Três Rios

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde setembro de 2014). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Município de Três Rios
"Cidade Empreendedora"

"TR"

Bandeira de Três Rios
Brasão de Três Rios
Bandeira Brasão
Hino
Fundação 14 de Dezembro de 1938 (76–77 anos)
Gentílico trirriense
Padroeiro(a) São Sebastião
Prefeito(a) Vinícius Medeiros Farah (PMDB)
(2013–2016)
Localização
Localização de (Sem nome)
Localização de Três Rios no Rio de Janeiro
Três Rios está localizado em: Brasil
Localização de Três Rios no Brasil
22° 07' 01" S 43° 12' 32" O22° 07' 01" S 43° 12' 32" O
Unidade federativa  Rio de Janeiro
Mesorregião Sul Fluminense IBGE/2008 [1]
Microrregião Três Rios IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Areal, Chiador (MG), Comendador Levy Gasparian, Paraíba do Sul, São José do Vale do Rio Preto e Sapucaia
Distância até a capital 125 km
Características geográficas
Área 326 km² [2]
Distritos Bemposta
População 78 998 hab. Censo IBGE/2010[3]
Densidade 242,33 hab./km²
Altitude 275 m
Clima Tropical de Altitude Cwa
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,725 (RJ: 30º) – alto PNUD/2010 [4]
PIB R$ 1 145 398,413 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 23,251 22 IBGE/2008[5]
Página oficial
Prefeitura www.tresrios.rj.gov.br
Câmara [1]

Três Rios é um município brasileiro do estado do Rio de Janeiro. Situado na região Centro-sul Fluminense, é o município com a maior população da região com 78.998 habitantes, entanto a cidade possui uma população flutuante que gira em torno de 450 mil pessoas devido ser cidade-polo da região, atraindo visitantes de todos os municípios vizinhos e também de municípios de Minas Gerais em busca de empregos, comércio e lazer.[6]

Em uma área estratégica a cidade é cortada por duas grandes rodovias federais, fazendo com que Três Rios tenha o maior entroncamento rodoviário do país. Seu acesso as grandes cidade é feito através dessas: a BR-040 (Washington Luiz - acesso a Brasília e ao Rio de Janeiro),e a  BR-393 ( Lúcio Meira - acesso a São Paulo e a Vitória).

A cidade integra a Microrregião de Três Rios a região Centro-Sul Fluminense, sendo um dos mais importantes municípios dessa aglomeração, pelo fato do grande comércio e principalmente por ter atraído grandes industrias.

Política, administrativa e culturalmente, as microrregiões de Vassouras e de Três Rios, que juntas formam o Centro-Sul Fluminense, também se englobam a Mesorregião do Sul Fluminense.[7]

História[editar | editar código-fonte]

A referência mais remota sobre o território do município de Três Rios data do início do século XIX, quando Antônio Barroso Pereira obteve, por requerimento de 16 de setembro de 1817, "terras de sesmaria no sertão entre os rios Paraíba e Paraibuna..." É no teor da concessão da referida sesmaria, exarada pela coroa portuguesa, que se identifica a origem da primeira toponímia do município “Entre-Rios”.

Dentro do seu patrimônio territorial, Antônio Barroso Pereira fundou cinco fazendas: a fazenda Cantagalo, a mais importante, e as fazendas Piracema, Rua-Direita, Boa União e Cachoeira, todas dependentes da primeira.

A 23 de junho de 1861 foi inaugurada a rodovia União-Indústria (que ligava Petrópolis a Juiz de Fora) e que passava pelas terras da fazenda Cantagalo. Essa rodovia contou com grande colaboração do fazendeiro Antônio Barroso Pereira e, por esse motivo, o imperador Pedro II agraciou-lhe, em 1852, com o título honorífico Barão de Entre-Rios. Ainda em sua homenagem à estação rodoviária local, foi dado o nome de Estação de Entre-Rios. Com o batismo da estação não tardou que o pequeno povoado, formado às margens da rodovia, passasse a ser conhecido como Entre-Rios.

Em 1867, os trilhos da Estrada de Ferro D. Pedro II chegaram à região e, tal a rodovia, essa ferrovia recebeu o importante apoio do Barão que, falecido em 1862, transmitiu a fazenda Cantagalo para sua filha Mariana Claudina Pereira de Carvalho, feita Condessa do Rio Novo em 1880.

A 13 de agosto de 1890, pelo decreto 114, o povoado de Entre-Rios foi elevado a 2º Distrito de Paraíba do Sul.

