Siniša Mihajlović

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Siniša Mihajlović
Синиша Михајловић
Siniša Mihajlović.JPG
Informações pessoais
Nome completo Siniša Mihajlović
Data de nasc. 20 de fevereiro de 1969 (48 anos)
Local de nasc. Vukovar, Iugoslávia
Altura 1.85 m
Informações profissionais
Equipa atual Itália Torino
Posição Treinador
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1988–1991
1991–1992
1992–1994
1994–1998
1998–2004
2004–2006
Jugoslávia Vojvodina
Jugoslávia Estrela Vermelha
Itália Roma
Itália Sampdoria
Itália Lazio
Itália Internazionale
0075 000(20)
0053 000(15)
0061 0000(7)
0127 000(14)
0162 000(32)
0043 0000(6)
Seleção nacional
1991–2003 Flag of SFR Yugoslavia.svg Flag of FR Yugoslavia.svg Iugoslávia 0063 000(10)
Times/Equipas que treinou
2008–2009
2009–2010
2010–2011
2012–2013
2013–2015
2015–2016
2016–
Itália Bologna
Itália Catania
Itália Fiorentina
Bandeira da Sérvia Sérvia
Itália Sampdoria
Itália Milan
Itália Torino
0022
0025
0052
0019
0068
0038

Siniša Mihajlović - em sérvio, Синиша Михајловић Vukovar, na atual Croácia, 20 de fevereiro de 1969) é um técnico e ex-futebolista sérvio. Atualmente é técnico do Torino.

Jogador[editar | editar código-fonte]

Como jogador, Mihajlović era bastante conhecido por ser um exímio cobrador de faltas e pênaltis, além de precisos passes e chute extremamente potente. Em clubes, Mihajlović jogou no NK Borovo (1986-1988), Vojvodina Novi Sad (1988-91), Estrela Vermelha de Belgrado (1991-92), Roma (1992-94), Sampdoria (1994-98), Lazio (1998-2004). No Verão de 2004, ele foi liberado pela Lazio e juntou-se a seu amigo Roberto Mancini na Inter de Milão, em uma transferência gratuita, já em fim de carreira.

Provavelmente, o seu maior sucesso a nível clube é ganhar o Campeonato Europeu na temporada 1990/91 com o Estrela Vermelha, derrotando o Olympique Marselha nas penalidades, após um 0-0 no tempo normal, com Mihajlović marcando na sua cobrança. Nas semifinais contra o Bayern Munique, em Belgrado, já marcara de voleio. Mihajlović ao final daquele ano conquistaria também o Mundial Interclubes, sobre o Colo Colo do Chile.

Mihajlović tem 63 partidas e 9 gols por Iugoslávia e Sérvia e Montenegro, tendo jogado a Copa do Mundo de 1998 e a Eurocopa 2000.

Mihajlović nasceu em um casamento misto, filho de pai sérvio e mãe croata, o casal registado como iugoslavos. Ele poderia ter jogado tanto pela Croácia ou pela então Iugoslávia pós-guerras, optando por esta por sentir-se mais sérvio devido à sua religião (cristã ortodoxa). Ele era parte da geração de ouro de jogadores iugoslavos que ganhou o Campeonato Mundial de Futebol Sub-20 no Chile em 1987, mas não foi selecionado para a equipe que se deslocou para o torneio, não sendo chamado também para a Copa do Mundo FIFA de 1990.

Em 9 de abril de 2006, em um jogo da Seria A contra o Ascoli, Mihajlović pontou seu vigésimo-sétimo chute livre de longa distância no campeonato, um recorde. Terminou sua carreira de 20 anos jogando após aquela temporada, tendo sido assistente de Roberto Mancini enquanto este foi técnico da Inter.

Mihajlović também é um dos quatro jogadores a terem marcado gols pró e contra em Copas, sendo os outros Ernie Brandts, Ruud Krol e Gustavo Peña.

Treinador[editar | editar código-fonte]

Após encerrar a carreira de jogador, iniciou a de treinador na própria Internazionale em 2006 como assistente de Roberto Mancini. Em 2008 assumiu o comando do Bologna, passando por Catania e Fiorentina.

Em 21 de junho de 2012 tornou-se o treinador da Seleção Sérvia de Futebol.[1]

Estatísticas como treinador[editar | editar código-fonte]

Clube Jogos Vitórias Empates Derrotas Aproveitamento
Bologna 22 7 8 7 43,93%
Catania 25 12 9 4 60,0%
Fiorentina 52 18 18 16 46,15%
Sérvia 19 7 4 8 43,86%
Sampdoria 68 26 23 19 49,51%
Milan 38 19 10 9 58,77%

Títulos[editar | editar código-fonte]

  • Liga dos Campeões: 1991
  • Taça Intercontinental: 1991
  • Taça UEFA Cup Winners: 1999
  • Super Taça UEFA: 1999
  • Primeira Liga Iugoslava: 1989, 1991, 1992
  • Italiano Super Copa: 1998, 2000, 2005
  • Italiano Serie A: 2000, 2006
  • Coppa Italia: 2000, 2004, 2005, 2006
  • Futebolista Iugoslavo do Ano: 1999

Referências