "ataque final" de Vega e o deixa inconsciente. Após a luta, Ken é levado severamente ferido para uma sala onde é dopado e sequestrado por Bison. O destino de Vega não é claramente conhecido já que foi visto pela última vez sendo levado em uma maca, juntamente com Ken, depois de ter ficado pendurado em um candelabro inconsciente e mergulhar para baixo em um último ataque. Semanas depois, a mansão é investigada por Guile e Nash e fica completamente abandonada, indicando que Vega ainda está hospitalizado ou então fugiu. Ao contrário do jogo, Vega não tem afiliação com Shadaloo ou M. Bison.
Balrog é um executivo da Interpol, mas trabalha para a Shadaloo como informante infiltrado. Depois de uma conferência da Interpol em que o inspetor Dubal foi chamado para dirigir a investigação em Shadaloo, Balrog contrata Cammy e ordena que ela o mate, dizendo-lhe que a Interpol ordenou secretamente o golpe e que Dubal era um agente duplo que comandava todo o cartel de drogas. Embora a tentativa de assassinato pareça inicialmente ser bem-sucedida, Dubal consegue sobreviver ao ataque. Assim, as suspeitas tinham sido levantadas pois apenas um oficial superior da Interpol teria tido conhecimento de suas investigações sobre a Shadaloo. Quando descobre, pela Interpol, que Dubal ainda está vivo, Balrog ordena a Cammy para terminar o serviço. Ela visita Dubal em seu quarto de hospital onde é atacada por um furioso Fei Long e ambos entram em uma trégua temporária. Em última instância, o segredo de Balrog é descoberto por Fei Long (com a ajuda de Cammy) depois que as incoerências de sua história são finalmente descobertas. Antes de ser levado para a prisão, Cammy se vinga de Balrog por tê-la feito acreditar que Dubal seria o chefe do narcotráfico e quase o mata, mas o deixa nas mãos de Fei Long. Ao contrário de sua representação nos jogos, Balrog é retratado como altamente inteligente, esperto, enganoso e até mesmo covarde, em oposição ao lutador de boxe da Shadaloo, sanguinário, ganancioso e não inteligente. Apesar de manter a fisionomia e estatura intimidantes, Balrog não participa das lutas (e até começa a suar nervosamente quando está prestes a ser atacado por Cammy) e só aparece retratado como um lutador de boxe durante a segunda abertura da série.
Cammy White é uma ex-agente do MI6 e agora trabalha como mercenária assassina. Sendo Católica, ela sempre reza para o perdão, antes e depois de cada luta. Ela tem muito orgulho do seu trabalho e acredita que a morte de seu alvo deve ser proveniente dela mesma e não como um acidente ou ocorrência acidental. Também, como uma questão de orgulho, ela se recusa a agir em falsos pretextos para o emprego. O seu caráter é radicalmente diferente em comparação a qualquer outro aspecto. Ela usa um halter top preto, spandex tights, e uma pulseira decorada com um crucifixo. A pulseira era utilizada para esconder um mortal e retrátil fio metálico para assassinar as suas vítimas. Seu traje original com uma boina vermelha, maiô verde azul e fio-dental é brevemente visto durante sua apresentação no episódio 17. Na dublagem inglesa, apesar de ser britânica, Cammy fala com um sotaque americano.
O melhor amigo de Guile que tem servido junto a ele em várias situações. Nash é assassinado por Bison durante a missão de resgatar Ken, Ryu e Chun-Li da Shadaloo. Uma vez que o anime foi produzido enquanto Street Fighter Alpha: Warriors' Dreams ainda estava em desenvolvimento, Nash não tem nenhuma semelhança com sua contraparte no jogo. Na série, ele possui uma impressionante semelhança com Jean Reno. Enquanto Nash é conhecido como Charlie nos jogos em inglês, Nash conserva seu nome em japonês para a dublagem em inglês (exceto em uma cena onde ele solicita Guile por Charlie).
Zangief é um lutador de luta-livre da Rússia e trabalha como um dos homens da Shadaloo. Ele não parece ter qualquer desejo particular ou motivação para ferir ou matar alguém, mas utiliza sua força contra seu alvo quando seus superiores lhe exigem isso. Zangief pode ser visto vestindo uma camisa tipo loincloth, enquanto que, nos jogos, ele aparece topless. Venceu Ryu que estava fraco por causa do Hadouken, mas depois foi derrotado por Guile. Zangief trabalha para a Shadaloo, apesar de não estar afiliado com eles nos jogos.