Confirmava-se o acelerado progresso local, apresentado por uma superioridade frente ao distrito sede: maior população, maior contingente eleitoral, maior arrecadação de impostos - variados componentes que fizeram com que o povo entrerriense reivindicasse sua emancipação de Paraíba do Sul, já no início da década de 20.

Viúva e sem filhos, a Condessa, falecida a 05 de junho de 1882, em Londres, onde se encontrava em tratamento de saúde, deixou a fazenda Cantagalo para a obra assistencial que planejara em Paraíba do Sul, a Casa de Caridade, com a recomendação de que "as terras próximas à Estação de Entre-Rios", poderiam ser aforadas para os que ali quisessem residir. Tratava com essa recomendação de garantir recursos perpétuos àquela futura casa de assistência social.

Somada à movimentação que já se fazia sentir pela rodovia e pela ferrovia, a oportunidade do aforamento de terras veio, sobremaneira, efetivar um relativo progresso para o local, já reconhecido como importante entroncamento rodoferroviário.

A 14 de dezembro de 1938, pelo decreto 634, o distrito de Entre-Rios conseguiu a sua emancipação político-administrativa e o novo município foi instalado a 1º de janeiro de 1939.

Todavia, o município, nascido com a toponímia de Entre-Rios, viu-se no início dos anos 40 obrigado, por órgãos federais, a mudar a sua denominação pela triplicidade do nome existente em outros municípios brasileiros. A partir de 31 de dezembro de 1943, pelo decreto-lei 1056, o município de Entre-Rios passou a chamar Três Rios, numa clara conotação aos três mais importantes rios que cortavam o seu território: rios Paraíba do Sul, Piabanha e Paraibuna. Porém, manteve-se o nome Entre-rios em várias instituições e estabelecimentos comerciais, como forma de resguardar a história da região.[8]

Política[editar | editar código-fonte]

Poder Legislativo

Poder Legislativo de Três Rios funciona no Palácio Vereador José Moacyr Pereira, situado na avenida Rui Barbosa, no bairro Cantagalo, a câmara conta hoje com 13 vereadores, sendo presidido atualmente pelo vereador Joacir Barbaglio Pereira, do Partido Social Democrático..

A Câmara de Vereadores da cidade é composta, atualmente, pelos seguinte nomes, eleitos para a legislatura 2013-2016:[9]

Nome Partido
Antônio Marcos de Souza (1° suplente) SDD
Clecius Silva de Sousa PTB
Diógenes Pedro Borsato dos Santos PDT
Fabiano Batista da Silva (2° secretário) PROS
Francisco Carlos Gama (2° suplente) PC do B
Hedílio de Araújo Cortez (1° vice-presidente) PMDB
Isaias de Oliveira (3° vice-presidente) SDD
Jacqueson Martins (2° vice-presidente) PC do B
Joacir Barbaglio Pereira (presidente) PSD
Josimar Ribeiro Alves (1° secretário) SDD
Nilcélio Carvalho de Sá PP
Rafael Brasiel Rinaldi PR
Rogério Camarinho Tavares PTB

Poder Executivo

Poder Executivo de Três Rios funciona no edifício sede do executivo, na praça São Sebastião, Centro.

O chefe do executivo é o prefeito Vinicius Medeiros Farah (Partido do Movimento Democrático Brasileiro), tendo o município José Ricardo Salgueiro como vice-prefeito. O prefeito Vinicius, como é conhecido, está à frente da prefeitura pelo segundo mandato.[10]

Geografia[editar | editar código-fonte]

Três Rios está localizada às margens do Rio Paraíba do Sul e é atravessada pela rodovia Lúcio Meira (Leste-Oeste) margeando o mesmo rio,e pela rodovia Washington Luiz (Sul-Norte), seu município é o penúltimo do estado percorrido pela segunda rodovia citada, antes da divisa com o estado de Minas Gerais.

A extensão territorial de Três Rios ainda é bastante abundante em vista a outras cidades do estado. Os limites são: Noroeste, o município de Comendador Levy Gasparian; a nordeste o município de Chiador (Minas Gerais); a leste o município de Sapucaia; a sudeste o município de São José do Vale do Rio Preto; a sul o município de Areal, e a oeste o município de Paraíba do Sul.

O município está subdividido nos distritos de Três Rios (sede) e Bemposta (2° distrito). Estando a uma altitude de 275 metros e conta com uma densidade demográfica de 242,22 hab/km².

