Una muchacha llamada Milagros

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Una muchacha llamada Milagros
Informação geral
Formato Telenovela
Criador(es) Delia Fiallo
País de origem  Venezuela
Idioma original Espanhol
Produção
Diretor(es) Orangel Delfín
Produtor(es) José Crousillat
Elenco José Bardina
José Luis Rodríguez
Rebeca González
ver mais
Tema de abertura "Una muchacha llamada Milagros", por Rudy Márquez
Exibição
Emissora de televisão original Venezuela Venevisión
Transmissão original 10 de setembro de 1973 - 13 de agosto de 1974
N.º de episódios 229
Cronologia
Programas relacionados Cuidado con el ángel

Una muchacha llamada Milagros é uma telenovela venezuelana produzida e exibida pela Venevisión entre 10 de setembro de 1973 e 13 de agosto de 1974.

Original de Delia Fiallo, foi produzida por José Crousillat.

Foi protagonizada por Rebeca Gonzalez e José Bardina[1] e antagonizada por Ivonne Attas e Haydee Balza.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Esta telenovela conta a história de Juan Miguel Saldívar, um psiquiatra de prestígio dedicado a reabilitar jovens rebeldes e delinquentes. O trabalho que ele faz ajuda-o a mitigar os problemas em seu casamento com sua esposa, Viviana, e também para esquecer uma violação que ele cometeu enquanto estava bêbado durante a juventude.

O destino faz com que uma de suas pacientes seja aquela garota que ele estuprou; No entanto, a jovem, chamada Milagros, não se lembra do rosto dele. Para reabilitá-la, o médico leva-a a viver com o juiz Clemente Ruiz, que é muito rigoroso. A presença de Milagros na casa não agrada a esposa do juiz, Cecilia, e sua filha, Monica.

Mais tarde, Viviana, a esposa do Dr. Saldivar, vai embora, mas seu navio naufragou e ela morreu. Monica, vendo o médico livre, começa um caso com ele, mas percebe que ele ama Milagros. Impulsionada pelo ciúme, Monica acusa falsamente Milagros de roubar, mas o mal entendido acaba sendo resolvido e o médico deixa Monica.

Juan Miguel e Milagros são casados, mas depois da noite de núpcias descobre que seu estuprador é seu próprio marido.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Versões[editar | editar código-fonte]

  • A RCTV da Venezuela realizou uma adaptação desta telenovela titulada Mi amada Beatriz, produzida em 1987 e protagonizada por Catherine Fulop e Miguel Alcántara.

Referências

  1. «¡QUÉ MOMENTOS!: Una estrella llamada Rebeca González». Diario La Voz. 31 de março de 2013. Consultado em 12 de outubro de 2017 
  2. «Personifica a bella huérfana Maite Perroni en "Cuidado con el ángel"». Radio MX. 4 de junho de 2008. Consultado em 12 de outubro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]