Seu nome, assim como o de Balrog e Vega, foi alterado durante a tradução. Na verdade, os três personagens trocaram de nome quando a serie foi dublada. Pouco se sabe sobre Bison, apenas que ele é o chefe enigmático da Shadaloo. Em contraste com o Hadou de Ken e Ryu (que é baseada no ki), os poderes de Bison são baseados na sua raiva e ódio e são referidos como seu "Psycho Power". A utilização do seu "Psycho Power" implica, normalmente, em perder a razão. Enquanto Ken era dopado após combate com Vega, Bison - com uma mão e sua energia - quase estrangula Chun-Li. Como o líder da Shadaloo, o seu único objetivo conhecido é a dominação mundial, destruindo e matando todos os homens da terra que fazem experiências e destroem a natureza. A maior parte das suas atividades são financiadas através de uma variedade de operações do submundo, como o sindicato da Ashura. Para a ambição e poder de Bison, sugere-se que muito do seu trabalho pode ser o resultado de influências telepáticas originários de um "totem" de prata, sob a forma de uma cabeça de águia, o que é mostrado em, pelo menos, duas vezes para se comunicar com ele. Ao contrário da maioria dos outros personagens do anime, a personalidade, a aparência e a história de Bison não se desviam tanto do jogo. A única diferença notável é que sua roupa agora é azul, enquanto que, nos jogos, é vermelha. Além disso, Bison tem uma variedade de bases em todo o mundo e a batalha final contra ele ocorre próximo a Barcelona, ​​enquanto que, nos jogos, sua única base está na Tailândia. Bison consegue controlar Ryu e Chun-Li e faz os dois partirem para cima de Ken e Guile respectivamente. Por fim, acaba derrotado por Ryu e Ken, sendo Hadouken o último golpe que o matou.
Gouki é, na verdade, um personagem misterioso na série. Ele, na verdade, tem aparecido como pontas na série. Não se sabe muito dele. Ele seria o personagem chave para séries e filmes de Street Fighter.

Elenco de dublagem[editar | editar código-fonte]

Lista de episódios[editar | editar código-fonte]

Titulo Data da Transmissão original
1 "旅 立 ち サ ン フ ラ ン シ ス コ か ら の 招待 状 Japão"
"A Viagem! Um Convite a São Francisco Brasil"
10 de abril de 1995 Japão
Ryu, que vivia no Japão, recebe uma carta inesperada de seu antigo amigo e colega de treinamento Ken Masters. Este convida Ryu a visitá-lo nos Estados Unidos, já que eles não se viam há muitos anos. Depois de pensar sobre o pedido, Ryu decide viajar e assim reencontrar seu melhor amigo. Eles se encontram no aeroporto de São Francisco, onde uma grande limusine está esperando para levá-los para a mansão de Ken. Ryu fica impressionado com as riquezas da família de Ken. Depois de uma breve luta, os rapazes de 17 anos saem pela noite na motocicleta de Ken e chegam a um bar chamado Mt. Fuji. Ken irrita alguns soldados após tentar conquistar uma de suas garotas e uma briga se inicia. Ryu e Ken vencem facilmente os militares, quando surge o Sargento Guile. 
2 "空軍 の 王者 炸裂, 脅 威 の ミ リ タ リ ー コ ン バ ッ ト Japão"
"O Ás da Força Aérea Brasil"
17 de abril de 1995 Japão
Ryu, em um excesso de confiança, parte para cima de Guile, o que faz com que o enfurecido sargento o ataque severamente. Depois, Guile questiona Ken por ver seu amigo sendo espancado. Em resposta, Ken diz que ele e Ryu seguem um código de honra e que apenas um deles é mais do que suficiente para acabar com Guile. Ryu, que se recusa a admitir a derrota continua de pé. Guile, antes de sair do bar com seus homens, admite que Ryu é um grande lutador. Ryu é levado para casa por Ken e fica de cama se recuperando por alguns dias. Ken, por outro lado, decide vingar o amigo e parte em busca de Guile na Base da Força Áerea no dia seguinte. No entanto, ele também acaba sendo derrotado pelo militar. Ken então, sugere a Ryu que eles deveriam viajar pelo mundo para melhorar e fortalecer suas habilidades. Seu primeiro destino em sua busca por lutadores de rua é Hong Kong . 
3 "香港 上 陸 潜入, 魔 闘 窟 へ の 挑 戦 状 Japão"
"Duelo Em Hong Kong Brasil"
24 de abril de 1995 Japão
Ryu e Ken chegam à Hong Kong onde ficam em um hotel muito sofisticado e encontram sua guia turística, Chun-Li, que é contratada para mostrar-lhes a cidade. Então, eles viajam em um helicóptero sobre a área restrita do Palácio de Kowloon, para encontrarem alguns lutadores de rua. O piloto, Tyler, se opõe fortemente a essa ideia, mas eventualmente adere após muitos pedidos dos meninos. Chegando no Palácio de Kowloon, Ryu, Ken e Chun-Li encontram a Gaiola da Batalha do Diabo, um torneio de artes marciais que está ocorrendo. Ryu entra no ringue e derrota todos os oponentes enviados por Lean, o chefe organizador do evento. Humilhado, Lean ordena que seus homens matem Ryu, Ken e Chun-Li, forçando-os a fugir de lá. 
4 "暗 黒 の 九龍 無法 無法 地 帯, 命 が け の 大 脱出 Japão"
"No Inferno De Hong Kong Brasil"
1 de maio de 1995 Japão
Ryu, Ken e Chun-Li atravessam o Palácio de Kowloon, derrotando todos os inimigos que encontram. Por fim, eles são pegos por Lean e seus homens. Ryu e Ken derrotam seus dois guarda-costas mais fortes mas Chun-Li é tomada como refém de Lean. Dubal, o delegado da polícia de Hong Kong e pai de Chun-Li, entra em cena, atirando em Lean e assim resgatando o trio. De volta ao hotel, Dubal ordena a sua filha para não agir assim novamente. Chun-Li informa Ryu e Ken sobre o plano do dia seguinte: visitar o ator de artes marciais Fei Long. 