Relevo[11] [editar | editar código-fonte]

O relevo do município é típico de vale, estando o município localizado entre rios.

Conforme nos afastamos do rio Paraíba do Sul (rio que corta grande parte da malha urbana), encontramos formações montanhosas arredondadas, sendo que dessas avistamos as formações rochosas da região serrana fluminense.

No outro extremo do município, junto ao limite arealense, encontramos o início das formações da região serrana fluminense, com a presença de elevadas montanhas rochosas.

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

A natureza é o berço do município de Três Rios. Em seu território, o encontro dos rios Paraíba do Sul, Piabanha e Paraibuna desponta como referência imediata, desde o início do século XIX, quando uma concessão da coroa portuguesa ao fazendeiro Antônio Barroso Pereira, identifica a região como Entre-Rios.

O encontro é considerado seu principal ponto turístico. Sendo que o Rio Paraíba do Sul domina a paisagem urbana de Três Rios, o rio é o manancial que a cidade dispõe para seu abastecimento, e é receptor de toda a malha hidrográfica urbana.

Serras [12] [editar | editar código-fonte]

São Lourenço, Monte Alegre, Tubarão, Cotia, Boa Sorte e Boa Vista: O encontro dos Três Rios é a grande atração da região, em meio a jequitibás-rosa. Na paisagem, opções de ecoturismo nos morros, vales e serras que emolduram a imensidão.

A 8 km do centro, o Encontro dos Três Rios, é aonde chegam os botes de rafting que descem as corredeiras do rio Paraibuna. Na mistura das águas, os aventureiros e turistas marcam presença e desafiam as corredeiras levando a adrenalina a mil. Rapel, tirolesa e escalada também são esportes radicais bastante procurados.

Rafting [13] [editar | editar código-fonte]

A prática do rafting no rio Paraibuna fica mais rica associada à existência de várias empresas que operam atividades do turismo de aventura em Três Rios. São 22 km rio abaixo, entre seis inesquecíveis corredeiras – uma aventura única e cheia de emoção. O ponto final da descida é outra grande atração, pois acontece no encontro dos rios Paraibuna, Paraíba do Sul e Piabanha, formando o único delta triplo da América Latina.

Subdivisões[editar | editar código-fonte]

Desde 1991, após as emancipações de Comendador Levy Gasparian e Areal, Três Rios conta com dois distritos em seu território: Sede e Bemposta, que se dividem em bairros oficiais a saber:

1º Distrito: Três Rios (Sede)[editar | editar código-fonte]

Zona Norte: Santa Terezinha, Mutirão, Monte Castelo, Vale da Esperança, Boa União, Purys, Alto Purys, Mirante Sul e Cidade Nova.

Zona Sul: Margem Direita, Nova Niterói e Nova Três Rios.

Zona Leste l Região de Vila Isabel: Barros Franco, Cariri, Jaqueira, Morada do Sol, São Carlos, Morro do Sargento, Morro dos Caetanos, Palmital, Residencial Vila Nova, Santa Cecília, Pátio da Estação,e Vila Isabel.

Zona Leste ll: Ataúlfo, Hermogênio Silva, Moura Brasil, Parque dos Ipês, Rua Direita, Triângulo, Ponte das Garças, Ponto Azul, Pilões, Vale das Palmas, Vila Paraíso.

Zona Oeste: Cantagalo, Santa Rosa, Vale dos Barões, Habitat, Passa Tempo e Werneck Marine.

Região Central: Centro, Caixa D'água, Jardim Primavera, Ladeira das Palmeiras, Morro da C.T.B, Portão Vermelho e Vila Estrela.

2º Distrito: Bemposta[editar | editar código-fonte]

Bemposta, Bairro 21, Grama, Estrada da Itajoana, Vila Verde e Vale da Cachoeira. [14]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

A cidade vem se destacando na geração de emprego e renda. De acordo com dados da Junta Comercial do Estado do Rio de Janeiro (Jucerja), nos últimos cinco anos, 1.479 empresas (entre micro, pequenas, médias e grandes) se instalaram no município, gerando cerca de 9000 empregos diretos. De forma planejada, a administração municipal vem buscando dotar a cidade da infraestrutura necessária para atender a população flutuante em torno de 450 mil pessoas, que buscam o município para lazer, trabalho e compras.

