Zangief

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Zangief
Nome no Japão Zangiefu (ザンギエフ)
Série de jogos Street Fighter Series
Primeiro jogo Street Fighter II: The World Warrior
Informações pessoais
Aniversário 1º de junho
Terra natal  União Soviética
 Rússia (Street Fighter IV)
Afiliação Durante um período foi membro da Shadaloo, mas atualmente luta por si próprio ou ao lado de outros heróis, porém sem pertencer a nenhuma afiliação formal.
Estilo(s) de luta Wrestling e sambo
Portal Games

Zangief (ザンギエフ, Zangiefu?) é uma personagem de video game da série Street Fighter, criada pela Capcom.

História[editar | editar código-fonte]

Tendo sua primeira aparição em Street Fighter Series, Zangief é um grande lutador profissional da União Soviética. Contratado por um homem chamado Erai Hito para representar seu país no segundo Torneio Mundial de Lutas(Street Fighter), Zangief começa a treinar em condições extremas na Sibéria, determinado a demonstrar para todo o mundo o poder magnífico da Rússia. Então Zangief sai de seu treinamento como o Ciclone Vermelho.

Desde muito jovem, Zangief já apresentava estrutura corporal robusta e sabia se defender de seus agressores com facilidade, logo se tornando alguém temido e respeitado. Com o passar dos anos, Zangief se tornara um fisiculturista de primeira, se interessando pelas lutas livres, e logo desenvolveu seu estilo próprio de Wrestling, como um misto de luta livre americana com o Sambo russo. Não demorou muito para o presidente contar com Zangief como seu representante nacional nas lutas, fazendo com que o grandão pudesse viajar pelo mundo e disputar diversos torneios representando a "mãe Russia"(como Zangief costuma dizer) e mostrando seu poder. Como Zangief, além de tudo é um patriota nato, reforçou a aliança com o presidente.

Pré-Alpha(Street Fighter 2 original)[editar | editar código-fonte]

Durante suas viagens, Zangief passa pela Índia, onde conhece o mestre Yoga Dhalsim, que tenta servir de motivação para o barbudo controlar sua raiva. De início, Zangief zomba do indiano, inclusive gozando de seu porte físico(aparentemente muito mais fraco que Zangief, já que Dhalsim é magro), mas é derrotado pelo mestre yoga, sendo motivado a treinar com este. Dhalsim ajuda Zangief a controlar sua força natural para adquirir equilíbrio entre corpo, mente e alma, e isso de certa forma ajuda o barbudo a distinguir seus caminhos de luta e adquirir através disso a vitória necessária para orgulhar seus compatriotas. Neste período, Zangief ouvira falar de um outro lutador de luta livre que estava em seu auge, chamado Mike Haggar. Zangief copiou o golpe giratório do wrestler americano, e como resposta, Haggar copiou o pilão giratório do russo. É desconhecido se chegaram a se enfrentar durante este período, mas sabe-se que Zangief, devido á suas habilidades precoces, chegou a ensinar seu estilo de luta a um jovem wrestler russo chamado Biff Slamkovich, que era novato em sua carreira. Biff tinha como maiores inspirações para seu treino, justamente Haggar e Zangief.

Em meio a seus confrontos, Zangief enfrenta a besta humana Blanka, ficando indefinido quem se saiu vencedor ao fim da batalha, apesar de Zangief se impressionar com os poderes elétricos e a estrutura aparente de tal ser bizarro. O grandão também chega a conhecer Ken Masters, o qual zomba dele, chamando-o de "filhinho da mamãe", logo após Zangief se declarar representante da "mãe Russia". Isso enraivece o gigante russo, motivando-o a lutar. Zangief derrota o galanteador americano e logo é recepcionado pelo presidente, que parabeniza o russo e o manda para as montanhas geladas da Sibéria, afim dele treinar suas técnicas de combate contra ursos ferozes. Um tímido Zangief reconhece que ainda não havia conquistado totalmente a confiança de seu contratante, mas se emociona ao saber que o mesmo conta com ele para representá-lo.