5 "飛龍 熱血! 激 写, ス ー パ ー バ ト ル ア ク シ ョ ン ム ー ビ ー Japão"
"Um Homem Chamado Dragão Voador Brasil"
8 de maio de 1995 Japão
Ryu, Ken e Chun-Li visitam Fei Long, que está filmando um filme. Fei Long está frustrado com os dublês contratados para as cenas de luta e exige "um verdadeiro desafio". Ele acredita em "fazer um combate real", ao contrário das cenas de luta estritamente coreografadas encontradas na maioria dos outros filmes de artes marciais. Ryu e Ken são voluntários, mas apenas um deles pode participar. Fei Long escolhe Ken como seu adversário e os dois se enfrentam em um combate. No entanto, Fei Long e Ken levam a luta um pouco longe demais, prejudicando a maioria do cenário. A luta termina em um empate uma vez que o diretor do filme interrompe as filmagens por causa das lesões que Fei Long sofreu, impedindo assim de editar as outras cenas. 
6 "秘 伝 見 参! 漲 る 気, 波動 の 覚 醒 Japão"
"O Segredo Das Artes Marciais Brasil"
22 de maio de 1995 Japão
Ryu, Ken e Chun-Li vão às compras em um shopping center. Uma vez lá, Ryu conhece um estranho ancião que parece estar a ponto de morrer. Ryu diz que vai chamar uma ambulância para ele, mas o ancião insiste em ser levado para um lugar privado. Lá, ele pratica uma técnica de artes marciais na frente de Ryu, onde usa seu ki para criar uma bola de fogo azul em suas mãos. Ele engole esta bola de fogo e, depois que explode no estômago, o ancião fica bem e com boa saúde. Ryu fica curioso e decide aprender a técnica que o ancião acabou de fazer, e assim, ele chega até sua casa, onde eles podem ter privacidade para praticar a técnica. Ryu não consegue dominá-la, embora tenha ganhado um pouco mais de conhecimento sobre seu eu espiritual após esse encontro. 
7 "阿 修羅 の 報復 襲 い か か る ム エ タ イ の 刺客 Japão"
"A Vingança de Ashura Brasil"
5 de junho de 1995 Japão
Uma organização do crime chamada Ashura, cria um plano para matar Dubal, o pai de Chun-Li, por ele constantemente frustar seus planos. Eles decidem seqüestrar Chun-Li e usá-la como isca. Quando ela chega à um parque para se encontrar com Ryu e Ken, é emboscada por um membro da Ashura disfarçado de palhaço. Ryu e Ken conseguem salvar Chun-Li, derrotando todos os inimigos da Ashura. Chun-Li, Ryu e Ken então dirigem-se ao dojo de Dubal para evitar a tentativa de assassinato. Chun-Li entra para proteger seu pai, enquanto Ken, Ryu e Fei Long permanecem fora e batalham contra os bandidos de Ashura. Eles finalmente triunfam, mas um dos homens de Ashura consegue escapar.

Nota: Akuma faz uma aparição quando atacam o dojo. 

8 "罠, 牢獄, 真 実 の 叫 び 誇 り 高 き リ ュ ウ Japão"
"A Sombra Do Terror Brasil"
12 de junho de 1995 Japão
Ryu e Ken decidem ir à Tailândia na esperança de aprender o Muay Thai, um estilo de luta que eles conheceram durante sua batalha com as forças de Ashura. Uma vez no aeroporto de Bangkok, Ryu e Ken vão separar os passaportes para obter aprovação para entrarem legalmente na Tailândia. Denu, o bandido da Ashura que fugiu no Episódio 7 depois que Chun-Li e os outros frustraram sua tentativa de assassinar Dubal, se disfarçou, esbarrou-se em Ryu e jogou heroína em sua mochila como forma de se vingar. Ryu não percebe isso no início, mas logo é preso em flagrante por porte de drogas e enviado para a prisão. Lá, ele resiste brutalmente a tortura do guardião Nuchi, bem como a provocação de outros prisioneiros. Ryu eventualmente luta contra os dois presos que o provocaram durante todo o episódio. Depois disso, Sagat, que é "o único a se temer" de acordo com os presos, se prepara para enfrentar Ryu.

Nota: Akuma aparece novamente no aeroporto, aguardando suas malas. 

9 "ム エ タ イ の 巨星 壮 絶, 獄中 戦 交響曲 Japão"
"Caratê Contra Muai Tai Brasil"
19 de junho de 1995 Japão
Sagat e Ryu se enfrentam usando Muay Thai. Para a surpresa de Sagat, Ryu imediatamente deixa de usar o Muay Thai e lhe aplica uma série de golpes de Caratê. A luta termina em um empate depois que Sagat percebe que ele e Ryu possuem espíritos de luta iguais. Sagat promete proteger Ryu enquanto estiver na prisão e cancela a luta. Nuchi então, insiste que Sagat e Ryu continuem a lutar um contra o outro, porque ele já exigiu 50% do dinheiro das apostas. Sagat se recusa e Nuchi tenta matá-los. Ryu e Sagat defendem-se com sucesso e dão uma surra em Nuchi. Mais tarde, Ken consegue retirar Ryu da prisão sob fiança, embora seja impedido de deixar o país até que possa ser provada sua inocência. Ryu e Sagat se despedem um do outro e prometem se enfrentarem novamente no futuro. O episódio termina com Ryu determinado a encontrar o homem que o colocou na prisão injustamente. 