Industrial[editar | editar código-fonte]

Fábrica da Nestlé, instalada na Cidade Empreendedora

Três Rios já se destacou pela industrialização principalmente no ramo ferroviário e de alimentos,  tendo declinado com a quebra de duas importantes empresas da região, principalmente a Companhia Industrial Santa Matilde fabricante de automóveis, vagões e tratores.

Em 16 de março de 2011 foi anunciado oficialmente pelo governador Sérgio Cabral, o presidente da Nestlé no Brasil, Ivan Zurita, e o prefeito de Três Rios, Vinicius Farah, a instalação da terceira fábrica da Nestlé[1] no Estado e a 31ª do país, cuja sede será o município trirriense.[2]

No dia 27 de março de 2014 o estado do Rio de Janeiro de mais um passo para se consolidar como o novo polo automotivo do país. Foi inaugurada em Três Rios, na Região Centro-Sul Fluminense, a fábrica de ônibus gaúcha Neobus. Com investimentos de R$ 100 milhões, a empresa anunciou que pretende expandir sua área de atuação nos próximos anos. Até 2016, a expectativa é que as atividades da empresa sejam transferidas de Caxias do Sul (RS) para o município fluminense, elevando as vagas geradas agora, de 1.200, para 2.500 empregos. A empresa iniciou as atividades no segundo semestre de 2014. Quando estiver em pleno funcionamento, terá capacidade para produzir 20 ônibus por dia e irá gerar ao longo dos anos de produção, cerca de 1.200 empregos diretos.[15]

Hotelaria[editar | editar código-fonte]

Três Rios vem se destacando no que diz respeito a investimentos de grandes nomes do setor hoteleiro.

Habitação[editar | editar código-fonte]

Nos últimos anos, Três Rios teve investimentos em 2.500 novas unidades habitacionais no setor privado, isso representa um crescimento 100% superior ao número de unidades construídas no período de 2002 a 2012. Além disso, 426 novas unidades habitacionais foram construídas pelo governo do Estado do Rio de Janeiro, em mais uma parceria com o município, no novo Bairro Habitat; e outros 228 apartamentos foram construídos pelo Governo Federal ( Minha casa, Minha vida)[16]

Mobilidade[editar | editar código-fonte]

Viaduto[editar | editar código-fonte]

No dia 5 de julho de 2012 foi inaugurado no centro da cidade o Viaduto Antônio Teixeira Pinto que faz a ligação da Avenida Condessa do Rio Novo com a Rua Nelson Viana passando sobre a linha férrea.

Sistema viário[editar | editar código-fonte]

Após estudos e mapeamentos detalhados a prefeitura de Três Rios, e as secretarias de Transportes e Ordem Pública, junto a técnicos de engenharia e trânsito, foi implantado em 2011 o projeto viário da cidade com o intuito, de melhorar a fluidez do tráfego da cidade que mais cresce no interior do estado.

Revitalização[editar | editar código-fonte]

Em março de 2011, a Prefeitura junto ao Governo do Estado, inauguraram as obras de revitalização das avenidas Castro Alves e Nelson Viana, duas das principais vias de acesso do município.

Tarifa do Transporte Público[editar | editar código-fonte]

No início de 2009, em um de seus primeiros atos, o prefeito Vinicius Farah decretou a redução da passagem de ônibus, que era R$ 1,75 e aumentaria para R$ 2,15, fixando o valor em R$ 1,50. Em 2012, houve um aumento de apenas R$0,10. No dia 1 março de 2015, após oito anos, a tarifa do transporte trirriense voltou ao valor de R$ 1,75.

Transportes[editar | editar código-fonte]

Acesso[editar | editar código-fonte]

Três Rios possui fácil acesso à BR-040 para Brasília e Rio de Janeiro, e à BR-393 São Paulo e Vitória.

Automóveis[editar | editar código-fonte]

A frota municipal no ano de 2013 era de 15 727 veículos, sendo 5 828 automóveis, 1 003 caminhões, 173 caminhões trator, 1 308 caminhonete, 6 582 motocicletas, 1 415 motonetas, 207 ônibus e dez tratores de roda. As avenidas duplicadas e pavimentadas e diversos semáforos facilitam o trânsito na região central da cidade, mas devido o crescimento urbano de Três Rios, o número de veículos tem aumentado rapidamente nos últimos cinco anos, e isso está gerando um tráfego cada vez mais lento de carros, principalmente no centro do município.