Durante seu treino na Sibéria, um homem chamado M.Bison, impressionado com a notável força de Zangief, decide contratá-lo para sua organização, ao que Zangief nega, mas é convencido pelo ditador quando este oferece uma grande quantia em dinheiro. Algum tempo depois de sua contratação, Zangief é incumbido de sequestrar o jovem Ryu Hoshi afim de que este seja um soldado a serviço da Shadaloo. Ao se aproximar do rapaz, Zangief tenta chamá-lo com gentileza, mas após Ryu se negar a acompanhá-lo, o grandalhão trava uma luta da qual o carateca sai perdendo. Após Zangief desmaiar Ryu, ele finalmente o sequestra e o entrega para Bison. Logo após, Zangief confronta o militar Guile, que adentra a base da organização afim de resgatar os jovens sequestrados Ryu, Chun-Li e Ken. Os dois travam uma dura batalha da qual um debilitado Guile sai vencedor, deixando Zangief inconsciente. Após o grandão voltar a si, ele percebe que a base entra em colapso e então foge por conta própria.

Após tais eventos, Zangief se dá conta de seu erro e é encontrado novamente por Dhalsim, que o convence a deixar os maus caminhos da Shadaloo e voltar a ser o herói que era. O presidente finalmente encontra seu desaparecido herói e o reintegra. Mais tarde, Zangief adentra as competições coordenadas pela Shadaloo, mas desta vez ao lado dos heróis. O grandão faz as pazes com Guile, e juntamente a ele, Dhalsim e outros guerreiros, ajuda a derrubar Bison. Logo após isto, Zangief é condecorado e ainda comemora sua vitória, dançando a dança cossaca juntamente com o presidente e seus homens.

Série Alpha[editar | editar código-fonte]

Depois de algum tempo sem ver seus amigos e parceiros de batalha, Zangief volta á ativa e reencontra alguns velhos amigos como Dhalsim, Ryu, Ken e Chun-Li. Sabendo do aparente retorno da Shadaloo e do recrutamento de novos lutadores afiliados a tal organização, o grandalhão é incumbido de enfrentar a mesma sob o comando do presidente, devido ao crescimento da corrupção que se espalhara inclusive em seu país.

Durante sua jornada, Zangief encontra o punk inglês Birdie. Os dois trocam algumas farpas, zombando da aparência um do outro e logo após se enfrentam, Zangief se sai vencedor. Mais tarde, ele descobre que uma organização chamada Mad Gear, que pretende tomar a base de Shadaloo, está tomando lugar novamente nas ruas, então, o russo descobre que o ex-boina vermelha Rolento Schugerg é quem está organizando tais manifestações, então os dois se enfrentam e o russo sai vencedor, apenas para logo após ser confrontado pelo toureiro espanhol Vega, representante da Shadaloo que quer provar que com suas garras consegue vencer o grandalhão, e acaba derrotando-o.

Em meio a estes eventos, Zangief é seguido por R.Mika, uma jovem apaixonada por ele que se auto-proclama sua maior fã e deseja treinar com ele para se tornar uma grande wrestler feminina. Zangief enfrenta Mika e por mais que seja mais forte que ela, acaba sendo derrotado, e desde então, passa a treinar a garota, inclusive fazendo dela sua parceira no combate á Shadaloo. Em meio a isso, Zangief é impedido por Chun-Li, que afirma que a organização é perigosa demais para ele, mas Zangief a convence de que tem potencial o suficiente para derrubar a organização, nem que faça isso sozinho.

Já no caminho para a base subterrânea da organização, Zangief é enfrentado por Blanka e é derrotado, mas é motivado por R.Mika a seguir em frente em seu objetivo. Os dois adentram a base Shadaloo, onde, em uma das câmaras, Zangief reencontra E.Honda e os dois celebram seu reencontro utilizando sua força e habilidades para juntos destruírem a câmara do Psycho Drive(a arma secreta de Bison que amplia a força de quem a utilizar). Zangief utiliza o corpo enorme de Honda para aplicar seu pilão sobre a câmara e destruí-la. Os dois, juntamente a R.Mika, comemoram sua conquista e sentem que a base está prestes a explodir. As portas se fecham antes que o trio encontre uma saída, mas Zangief protege R.Mika de ser atingida por um grande pedaço da base que quase cai sobre ela, e então os três encontram Dhalsim, que surge do nada e, com seus braços elásticos, abraça o trio, e assim os quatro desaparecem da base, apenas para aparecer do lado e fora e ver a base explodir enquanto estão a salvo.

Logo descobrem que muitos outros lutadores destruíram outras câmaras e então os quatro se despedem e cada um segue seu rumo. Satisfeito por sua vitória, Zangief retorna á sua terra natal e durante um bom tempo não ouve falar de Bison(que é dado como morto) e da Shadaloo(que tem sua base destruída).