10 "暗 黒 の 予 兆 ベ ー ル に 包 ま れ た 真 の 君臨 者 Japão"
"O Mensageiro Das Trevas Brasil"
26 de junho de 1995 Japão
Ken descobre que Denu tinha incriminado Ryu, reconhecendo-o pela cicatriz em sua bochecha. Eles o seguem até o prédio do esconderijo secreto da Ashura, onde conseguem derrotar Denu e os demais membros e, assim, se vingam do que fizeram com Ryu. Eles os colocam em custódia e Ryu é finalmente absolvido, mas, ao saírem da delegacia, viram alvos de tiro por um atirador em um prédio. Ken consegue escapar do atirador ileso, embora Ryu fique ligeiramente ferido por uma bala no ombro. Eles sobem no topo do veículo do atirador que tenta escapar. Então, chegam a outro esconderijo secreto da Ashura, o qual é sua sede principal. No entanto, Ryu e Ken são rapidamente descobertos e severamente espancados por um homem maligno chamado Zochi, o chefe da Ashura. Zochi é capaz de utilizar uma motosserra e várias outras armas em seu braço esquerdo, embora nunca seja explicado como ele perdeu sua mão. Zochi, depois de ter percebido que a tortura não fará com que Ryu e Ken digam para quem eles estão "supostamente" trabalhando (na verdade, eles não trabalham para ninguém, mas Zochi não acredita neles), ele coloca Ryu em uma cadeira e o amarra. Ryu tenta mexer-se, mas Zochi planeja cortar seu braço esquerdo com uma motosserra para adicionar à sua "coleção" de braços amputados. Quando Zochi está prestes a fazê-lo, o alarme soa com Dubal e o resto da polícia de Hong Kong entrando no esconderijo secreto, graças ao rastreador que o delegado plantou em Soong (um agente duplo da polícia que trabalhava para Ashura e matou Denu). Ao se distrair com isso, Ryu e Ken derrotam Zochi e os outros membros da Ashura, para a surpresa de Dubal e seus homens quando eles entram na sala. Sagat, no final do episódio, é libertado da prisão graças às provas que comprovaram sua inocência. Sagat pede a Ryu para lhe mostrar o pergaminho que ele recebeu do Mestre Yosenkai. Ele então diz a Ryu que, se quisesse aprender sobre o Hadou, deveria viajar para a Índia, onde vive um monge chamado Dhalsim. 
11 "野 獣 来訪 聖 な る 荒 法師, 若 武 者 へ の 忠告 Japão"
"Na Trilha Das Feras Brasil"
3 de julho de 1995 Japão
Ryu e Ken visitam a Índia para aprender sobre o Hadou através de um monge chamado Dhalsim, que vive no norte da Índia. Ryu e Ken lutam contra um grupo de bandidos que pretendem destruir um pequeno hospital criado pela Dra. Hanna como um refúgio para a população empobrecida de Calcutá. Ken faz um telefonema para seu pai, pedindo-lhe para comprar o local e transformá-lo em um hospital muito maior - e em pleno funcionamento - para que a Dra. Hanna nunca seja assediada ou ameaçada novamente. Ryu e Ken logo chegam na aldeia de Dhalsim, mas ele se recusa a ensinar-lhes os caminhos do Hadou, pois acredita que eles são "animais com espírito agressivo" e, portanto, indignos de aprenderem o Hadou. Ryu e Ken fazem amizade com os moradores da aldeia para impressionar Dhalsim e motivá-lo a ensinar-lhes o Hadou. Dhalsim eventualmente mostra para Ryu e Ken a Caverna dos Antigos, dizendo-lhes para que nunca entrem lá, pois há um monstro terrível lá dentro. O episódio termina quando quatro criminosos entram na caverna com a intenção de saquear seu tesouro. 
12 "赤白 の 闘 神 幻 の 真 剣 勝負 Japão"
"Na Caverna Do Demônio Brasil"
10 de julho de 1995 Japão
Dhalsim e o resto dos aldeões são tomados como reféns por dois criminosos (os outros dois morreram dentro da caverna) que não conseguiram acessar o tesouro dentro da Caverna dos Antigos. Eles mandam Ryu e Ken entrarem na caverna e recuperarem o tesouro, ameaçando massacrar toda a aldeia, caso não consigam. No interior, eles são forçados a enfrentar um ao outro em combate, sem saber que o "monstro" com o qual estão lutando é apenas um reflexo do seu ser mais íntimo. Ryu e Ken, depois de sofrer sérios ferimentos da luta, percebem que estão lutando entre si, fazendo com que a ilusão desapareça. Ryu e Ken emergem da caverna e entregam o tesouro aos criminosos que, então, tentam matá-los por ter sobrevivido à sua "utilidade", mas Dhalsim paralisa os dois homens. Dhalsim, então, cura os ferimentos de Ryu e Ken e concorda em ensinar-lhes os caminhos do Hadou. 
