Vítor Amadeu III da Sardenha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Vítor Amadeu III
Rei da Sardenha
Reinado 20 de fevereiro de 1773
a 16 de outubro de 1796
Antecessor(a) Carlos Emanuel III
Sucessor(a) Carlos Emanuel IV
 
Esposa Maria Antônia da Espanha
Descendência Carlos Emanuel IV da Sardenha
Maria Josefina de Saboia
Maria Teresa de Saboia
Maria Ana de Saboia
Vítor Emanuel I da Sardenha
Maurício, Duque de Montferrat
Maria Carolina de Saboia
Carlos Félix da Sardenha
José, Conde de Asti
Casa Real Saboia
Nome completo
Vítor Amadeu Maria
Nascimento 26 de junho de 1726
Palácio Real de Turim, Turim, Sardenha
Morte 16 de outubro de 1796 (70 anos)
Castelo de Moncalieri, Turim, Sardenha
Sepultamento Basílica de Superga, Turim, Itália
Pai Carlos Emanuel III da Sardenha
Mãe Polixena de Hesse-Rotemburgo

Vítor Amadeu III (Turim, 26 de junho de 1726 – Turim, 16 de outubro de 1796) foi o Rei da Sardenha de 1773 até sua morte. Era o filho mais velho do rei Carlos Emanuel III e sua terceira esposa Polixena de Hesse-Rotemburgo.

Organizou seu exército segundo o modelo prussiano, fundou a Academia de Ciências de Turim e lutou contra a Revolução Francesa, que lhe impôs o Tratado de Paris em 1796.

Além de ter copiado a obra militar de Frederico II, foi aliado ao rei da França, acolheu numerosos emigrados, entre eles o conde de Artois (1789) e esforçou-se por conter a agitação revolucionária. O exercito francês lhe tirou a Saboia e Nice, em setembro de 1792, e o jogou nos braços da Áustria. As vitórias de Napoleão Bonaparte, em 1796, obrigam-no a sair da coalizão pelo armistício de Cherasco, em 28 de abril, e a ceder a Saboia e Nice, e ainda aceitar uma guarnição francesa no Piemonte pelo Tratado de Paris de 15 de maio.

Casamento e descendência[editar | editar código-fonte]

Casou em 31 de maio de 1750 com Maria Antônia de Bourbon, infanta de Espanha, (Sevilha 17 de novembro de 1729-19 de setembro de 1785 Moncalieri), filha de Filipe V de Espanha.

Tiveram 12 filhos:

  1. Carlos Emanuel IV da Sardenha (1751-1819 Roma), príncipe do Piemonte em 1773, duque de Saboia, rei da Sardenha, que abdicou em 4 de junho de 1802.
  2. Amadeu Alexandre Maria (Turim 5 de outubro de 1754-29 de abril de 1755 Turim), duque de Monferrato
  3. Vítor Emanuel I (Turim, 24 de julho de 1759- 10 de janeiro de 1824 Moncalieri). Duque de Aosta em 1796; Rei da Sardenha e duque de Saboia em 1802, abdicou em 13 de março de 1821.
  4. Maria Isabel Carlota (Turim, 16 de julho de 1752-17 de abril de 1753 Turim).
  5. Maria Ana Carolina Gabriela (Turim, 17 de dezembro de 1757-11 de dezembro de 1824 Stupinigi). Casada em Turim 19 de março de 1775 com seu tio Benedito Mauricio (21 de junho de 1741-4 de janeiro de 1808), duque de Chablais, príncipe de Saboia.
  1. Maria Teresa de Saboia (janeiro de 1756-2 de junho de 1805 Graz). Casada em Versalhes 16 de novembro de 1773 com Carlos Filipe de França (Versailles 1757-6 de novembro de 1836 Schloß Graffenberg), conde de Artois, futuro rei Carlos X de França.
  2. Maria Josefina de Saboia (Turim, 2 de setembro de 1753-13 de novembro de 1810 Hartwell House, arredores de Aylesbury, Bucks, sepultada em Cagliari em 1811). Rainha da França e da Navarra. Casou em Versalhes em 14 de maio de 1771 com Luís de Bourbon, conde de Provença, futuro rei Luís XVIII de França (Versalhes 1755-16 de setembro de 1824 Tuileries).
  3. Cristina Josefina Ferdinanda (1760-19 de maio de 1768 Turim).
  4. Maria Carolina (Turim, 17 de janeiro de 1764 -28 de dezembro de 1782 Dresden); casada em Dresden em 24 de outubro de 1781 com Antônio da Saxônia (Dresden 27 de dezembro de 1755-6 de junho de 1836 Dresden). Príncipe e depois rei de Saxe.
  5. José Benedito Maria Plácido (Turim, 1766-29 de outubro de 1802 Sassari) duque de Aosta, conde de Asti, conde de Moriana em 1796.
  6. Maurício José Maria (Turim 13 de setembro de 1762-1º de setembro de 1799 Alghero). Duque de Montferrat.
  7. Carlos Félix (Turim, 1765-27 de abril de 1831 Turim), rei da Sardenha, duque de Saboia (1814-21), rei da Sardenha e duque de Saboia (1821-1831). Sucedido pelo primo Carlos Alberto, príncipe de Saboia-Carignano.

Deixou ainda um filho bastardo,

  1. Eugênio, nascido em 1753, conde de Vilafranca em 1785, que se casou em 1779 com Luísa Ana de Mahon.
Precedido por
Carlos Emanuel III
Rei da Sardenha
17731796
Armoiries Sardaigne 1720.png
Sucedido por
Carlos Emanuel IV
Ícone de esboço Este artigo sobre História da Itália é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.