Além disso, tem se tornado difícil encontrar vagas para estacionar no centro comercial da cidade, o que vem gerando alguns transtorno ao município.[17]

 Ônibus[editar | editar código-fonte]

O transporte coletivo na cidade é prestado pela Transa Transporte Coletivo, que detém, de forma monopolizada,todo o transporte público municipal, exceto a linha que faz ligação de Três Rios com o distrito de Bemposta. O transporte intermunicipal é prestado pela Viação Progresso, (empresa que liga a cidade aos municípios de Paraíba do Sul, Petrópolis e a outras cidades do interior do estado),Viação Salutaris (empresa que liga a cidade a capital Rio de Janeiro e a Niteroi), Linave transportes (empresa que liga a cidade ao município de Miguel Pereira), Viação Sertaneja (empresa que liga a cidade aos municípios mineiros de Santana do Deserto e Mar de Espanha), Viação São Geraldo (ligando a cidade ao município mineiro de Chiador) e também pela Transa Transporte Coletivo que liga Três Rios à Comendador Levy Gasparian. A situação de monopólio já se estende por longos anos, mas ainda não vem causando transtornos a população em relação a associação tarifas de passagem, com a prestação de serviços, serviços esses que são prestados com qualidade por ambos as empresas.

O transporte público em Três Rios é administrado pela Secretaria de Transportes, duas empresas que fazem o transporte municipal transportam aproximadamente 540 mil passageiros por mês. Vinte e três linhas atendem todos os bairros diariamente, com o primeiro horário oferecido às 04h30 e o último às 23h30, com horários especiais de sexta-feira a domingo até as 03h30.[18]

Terminais[editar | editar código-fonte]

Terminal Rodoviário Arsonval Macedo - Intermunicipais [19]

Terminal Rodoviário Helio Soares - Municipais

No dia 17 de maio de 2013, foi inaugurado o Terminal Rodoviário Helio Soares (Terminal rodoviário municipal), localizado na Avenida Condessa do Rio Novo. Com instalações apropriadas para receber 18 mil usuários por dias.[20]

Táxis[editar | editar código-fonte]

Três Rios conta atualmente com uma frota de 102 veículos, distribuídos em 20 pontos espalhados pela cidade, a tarifa até então é feita por tabelas impostas pelo próprio taxistas, mas esse tipo de cobrança está com os dias contados, pois há uma lei federal sancionada em 2011, que obriga o uso do taxímetro em cidades com mais de 50 mil habitantes, que não está sendo respeitada em Três Rios. Segundo a prefeitura do município, até o segundo semestre de 2015 os taxímetros começarão a ser implantados, e os táxis padronizados. [21]

Mototaxistas[editar | editar código-fonte]

O Governo Municipal iniciou o processo de legalização da profissão mototaxista em 2010, com o credenciamento dos profissionais que foram vistoriados pelo Demutran (Departamento Municipal de Trânsito), órgão criado no Governo Vinicius Farah. A legalização a trouxe maior segurança e comodidade a população que utiliza esse meio de transporte há alguns anos. [22]

Carnaval[editar | editar código-fonte]

O carnaval da cidade é um dos mais tradicionais do interior do estado do Rio de Janeiro, sendo o maior e um dos mais ricos carnavais do estado. A festa movimenta cerca de 200 mil foliões para as ruas trirrienses, que se divertem com grandes shows, tradicionais blocos de rua da cidade, e no desfile das escolas de samba.

Expo Fest[editar | editar código-fonte]

Três Rios Expo Fest, a maior festa do interior do estado do Rio de Janeiro, festival de inverno que ocorre no mês de agosto, e tem entrada franca. No evento já passaram grandes nomes da música brasileira.

A cidade está sempre preparada para receber milhares de pessoas da cidade e região que podem curtir grandes shows nos quatro dias de festa.O evento conta com presença de aproximadamente 50 agentes por dia, sendo 40 dentro da festa e 10 nas principais entradas da cidade, além do efetivo da rodoviária que é reforçado.  A festa é toda monitorada com presença de câmeras no local e ainda uma pequena Central de Monitoramento montada no Parque de Exposições. [23] [24]

Pontal[editar | editar código-fonte]

O encontro dos rios Paraíba do Sul, Piabanha e Paraibuna, é reconhecido como o único delta triplo do mundo. O local é o maior ponto turístico de Três Rios.

No local existe hotel e pousada, restaurante, grande mata nativa e prática de raffiting.[25]

Estrutura Urbana[editar | editar código-fonte]

Educação[editar | editar código-fonte]

Três Rios possui 17 511 matrículas nas redes escolares, sendo 2 826 no pré-escolar, 11 947 no ensino fundamental e 2738 no ensino médio.