13 "森羅万象の気 波動拳伝説 Japão"
"Em Busca Do Hadouken Brasil"
17 de julho de 1995 Japão
Dhalsim tenta ensinar Ryu e Ken a usar o Hadou. Ryu começa a sentir uma onda incontrolável de energia dentro de seu corpo e desencadeia-a através de um Hadouken. Embora tenha sucesso na execução da técnica, é incapaz de controlar seus novos poderes, temendo que possa matar alguém sem aviso prévio. Ryu vai para a Caverna dos Antigos para aperfeiçoar seu uso do Hadouken. Na caverna, ele luta contra um Guile imaginário que disse que os ajudou a perceber "o quanto eram arrogantes". Logo depois, ele atira o Hadouken em um Dhalsim imaginário já que, ao imaginar seus oponentes, isso o ajudava a se concentrar para onde atirá-lo. Depois que terminam seu treinamento, Ryu e Ken deixam a Índia para ir para a Espanha, pois Dubal foi convidado para Barcelona para receber um prêmio por acabar com o sindicato do crime de Ashura. Chun-Li convida Ryu e Ken para virem também e assim eles fazem, à medida que o episódio termina. 
14 "血 に 飢 え た 麗人 バ ル ロ グ Japão"
"O Príncipe Sanguinário Brasil"
24 de julho de 1995 Japão
O toureiro espanhol de coração frio, Vega, entra em uma arena de touradas para mostrar suas habilidades. Vega percebe a beleza de Chun-Li no momento em que entra na arena e imediatamente desenvolve uma atração por ela. Ele lhe entrega uma rosa antes de lutar contra o touro, declarando que venceria em sua honra. Vega sai vitorioso e apresenta à Chun-Li a orelha do touro como prova de sua vitória. Chun-Li fica assustada com Vega após esse incidente. Depois disso, Ryu, Ken e Chun-Li se encontram com Vega mais algumas vezes fora da arena taurina e Vega mostra cada vez mais carinho em relação a Chun-Li. No meio da noite, quando Chun-Li, Ryu e Ken estão dormindo, Vega entra no quarto de hotel de Chun-Li e a beija. Vega consegue lançar uma poção de amor sobre Chun Li, onde ela ficará concentrada nele sempre que o ver. Vega consegue escapar no momento em que Ken percebe que alguém está lá. O episódio termina quando Ryu, Ken e Chun-Li acordam. 
15 "両 雄 激 突 プ ラ イ ド と 命 と シ ン デ レ ラ を 賭 け た 死 闘 Japão"
"Encontro de Gigantes Brasil"
31 de julho de 1995 Japão
Vega organiza uma festa e envia uma carta convidando a Ken, Ryu e Chun-Li. Ken e Chun-Li vão para a festa, enquanto Ryu fica atrás do hotel praticando seu Hadouken. Quando eles chegam à festa, Chun-Li se afasta e Ken percebe que Vega está na gaiola de aço da morte, bem no meio da sala, onde a festa está sendo realizada. Assim, Ken aceita o desafio de Vega e os dois iniciam um sangrento duelo. 
16 "ベ ー ル を ぬ い だ 君臨 者 暴走 を 始 め た 恐 る べ き 征服 欲v Japão"
"A Máscara do Poder Brasil"
7 de agosto de 1995 Japão
A batalha entre Ken e Vega continua. Vega tem uma ligeira vantagem após ferir gravemente os dois pés de Ken, além de fazê-lo perder muito sangue por causa de suas garras. Apesar disso, Ken consegue sobreviver à investida do matador e ainda desfere alguns golpes em Vega (incluindo a destruição de sua máscara) deixando o combate equilibrado. Vega pula no topo do candelabro e se prepara para acabar com ele, enquanto Ken decide usar seu último ataque, o Shoryuken. Então, os dois estão prestes a usar seus últimos ataques um contra o outro, quando o episódio termina. 
17 "戦 慄, 暴君 の 司令 忍 び 寄 る 策 謀, 迫 り 来 る 危機 Japão"
"Os Tentáculos da Morte Brasil"
14 de agosto de 1995 Japão
A batalha de Ken e Vega chega ao seu fim. Ken usa o Shoryuken e arremessa Vega no candelabro acima. Um Ken gravemente ferido cai no chão em seguida. Chun-Li volta ao normal e entra na gaiola para ajudar Ken. Vega se enfurece quando vê Chun-Li abraçada com Ken e salta do candelabro em um último ataque. No entanto, Ken consegue segurar Vega e o salva da morte certa. No meio da platéia está M. Bison, o líder da Shadaloo que fica impressionado com as habilidades de Ken e ordena a seu assistente, Zoltar, para que chame os médicos para cuidarem dele. Enquanto isso, Ryu continua praticando o Hadouken na praia do hotel em que está hospedado. Ken e Vega são levados para diferentes salas de recuperação. Chun-Li acha isso suspeito e questiona os médicos. Eles, por sua vez, aplicam uma injeção em Ken que o faz dormir. Neste momento, surge Bison e tenta sequestrar Chun-Li. Ela se recusa a ir com o vilão e começa a atacá-lo. No entanto, Bison enfrenta facilmente Chun-Li, chegando a arrancar partes de seu vestido no processo. 
