Superpoder

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Um superpoder é uma habilidade sobre-humana atualmente fictícia. Os superpoderes são normalmente exibidos em histórias em quadrinhos de ficção científica, programas de televisão, jogos eletrônicos e filmes como o principal atributo de um super-herói. O conceito originou-se nos quadrinhos americanos e revistas pulp das décadas de 1930 e 1940, e gradualmente se expandiu para outros gêneros e mídias.[1]

Definição[editar | editar código-fonte]

Não existe uma definição rígida de "superpoder". Na cultura popular, é frequentemente associado a habilidades incomuns, como voo, força aprimorada, invulnerabilidade ou velocidade aprimorada. No entanto, também pode descrever habilidades naturais que atingem o potencial humano máximo, como inteligência aprimorada ou proficiência em armas.[2][3][4]

De um modo geral, super-heróis como Batman e Homem de Ferro podem ser classificados como super-heróis, embora não tenham habilidades sobre-humanas reais além de seu talento excepcional e tecnologia avançada. Da mesma forma, personagens com habilidades sobre-humanas derivadas de fontes externas artificiais, como o anel de poder do Lanterna Verde e a armadura do Homem de Ferro de Tony Stark, podem ser descritos como superpoderes, mas o usuário não é necessariamente sobre-humano.

Na ficção, os superpoderes geralmente recebem explicações científicas, tecnológicas, pseudocientíficas ou sobrenaturais. Eles vêm de fontes como magia, tecnologia ou a própria natureza fisiológica do personagem (sendo um alienígena, um ser sobrenatural ou um mutante).[2][5]

Na cultura japonesa[editar | editar código-fonte]

Superpoderes são um conceito comumente usado em mangá e anime, particularmente no gênero shōnen. Eles são frequentemente apresentados em mangás e animes populares como Dragon Ball Z, Os Cavaleiros do Zodíaco, Yu Yu Hakusho, One Piece, Black Clover, Naruto, Fullmetal Alchemist, Bleach, Code Geass, Fairy Tail, Hunter × Hunter, Shingeki no Kyojin e Boku no Hero Academia.[6]

Os tipos de poderes apresentados variam de série para série. Alguns, como Dragon Ball e Fullmetal Alchemist, apresentam muitos personagens diferentes que possuem os mesmos tipos de poderes. Outros, como One Piece e Bleach, apresentam personagens com uma ampla gama de poderes diferentes, com muitos poderes sendo exclusivos de apenas um ou alguns personagens.[6]

Referências

  1. «The Golden Age Of Comics». www.pbs.org. Consultado em 11 de janeiro de 2018 
  2. a b Lovece, Frank (16 de julho de 2008). «The Dark Knight». (movie review) Film Journal International. Consultado em 5 de fevereiro de 2009. Arquivado do original em 7 de novembro de 2014. Batman himself is an anomaly as one of the few superheroes without superpowers… 
  3. «Top 100 Comic Book Heroes». IGN. 2011 
  4. «Superhero | Definition of Superhero by Merriam-Webster». Merriam-webster.com. 22 de março de 2016. Consultado em 26 de março de 2016 
  5. Gesh, Lois H.; Weinberg, Robert (2002). «The Dark Knight: Batman: A NonSuper Superhero» (PDF). The Science of Superheroes. [S.l.]: John Wiley & Sons. ISBN 978-0-471-02460-6. Cópia arquivada (PDF) em 6 de novembro de 2015 
  6. a b «Superpowers Characters | Anime-Planet». www.anime-planet.com. Consultado em 13 de julho de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]