Faculdade de Medicina[editar | editar código-fonte]

Três Rios foi a única cidade escolhida do estado do Rio de Janeiro para receber o curso.  A escolha pelo município só aconteceu porque Três Rios oferece estrutura de serviços e programas de saúde necessários para funcionamento do curso. O MEC faz a escolha das cidades após a autorização do Ministério da Saúde, que avaliou os municípios em três etapas. O Ministério levou em conta a estrutura dos equipamentos públicos e programas de saúde existentes no município

UFRRJ[editar | editar código-fonte]
UFRRJ - Campus Três Rios

A história da Rural, em Três Rios, teve início em 1998. O instituto foi instalado provisoriamente no prédio do Colégio Entre Rios e, posteriormente, no prédio do Colégio Ruy Barbosa. Hoje o Instituto dispõe de uma Sede própria, localizada à Avenida Prefeito Alberto da Silva Lavinas, 1847 - Centro - Três Rios.[26]

Atualmente, os cursos de graduação oferecidos no Instituto Três Rios são:

  • Administração
  • Ciências Econômicas
  • Direito
  • Gestão Ambiental
CEDERJ[editar | editar código-fonte]

(Centro Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro) — pública

Bibliotecas[editar | editar código-fonte]
  • Biblioteca Municipal Castro Alves - Centro
  • Biblioteca Municipal Olavo Bilac - Vila Isabel
  • Biblioteca do SESC - Nelson Viana
  • Biblioteca da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro - UFRRJ- Alberto Lavinas

Segurança Pública[editar | editar código-fonte]

Monitoramento[editar | editar código-fonte]

Desde 2011, a cidade de Três Rios conta com um dos mais modernos sistemas de monitoramento por câmeras do país. São 53 câmeras conectadas a uma Central de Comando e Controle, e outras 13 deverão entrar em funcionamento. Com isso, a relação será de uma câmera para cada 1.192 moradores, fazendo de Três Rios a cidade com maior número de câmeras per capita do país.

A cidade foi destaque no último relatório de Segurança enviado pela secretaria de Estado de Segurança - SESEG, com duas premiações consecutivas de redução de criminalidade.  O secretário de Ordem Pública e Segurança, representou o município no III Encontro Regional de Gestores sobre Segurança Pública, que aconteceu em Nova Friburgo, foram discutidas as iniciativas primárias de prevenção à criminalidade e na mesma semana o relatório com os resultados do Estado saíram, mostrando que a cidade de Três Rios já se tornou referêosncia na área de segurança pública. O município de Três Rios faz parte da 7ª RISP - Regiões Integradas de Segurança Pública que, de acordo com indicadores gráficos da SESEG, teve o menor percentual comparado a todas as outras RISPs do Estado, com menor índice de letalidade violenta, com 2,1%; roubo de veículos com 0,2% e roubo de rua com 0,5%. 

Polícia[editar | editar código-fonte]

Na cidade de Três Rios fica situada a 1ª CIA do 38º Batalhão de Polícia Militar (PMERJ), subordinado ao 7º Comando de Policiamento de Área (7º CPA). O batalhão cobre to

os municípios de Três Rios, Paraíba do Sul, Sapucaia, Areal e Comendador Levy Gasparian

Corpo de Bombeiros[editar | editar código-fonte]

Na cidade de Três Rios fica situada o Destacamento Bombeiro Militar 1/15 (CBMERJ) Três Rios, subordinado ao Grupamento de Bombeiro Militar 15° GBM (Petrópolis).

Saúde[editar | editar código-fonte]

Todo o crescimento do município de Três Rios gerou a necessidade de adequações, especialmente no setor da Saúde, que se renova a cada dia para atender às crescentes demandas

  • SAMU - Bairro ( Ponte das Graças )
  • Hospital de Clínicas Nossa Senhora da Conceição (HCNC) - Bairro Centro
  • Hospital Municipal (Clinica) - Bairro Centro
  • Clínica da Família José da Silva - Bairro Vila Isabel
  • Maternidade Walter Francklin - Bairro Centro
  • Unidade de Pronto Atendimento (UPA) - Bairro Triângulo
  • Programa Saúde da Família (PSF's) nos bairros.

Esportes[editar | editar código-fonte]

Estádio Odair Gama, em Três Rios

Três Rios, conta hoje com dois estádios de Futebol a seguir:

Estádio Odair Gama, com capacidade para dez mil torcedores, e tem como proprietário o Entrerriense Futebol Clube.