18 "美しき暗殺者 緑色の瞳、十字架の恐怖 Japão"
"A Bela Assassina Brasil"
21 de agosto de 1995 Japão
Bison e Chun-Li lutam. Ela bate em Bison duas vezes, embora seus ataques mal façam algum dano a ele. Quando tenta fugir, ele se teleporta na frente dela e a estrangula, fazendo-a perder a consciência. Bison, percebendo que ficou furioso com seu Psycho Power, diz a seu assistente, Zoltar, para trazer Chun-Li e Ken para sua base. Enquanto isso, a bela assassina Cammy White que foi contratada pelo investigador da Interpol e agente duplo da Shadaloo, Balrog, recebe a missão de assassinar Dubal. Cammy o observa em seu quarto de hotel ao lado de onde Dubal está hospedado. Balrog mentiu para Cammy dizendo que Dubal supostamente montou um novo sindicato de drogas toda vez que acabava com um, com ele mesmo sendo o chefe. Balrog resolveu eliminar Dubal porque este último foi enviado para liderar a investigação contra a Shadaloo. Antes disso, o chefe da Interpol, Barlock, que organizou a reunião entre os agentes da Interpol disse que tudo deveria ficar em segredo. Assim, o episódio termina, com Cammy prestes a atacar Dubal. 
19 "鉄 人 へ 特命 特命 救出 の 空 に 発 つ 最強 の 助 っ 人 Japão"
"Agentes Secretos Brasil"
28 de agosto de 1995 Japão
Bison chama o Sr. Masters, o pai de Ken e informa que ele sequestrou seu filho. Ele exige um resgate de US$ 1.000.000.000 (quase um quinto de sua fortuna) em troca de Ken. O dinheiro era necessário porque reembolsaria Bison e a Shadaloo após eles perderam a Asuhura que foi desmascarada por Dubal. Em resposta, o Sr. Masters envia dois comandantes especiais dos militares dos Estados Unidos, Guile e Nash, para resgatarem Ken de Bison. É entregue uma foto de Ken com seu melhor amigo Ryu e imediatamente Guile os reconhece dizendo: "esses meninos ainda continuam dando trabalho". Guile e Nash entram em um helicóptero depois de terem sido informados e partem para a Espanha para resgatar Ken de Bison. Enquanto isso, Dubal é atacado por Cammy e é dado como morto, apesar de mais tarde, ser revelado que ele conseguiu sobreviver ao ataque. Na praia, após gastar a maior parte de sua força treinando com o Hadouken, Ryu é atacado por um lutador russo a mando da Shadaloo, Zangief, que foi enviado por Bison para levá-lo até seu quartel general. Ryu resiste a Zangief e o episódio termina. 
20 "秘 め ら た た 爆 発 力 渾身 に 満 ち ち る と て つ も な い パ ワ ー Japão"
"Hadouken, a Forma Preponderante do Cosmo Brasil"
4 de setembro de 1995 Japão
Ryu e Zangief lutam por um breve momento na praia, mas, com a ajuda do motorista da Shadaloo, o grandalhão consegue desmaiar o japonês e o coloca no caminhão em que eles vieram. Assim que Zangief coloca Ryu no caminhão, Guile e Nash pousam nas proximidades. Zangief e o motorista da Shadaloo rapidamente escapam com Ryu, antes que Guile e Nash pudessem confrontá-los. Guile e Nash revistam a Mansão onde Vega e Ken estiveram. O lugar está completamente vazio e, portanto, sua busca é fútil. Enquanto isso, Ryu acorda já na sede da Shadaloo. Ryu luta contra Bison sem sucesso e, quando finalmente decide usar o Hadouken, o vilão usa seu Psycho Power. O Hadouken explode e isso, combinado com a energia do Psycho Power de Bison, deixa Ryu inconsciente. 
21 "服 従 へ 強制 強制 サ イ バ ー チ ッ ッ プ 脳 脳 支配 へ の 挑 戦 Japão"
"Os Prisioneiros do Castelo Brasil"
11 de setembro de 1995 Japão
Ryu tem um cyberchip implantado em sua testa por Bison. Zoltar criou o chip para recrutar os guerreiros da Shadaloo para Bison. Estes cyberchips controlam as funções cerebrais superiores de qualquer um, assim, enquanto estiver em sua testa, Bison consegue controlar o lutador como quiser. Zoltar demonstra isso ao fazer um teste com um homem que bate a cabeça contra a parede e se mata. Com Ryu sob o controle de Bison e Ken inconsciente e acorrentado em uma cama, Guile e Nash terão que se apressar para resgatá-los de Bison. Enquanto isso, Fei Long descobre a suposta morte de Dubal e corre para o hospital para vê-lo (ele estava em Barcelona porque ia filmar um filme lá). Acaba sendo recebido pelo chefe da Interpol, Barlock, que explica o que realmente aconteceu. Fei Long decide ajudar Barlock a proteger Dubal de futuras tentativas de assassinato, já que ele ainda está vivo. 
22 "昇 龍 空 空 へ 怒 り の 絶頂 、 目 覚 め る 波動 Japão"
"A Manifestação do Hadouken Brasil"
18 de setembro de 1995 Japão
Na base da Shadaloo, Ken começa a ter pesadelos com Chun-Li sendo estrangulada por Bison e isso começa a despertar seu ki e sua habilidade de usar o Hadou. Por fim, Ken desperta, embora esteja mais fraco do que nunca. Ele gradualmente convoca o Hadou Shoryuken e consegue libertar-se das correntes, além de criar um buraco no teto, permitindo-lhe escapar da sala. Ken finalmente começa a se aproximar da fortaleza na esperança de encontrar Ryu e Chun-Li. 
