Abertura aberta

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde março de 2013).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde março de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Este artigo usa a notação algébrica para descrever os movimentos do xadrez.

Aberturas Abertas são aberturas de xadrez caracterizadas pelos primeiros lances (em notação algébrica):

1.e4 e5 (Abertura Dupla do Peão do Rei/Abertura Aberta)

Variantes[editar | editar código-fonte]

Sendo 2.Cf3 é a principal resposta das brancas, podendo levar a:

Começo de um tabuleiro de xadrez. a b c d e f g h
8 torre preta em a8 cavalo preto em b8 bispo preto em c8 dama preta em d8 rei preto em e8 bispo preto em f8 cavalo preto em g8 torre preta em h8 8
7 peão preto em a7 peão preto em b7 peão preto em c7 peão preto em d7 peão preto em f7 peão preto em g7 peão preto em h7 7
6 6
5 peão preto em e5 5
4 peão branco em e4 4
3 3
2 peão branco em a2 peão branco em b2 peão branco em c2 peão branco em d2 peão branco em f2 peão branco em g2 peão branco em h2 2
1 torre branca em a1 cavalo branco em b1 bispo branco em c1 dama branca em d1 rei branco em e1 bispo branco em f1 cavalo branco em g1 torre branca em h1 1
a b c d e f g h Fim do tabuleiro de xadrez.
Jogo Aberto
Começo de um tabuleiro de xadrez. a b c d e f g h
8 torre preta em a8 bispo preto em c8 dama preta em d8 rei preto em e8 bispo preto em f8 cavalo preto em g8 torre preta em h8 8
7 peão preto em a7 peão preto em b7 peão preto em c7 peão preto em d7 peão preto em f7 peão preto em g7 peão preto em h7 7
6 cavalo preto em c6 6
5 bispo branco em b5 peão preto em e5 5
4 peão branco em e4 4
3 cavalo branco em f3 3
2 peão branco em a2 peão branco em b2 peão branco em c2 peão branco em d2 peão branco em f2 peão branco em g2 peão branco em h2 2
1 torre branca em a1 cavalo branco em b1 bispo branco em c1 dama branca em d1 rei branco em e1 torre branca em h1 1
a b c d e f g h Fim do tabuleiro de xadrez.
Ruy Lopez
Começo de um tabuleiro de xadrez. a b c d e f g h
8 torre preta em a8 bispo preto em c8 dama preta em d8 rei preto em e8 cavalo preto em g8 torre preta em h8 8
7 peão preto em a7 peão preto em b7 peão preto em c7 peão preto em d7 peão preto em f7 peão preto em g7 peão preto em h7 7
6 cavalo preto em c6 6
5 bispo preto em c5 peão preto em e5 5
4 bispo branco em c4 peão branco em e4 4
3 cavalo branco em f3 3
2 peão branco em a2 peão branco em b2 peão branco em c2 peão branco em d2 peão branco em f2 peão branco em g2 peão branco em h2 2
1 torre branca em a1 cavalo branco em b1 bispo branco em c1 dama branca em d1 rei branco em e1 torre branca em h1 1
a b c d e f g h Fim do tabuleiro de xadrez.
Giuoco Piano


Detalhamento[editar | editar código-fonte]

As Brancas iniciam jogando 1.e4 (movendo o Peão do Rei dois espaços). Este é o movimento mais popular e com muitas vantagens — controla imediatamente o centro e libera duas peças: a Dama e o Bispo. Bobby Fischer classificou 1.e4 como "melhor por teste", mas em contrapartida põe o peão em uma casa não defendida e enfraquece d4 e f4. Se as Pretas responderem ao movimento com 1.…e5, o resultado é um jogo aberto.

O Segundo movimento mais popular para as Brancas é 2.Cf3, atacando o Peão das pretas, preparando para o roque na ala do rei e o avanço do Peão da Dama para d4, sendo a resposta mais comum das Pretas 2.…Cc6, que usualmente leva para abertura Ruy Lopez, Giuoco Piano, Defesa dos dois cavalos, ou o Gambito Escocês. Se as pretas mantiverem a simetria de movimentos e contra-atacaram o centro com 2.…Cf6 o resultado será Defesa Petroff e se for 2.…d6, Defesa Philidor. Porém está não é popular no xadrez moderno porque permite uma fácil vantagem especial para as Brancas enquanto as Pretas permanecem pregadas e passivas, entretanto sólidas.

Outras respostas para 2.Cf3 não são vistas a níveis de mestre como, 2.…f6? a Defesa Damiano, considerada muito fraca, 2.…Qe7 a Defesa Câmara, proteje o peão em "e" mas não ajuda o desenvolvimento das outras peças menores das Pretas e bloqueia o bispo do rei. As jogadas 2.…d5?! o Gambito Elefante, e 2.…f5?! o Gambito Letão, são muito arriscadas para as Pretas.

As mais populares alternativas para 2.Cf3 são: 2.Cc3 (a Abertura Viena), 2.Bc4 (a Abertura do Bispo) e 2.f4 (o Gambito do Rei). Todas estas têm algumas similaridades entre elas, em particular a Abertura do Bispo que frequentemente se transpõe na Abertura Viena. O Gambito do Rei foi extremamente popular no Século XIX, com as Brancas sacrificando um peão por um desenvolvimento rápido e pondo peão das pretas para fora do centro. A Abertura Viena frequentemente retrata ataques ao centro das Pretas por meio do avanço do peão de f2-f4.

Na Abertura do Centro, 2.d4, as Brancas imediatamente abrem o centro mas se o peão está para ser recuperado depois com 2.…exd4, as Brancas precisam usar a Dama prematuramente com 3.Qxd4. Uma alternativa é sacrificar um ou dois peões, como por exemplo no Gambito Dinamarquês.

O desenvolvimento premature da Dama no Ataque Parham e a Abertura Napoleão parecem amadoras. De fato elas são usualmente utilizadas por novatos, mas o Ataque Parham tem sido utilizado em alguns torneios de GMs.

A Abertura Portuguesa, Abertura Alapin, Abertura Konstantinopolsky, e a Abertura Húngara Invertida são raras, tentativas anormais para as Brancas.

Outras Variantes[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]