Estádio Arthur Sebastião de Toledo Ribas, com capacidade para cinco mil torcedores, e tem proprietário América Futebol Clube

Cultura e Lazer[editar | editar código-fonte]

Cultura[27] [editar | editar código-fonte]

O município possui diversas atrações turísticas. De acordo com a prefeitura, existem na cidade 17 pontos turísticos, tais como: Montanhas, igrejas, fazendas, monumentos e entre outros.

Casa da Cultura[editar | editar código-fonte]

A Casa da Cultura está instalada no prédio do antigo Fórum de Três Rios.

Construído na década de 1920, sendo o primeiro prédio a ser construído na praça São Sebastião. O prédio teve suas primeiras funcionalidades como Escola, e anos mais tarde passou a ser a sede do Fórum de Justiça da cidade até 1998. Após a transferência de quase todo o poder judiciário para o bairro Margem Direita , o prédio foi cedido à Prefeitura Municipal para abrigar a Casa de Cultura. No andar térreo funciona o Juizado Cível.

Casa de Pedra[editar | editar código-fonte]

A Casa de Pedra está instalada na antiga estação de caraga e descarga da Estrada de Ferro Leopoldina Railway (extinta). Supõe-se que o material e a mão de obra para a construção da estação, tenham vindo da Europa.

Segundo relatos de pessoas que trabalharam na rede ferroviária, a antiga estação foi construída no final do século XIX e marcou a história por sua beleza arquitetônica em madeira e pedra. Estação de Pedra ou Casa de Pedra, como é conhecida popularmente, abriga o Espaço da Ciência, programa de apoio à ciência e tecnologia.

Ponte das Garças[editar | editar código-fonte]

Localizada no bairro homônimo, é um grande empreendimento projetado pelo engenheiro José Koeller no século XIX, com seu nome oficial de Ponte do Paraíba.

Sua construção se iniciou em 1859, e sua inauguração aconteceu em 23 de Junho de 1861, com a presença do Imperador D. Pedro ll. Durante longo tempo serviu como ponte rodoviária e ferroviária. Paralela à ponte de ferro, foi construída uma ponte de concreto para o uso da rodovia Estrada União e Industria.Embora seu nome oficial seja Ponte do Paraíba, foi tombada e batizada popularmente como Ponte das Garças.

Capela Nossa Senhora da Piedade[editar | editar código-fonte]

Foi construída no século XIX, localizada no bairro do Cantagalo. Considerada o marco da fundação da cidade de Três Rios. Nela existe uma réplica da imagem "La Pietá", de Michelangelo. Possui um cemitério histórico onde estão sepultados a Condessa do Rio Novo e seus pais Barão e Baronesa de Entre-Rios além de alguns membros da família Visconde de Entre-Rios.

Igreja Matriz de São Sebastião[editar | editar código-fonte]
Igreja Matriz

Construída na Praça São Sebastião na primeira metade do século XX, tendo no entorno casas e edifícios residenciais e teatro. Recentemente passou por uma reforma interna que recuperou a pintura e os afrescos originais.

Igreja São Judas Tadeu[editar | editar código-fonte]

Capela de arquitetura simples, que retrata a devoção do povo católico. Fica situada em local de fácil acesso, e com uma vista panorâmica do centro da cidade.

Fazenda Bemposta[editar | editar código-fonte]

A Fazenda Bemposta, foi construída no então distrito de Bemposta, no século XIX, possui 42 cômodos, e conta com duas paredes internas recobertas por tecido francês da década de 30.

Lazer[28] [editar | editar código-fonte]

Avenida Alberto Lavinas (Beira Rio)[editar | editar código-fonte]

A avenida é um dos principais pontos de lazer da cidade de Três Rios, é o local escolhido pelas pessoas para caminhadas, e passeios de bicicleta, a avenida possui uma ciclovia ao logo de toda sua extensão.

Além disso, em Setembro de 2011 foi inaugurada a Praça de Esportes na Alberto Lavinas, praça essa que possui: Academia ao ar livre, deck sobre o Rio Paraíba do Sul, parque infantil, pista de skate, quadra de areia, quadra de grama sintética, e além disso, restaurante, lanchonete, sorveteria e uma base da guarda civil municipal.

Mirante da Torre[editar | editar código-fonte]

A montanha tem em torno 800 metros de altitude, no mirante das torres tem-se uma vista privilegiada de toda cidade de Três Rios, de seu entorno, do vale do Paraíba do Sul e do encontro dos rios.