23 "凍 り い い た 眼光 悪 魔 に 魅 入 ら れ た 勇者 Japão"
"O Brilho Misterioso Brasil"
16 de outubro de 1995 Japão
Este episódio tem uma grande retrospectiva do que aconteceu desde que Ryu e Ken viajaram para Barcelona. Todo este resumo tem mais de dez minutos de duração, praticamente a metade do episódio. Após a recapitulação, começa o episódio real, onde Ken lentamente se dirige para a sala principal da sede para encontrar Chun-Li e Ryu. Balrog convoca Cammy para o hospital onde Dubal está internado após descobrir que ele sobreviveu à sua tentativa de assassinato. Cammy começa a ter suspeitas sobre Balrog, mas continua seguindo suas ordens por enquanto. Ken se aproxima de uma parede com uma janela para a sala principal onde vê Chun-Li, que também tem um cyberchip implantado em sua testa e estrangula um guarda da Shadaloo. 
24 "悪 夢 再 再 会 の の 呼 び 掛 け 、 閉 ざ さ れ た 意識 Japão"
"O Reencontro Com o Pesadelo Brasil"
23 de outubro de 1995 Japão
Após Chun Li matar o guarda, é a vez de Ryu entrar na sala, agora sob o controle de Bison através do cyberchip. Ryu e Chun Li olham um para o outro brevemente (e totalmente fora de si) antes dela sair da sala. Ken, então, percebe que algo está errado com Ryu. Bison então ordena a Ryu para focar seu ki para fazer o Hadouken e ele começa a carregar seu ki. Enquanto isso, Guile e Nash se infiltram na fortaleza para tentar resgatar Ken, Ryu e Chun-Li das mãos de Bison. Ken, disposto a resgatar o amigo, também começa a invocar todo seu poder para usar o Hadou Shoryu e assim quebrar a parede entre ele e Ryu. Depois de quebrar a parede, Ken tenta convencer Ryu a ir com ele, mas este não responde e fica em posição de ataque. 
25 "闘 闘 <第一 章> 壮 絶 、 ト リ プ プ ル バ ト ル コ マ ン ド Japão"
"A Luta Violenta Brasil"
30 de outubro de 1995 Japão
Ryu ataca Ken e os dois iniciam uma terrível batalha. Ryu facilmente supera Ken que, por sua vez, se recusa a lutar contra seu melhor amigo. No entanto, Ken finalmente atinge Ryu a fim de se defender, quando Bison diz que eles nasceram para lutar entre si. A luta continua e Ken tenta quebrar o controle de Bison sobre Ryu, mas sem sucesso. Enquanto isso, Cammy entra no quarto de hospital de Dubal e tenta uma última tentativa de assassinato contra ele, mas é impedida por Fei Long que começa a lutar contra ela para proteger a vida de seu mestre. Enquanto isso, Guile e Nash, após se infiltrarem com sucesso na fortaleza da Shadaloo, seguem caminhos diferentes para assim encontrarem os reféns. Ao longo de seu caminho, Guile encontra Zangief e inicia uma briga com ele. 
26 "闘 闘 <第二 章> 力 尽 き ゆ く 親友 の 断 末 魔 Japão"
"A Morte do Amigo Brasil"
6 de novembro de 1995 Japão
A luta entre Guile e Zangief continua. Após algumas dificuldades, Guile finalmente consegue derrotar Zangief. Fei Long e Cammy continuam sua luta, com o ator determinado a proteger seu mestre Dubal da assassina. Ryu e Ken continuam sua luta também e, ao que parece, está longe de chegar ao fim. Ken continua tentando convencer Ryu a voltar ao normal, mas este ainda está sob controle de Bison. Enquanto isso, Nash finalmente chega à sala de controle da fortaleza, onde encontra Bison. Ele confronta Bison corajosamente, atirando uma bala em seu coração. Bison usa seu Psycho Power para inutilizar essa bala. Depois, Bison ataca Nash implacavelmente e o estrangula. Nash não resiste ao poder descomunal do vilão e morre. 
27 "闘 闘 <第三 章> 臨界 点 、 激 突 突 す る 波動 エ ネ ル ギ ー の 極限 Japão"
"A Colisão de Emergências Brasil"
6 de novembro de 1995 Japão
Guile finalmente entra na sala de controle onde encontra seu amigo Nash morto. Percebendo que Bison o matou, Guile imediatamente o ataca com extrema raiva. Bison usa seu Psycho Power para empurrar Guile de volta para a entrada da sala, incapacitando-o brevemente. Enquanto isso, Fei Long e Cammy continuam a lutar pela vida de Dubal. Por fim, Fei Long revela a Cammy que a Shadaloo a tinha enviado para matar Dubal, porque ele tinha frustrado seus planos. Percebendo que foi enganada, Cammy vai para o quarto do hotel onde Balrog está hospedado e começa a questionar seus motivos. Ele finalmente revela seus verdadeiros objetivos e aponta uma arma para ela. Assim que está prestes a matá-la, Fei Long e Barlock arrombam a porta e Cammy chuta a arma de Balrog para longe, após ele se distrair. Barlock diz que Balrog está preso. Mas antes disso, Cammy ataca Balrog por tê-la enganado e quase o mata. Ela decide entregá-lo a Fei Long e também agradece a ele por contar a verdade, fugindo logo em seguida. 