Street Fighter 2(pós-alpha)[editar | editar código-fonte]

Aparência e Vestuário[editar | editar código-fonte]

Zangief é um homem caucasiano bem alto e de porte físico bem forte. Possui barba(possivelmente sua marca registrada), corte de cabelo moicano, olhos azuis e cicatrizes por todo o corpo, devido ao seu treinamento com ursos na Sibéria.

Zangief também possui um dos menores trajes da série, usando apenas uma sunga vermelha de Luta-Livre, um cinturão dourado, munhequeiras e botas de Luta-Livre nas cores vermelho e dourado. E às vezes podemos vê-lo usando uma longa capa vermelha que retira antes dos combates, inclusive um ato semelhante ao do vilão Bison.

São raras as vezes em que Zangief é mostrado de fato trajando uma roupa, a não ser em adaptações como filmes e desenhos, ou em suas finalizações.

Personalidade[editar | editar código-fonte]

Zangief é espontâneo, destemido, corajoso, gentil e tem um grande senso de humor, qualidades estas que o tornou um grande herói de seu país. Costuma ser irritadiço e agressivo em alguns momentos onde não mede muito sua agressividade, porém é dito como um homem de bom coração.

Zangief também costuma ser retratado como um lutador com muito orgulho de seu porte físico, demonstrando certa arrogância em alguns momentos(o barbudo costuma contar vantagem de sua força descomunal), mas também costuma demonstrar um enorme, porém ingênuo sentimento de patriotismo, que infelizmente faz com que seja enganado as vezes. Houve uma ocasião durante Street Fighter Alpha, onde foi revelado que as intenções do presidente Gorbachev era apenas para ganho político, e Zangief não percebendo isso continuou a lutar pela glória e honra da Rússia. Anterior a isso, Zangief se deixou levar pelo vilão Bison e por pouco tempo trabalhou para a Shadaloo, mas foi trazido de volta a si por Dhalsim, sendo motivado a derrubar a organização criminosa.

Mas ao contrário do que alguns possam pensar Zangief não participa de combates apenas por orgulho próprio ou conquistas pessoais, mas para tornar grande o nome e cultura de seu país em todo o mundo e principalmente ganhar a admiração das crianças.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • No filme americano Street Fighter: A batalha final), estrelado por Jean Claude Van Damme, Zangief (interpretado pelo ator Andrew Bryniarski e dublado no Brasil por Felipe Di Nardo) aparece como lacaio de Bison, mas não é exatamente um vilão. Próximo ao fim do filme, Zangief descobre as intenções de Bison(e que havia sido manipulado durante todo o tempo, trabalhando sem ser pago) e ajuda os heróis a derrubar a organização.
  • Zangief lutava com ursos polares na Sibéria, contra quem praticava seu golpe mais famoso: o Spinning Piledriver, depois de terem sido pegos por um ciclone enquanto realizava um giro sobre um urso. As cicatrizes que cobrem o corpo são o resultado da luta com ursos.
  • já no desenho produzido a partir do filme, Zangief ainda aparece como lacaio obediente de Bison.
  • Em seu encerramento na série Street Fighter II, Zangief é felicitado por alguém que lembra o dirigente russo Mikhail Gorbachev e dança com ele. Essa pessoa que cumprimenta Zangief é chamada Erai Hito (Grande Homem, na versão japonesa), e como dito acima, é o contratante de Zangief. Em versões posteriores da série Street Fighter II, Zangief chama-lhe "Mr. Ex-presidente".
  • Zangief ainda está listado como sendo da União Soviética em quase todos os jogos Street Fighter, mesmo aqueles produzidos após a queda da União Soviética com exceção de Street Fighter IV, onde ele aparece como lutador russo. Isto pode ser devido ao fato de que a maioria dos jogos ele aparece no lugar num momento antes da queda da União Soviética, ou dá a idéia de que a União Soviética nunca caiu no universo de Street Fighter ou para ele.
  • No filme Detona Ralph, Zangief aparece na reunião dos Vilões Anônimos, embora não se saiba o por quê, uma vez que ele nunca foi retratado como um vilão de verdade, já que os jogos deixam claro que ele é um personagem do bem(inclusive sendo um dos oito heróis originais de Street Fighter 2, juntamente com Ryu, Ken, Chun-Li, Guile, Blanka, Dhalsim e E.Honda).
  • É o quarto personagem mais alto de toda a série Street Fighter, perdendo apenas para Sagat, Hugo Andore e Thunder Hawk.

Personagens Relacionados[editar | editar código-fonte]