Praças[editar | editar código-fonte]

O município conta com diversas praças espalhadas por toda a cidade. Nos ultimos de três anos os governos coemçaram a reforma-las.Grande parte das praças e quadras já foram reformadas, reestruturadas ou reconstruídas. Além disso outras novas quadras foram construídas nos bairros que quase não possuíam, ou não possuíam uma área de lazer adequada.

Monumentos[editar | editar código-fonte]

  • Estátua da Mãe Preta - Rua Professor Moreira, Vila Isabel
  • Estátua de Juscelino Kubitschek - Praça São Sebastião, Centro
  • Monumento demonstrativo da inauguração do ramal do centro da Estrada de Ferro Central do Brasil - Avenida Condessa do Rio Novo, Centro
  • Monumento Zumbi dos Palmares - Praça Zumbi do Palmares, Morada do Sol
  • Busto de Getúlio Vargas - Praça da Autonomia, Centro
  • Bustos de Walter Gomes Francklin e Tancredo Neves - Praça São Sebastião, Centro
Música[editar | editar código-fonte]
  • Grêmio Musical 1º de Maio
  • Coral Municipal

Manifestações, Usos Tradicionais e Populares[editar | editar código-fonte]

  • Festival do Milho da Igreja Metodista Central de Três Rios - Rua Presidente Vargas, Centro
  • Festa de São Sebastião, o Padroeiro da cidade ocorre no dia 20 de Janeiro - Praça São Sebastião, Centro
  • Festa de São José Operário, acontece no dia 01 de Maio - Avenida Zoelo Sola, Triângulo
  • Festa de Nossa Senhora de Fátima, acontece no 13 de Maio - Avenida Antônio Teixeira Peçanha, Monte Castelo
  • Festa de São João Batista, acontece no dia 24 de Junho - Primeira Rua, Caixa D'Água
  • Procissão de São Cristóvão - 25 de Julho - conta com a participação de veículos de todos os tipos e em grande número pela cidade.
  • Festa de Santa Teresinha, acontece no dia 01 de Outubro - Avenida Jorge da Costa Soares, Santa Terezinha
  • Festa de Santa Luzia acontece no dia 13 de Dezembro - Avenida Samir Nasser, Vila Isabel
  • Procissão de Corpus Christi - Conta com a participação de grande parte de toda a cidade. As ruas, neste dia, são decoradas com flores e uma variedade de materiais que são aplicados artisticamente por artesão, pintores e decoradores do local - Rua Carlos Ribas, e Praça São Sebastião, Centro

Dados estatísticos[editar | editar código-fonte]

Índice de Desenvolvimento Humano[editar | editar código-fonte]

PNUD (2000)
IDH 1991 2000
Renda 0.628 0.703
Longevidade 0.728 0.751
Educação 0.818 0.893
Total 0.725 0.782

[29]

Índice de Gini[editar | editar código-fonte]

2003
0,43

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Visitado em 5 dez. 2010.
  3. Censo Populacional 2010 Censo Populacional 2010 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Visitado em 11 de dezembro de 2010.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). Visitado em 29 de Julho de 2013..
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Visitado em 11 dez. 2010.
  6. http://entreriosjornal.com.br/noticia/22462-viaduto-representara-avanco-no-projeto-de-mobilidade-urbana-em-tres-rios
  7. Informações básicas de localização do município.
  8. História de Três Rios.
  9. Vereadores do município..
  10. Poder Executivo.
  11. Relevo tririense.
  12. Serras Trirrienses.
  13. Rafting.
  14. http://entreriosjornal.com.br/noticia/15609-populacao-de-bemposta-comparece-a-inauguracao-da-subprefeitura
  15. Neobus Três Rios.
  16. Habitação.
  17. Frota de veículos de Três Rios.
  18. Rodoviária de Três Rios - Municipal.
  19. Rodoviária de Três Rios.
  20. Inauguração do Terminal Rodoviário Municipal.
  21. Táxis de Tês Rios.
  22. Motaxistas de Três Rios.
  23. Três Rios Expo Fest.
  24. A volta da exposição agropecuária de Três Rios..
  25. Encontro dos Três Rios.
  26. Teatro Celso Peçanha no facebook.
  27. Turismo e Culta de Três Rios.
  28. Lazer em Três Rios.
  29. Página eletrônica da UFRRJ Instituto Três Rios http://itr.ufrrj.br/.+Visitado em 08 de fevereiro de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]