28 "闘 闘 <第四 章> 君臨 者 ベ ガ 、 そ の 圧 圧 倒 的 的 壊 力 力 力 Japão"
"O Domínio de Bison Brasil"
20 de novembro de 1995 Japão
Ryu e Ken finalmente terminam sua luta após usarem o Hadou Shoryu e o Hadouken um contra o outro. A explosão de energia destrói o cyberchip da testa de Ryu e ele volta ao normal. Guile consegue se recompor e se levanta novamente para encarar Bison. No entanto, Bison não tem tempo para lutar pessoalmente contra Guile e ordena que Chun-Li se encarregue dele. Ryu e Ken acabam se encontrando com Guile e Chun-Li na sala de controle da fortaleza. Sua reunião é de curta duração, quando a cabeça de águia de Bison transporta Guile e Chun-Li para o lado de fora. Ela também teleporta Ryu, Ken e Bison para o ponto focal do universo onde todo o seu poder flui. 
29 "死 闘 全身 全身 全 を を か け た フ ァ イ ナ ル バ ト ル Japão"
"A Batalha Final Brasil"
20 de novembro de 1995 Japão
Guile e Chun-Li lutam do lado de fora, enquanto Ryu, Ken e Bison lutam no ponto focal do universo, que é revelado como uma outra dimensão para a qual a águia de Bison os enviou. Lá, Ryu e Ken parecem destinados a perder por causa do opressivo Psycho Power de Bison. As habilidades de luta de Ryu e Ken não são páreo para Bison e Guile está perdendo para Chun-Li, já que o cyberchip fez dela uma oponente muito mais agressiva e também porque Guile está relutante em lutar com sua força total, por medo de que ele possa prejudicá-la seriamente. Bison usa seus ataques Psycho Crusher e Double Knee Press para dominar Ryu e Ken, ferindo gravemente a ambos. Eles finalmente encontram a força necessária para continuar graças aos seus poderes do Hadou. Ken usa o Hadou Shoryuken contra o Bison. Isso enfraquece substancialmente Bison e também destrói o ciberchip da cabeça de Chun-Li. Ryu, por sua vez, aplica um Tatsumaki Senpuukyaku para vingar Chun-Li, um Shoryuken para vingar Ken e por fim, utiliza um Hadouken para acabar com Bison de uma vez por todas. Depois que Bison é finalmente destruído, Ken volta para a América, enquanto Ryu segue com sua viagem pelo mundo, em busca de novos desafios. 

Temas da série[editar | editar código-fonte]

Abertura
  • "Kaze Fuiteru" por Yuki Kuroda (eps 1-19) como também Ao Encontro do Mais Forte (tema de abertura dublado passado no Cartoon Network na maioria dos episódios, adaptado por Nelson Machado e cantado por Elisa Villon, com os arranjos instrumentais de Hélio Santisteban)
  • "Ima, ashita no tame ni" por Shuji Honda (eps 20-29)
Encerramento
  • "Cry" por Yuki Kuroda (eps 1-19) como também Vou Lutar (tema de encerramento dublado passado no Cartoon Network na maioria dos episódios, adaptado por Nelson Machado e cantado por Elisa Villon, com os arranjos instrumentais de Hélio Santisteban)
  • "Lonely Baby" por Shuji Honda (eps. 20-29)

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Se(c)ções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios (desde abril de 2011).
  • Um dos equívocos da série Street Fighter II V é sua cronologia, já que a série conta a adolescência de Ryu e Ken, ambos com 17 anos, A Cammy nessa série aparenta ser mais velha que Chun-Li que devia ser ao contrário. De acordo com a data de nascimento posto pela Capcom, Cammy é dez anos mais nova que Ryu e Ken.
  • Gouki (Akuma) aparece diversas vezes ao longo do anime sem muitas vezes ser percebido, como figurante em aeroportos, bares, até mesmo quando o grupo Ashura vai à casa de Chun-Li para tentar assassinar seu pai. Gouki aparece como um dos bandidos, sem participar da batalha, apenas como cenário.
  • Kenji Haga, Kaneto Shiozawa e Yoko Sasaki (respecivamente os dubladores japoneses de Ken, Vega (Balrog) e Cammy) fizeram parte do elenco de Street Fighter II: The Animated Movie dublando os mesmos personagens.
    • Outro dublador que trabalhou no filme é Shozo Iizuka, que interpreta Dhalsim na série (no filme, ele dublou T. Hawk).
  • O tipo de Hadouken atribuído à série, foi depois colocado em Street Fighter III, como o Denjin Hadouken.
  • Na versão brasileira do anime, vários dos dubladores também fizeram as vozes dos personagens em Street Fighter II: The Animated Movie (como Ryu e Ken por exemplo, ambos possuem as mesmas vozes não só no filme animado como também no filme live-action).
  • Na dublagem brasileira do episódio final, Ryu pronuncia o golpe Hurricane Kick ao invés de Tatsumaki Senpuukyaku (Golpe Furacão, nos episódios 4 e 5). Durante a exibição de episódios, há diálogos que não foram dublados, apenas estão com áudio em japonês, esses erros foram corrigidos na redublagem.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre mangá e anime é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. "Anime Sheds Light on SF Story". Electronic Gaming Monthly . No. 91. Ziff Davis . February 1997. p. 26.
  2. Street Fighter II V: Original Soundtrack (Media notes). TOCT-9195.