Al-Rayyan Sports Club

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Al-Rayyan
Al rayyan doha qat.png
Nome Al-Rayyan Sports Club
Alcunhas Os Leões, Ar-rahib (Os Terríveis) e Al-Raheeb (O Feroz)
Mascote Leão
Fundação 1967
Estádio Ahmed bin Ali Stadium
Capacidade 27.000
Presidente Catar Sheikh Abdullah bin Hamad Al Thani
Treinador Espanha Manolo Jiménez
Material esportivo Itália Macron
Competição Liga do Qatar
2012/13
Website Sítio oficial (em árabe)
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

Al-Rayyan Sports Club (árabe: نادي الريان) é um clube profissional de futebol da cidade de Al-Rayyan no Qatar. Além do futebol também é praticado o voleibol, basquetebol, handebol e tênis de mesa. O clube foi fundado em 1967 depois de se fundir com o antigo Nusoor Club. O seu estádio é o Ahmed bin Ali Stadium com capacidade para 27.000 pessoas.

O clube já ganhou alguns títulos em todos os esportes, incluindo dois campeonatos asiáticos no basquetebol, um campeonato árabe no handebal, no tênis de mesa e no vôlei, assim como o campeonato do basquetebol do GCC. As equipes de basquetebol e de handebol se classificaram respectivamente aos campeonatos mundiais. Entretanto, a equipe de futebol começa a chamar atenção bem como o número de torcedores.

História[editar | editar código-fonte]

Al Rayyan Sports Club foi fundado, em 1967, a partir do anúncio feito pela comissão do Al-Rayyan Sports de que iria se unir ao Nusoor.

O Al-Rayyan teve sucesso na Liga do Qatar na primeira década de sua formação, participando de sua primeira temporada oficial em 1972-73. Sagrou-se campeão da Liga em 1976 e 1978. Outros títulos da liga ocorreram em 1982, 1984, 1986, 1990 e 1995. Durante esse período o Al Rayyan dominou a competição juntamente com o Al-Arabi e Al-Sadd.

Também ganhou outros troféus, como o Crown Prince Cup Qatar em 1995, 1996 e 2001, além da Copa do Emir do Qatar, em 1999, 2004, 2006, 2010 e 2011. Ultimamente a equipe não tem obtido sucesso na Liga. Sua última temporada de êxito foi em 1994-1995. Terminou em 3º na temporada 2010-2011 sob o comando de Paulo Autuori.

Al Rayyan é a única equipe do Qatar na história a ganhar o campeonato com um saldo de gols negativo em 1983-1984, e uma das únicas seis equipes no mundo a conseguir esse feito[1] .

Títulos[editar | editar código-fonte]

1975/76, 1977/78, 1981/82, 1983/84, 1985/86, 1989/90 e 1994/95.
  • Copa do Emir do Qatar: 6
1999, 2004, 2006, 2010, 2011, 2013
  • Copa do Príncipe do Qatar: 3
1995, 1996 e 2001.
1978, 1980, 1982, 1983
  • Sheikh Jassem Cup: 3
1992, 2000, 2012

Performance em competições asiáticas[editar | editar código-fonte]

Liga dos Campeões da AFC de 2005: Fase de grupos
Liga dos Campeões da AFC de 2007: Fase de grupos
Liga dos Campeões da AFC de 2011: Fase de grupos
Liga dos Campeões da AFC de 2012:
  • Clubes Campeões da Ásia: 4 participações
1986: Fase de classificação
1992: 3º lugar
1997: Fase de grupos
1998: Segunda fase
  • Copa da AFC: 1 participações
Copa da AFC 2010: Rodada de 16
  • Copa dos campeões da Ásia: 1 participação
1999/00: Segunda fase

Elenco[editar | editar código-fonte]

No. Posição Jogador
1 Catar G Saud Al Hajiri
2 Catar D Abdul Ghafoor Murad
3 Catar D Abdulrahman Mesbeh
4 Catar M Hamad Al Abedy
5 Brasil D Nathan Otávio
6 Catar D Abdullah Alawi
7 Catar M Fábio César (capitão)
8 Catar M Abdulla Afifa
10 Brasil M Rodrigo Tabata
11 Catar M Abdul Kareem Al Enezi
Posição Jogador
12 Catar D Hamid Ismail
13 Coreia do Sul D Cho Yong-Hyung
16 Catar A Mohammed Salah
17 Catar M Daniel Goma
18 Catar M Sayaf Al-Korbi
20 Catar A Jaralla Al Marri
24 Catar D Musa Haroon
27 Catar M Younes Ali
30 Catar G Omar Bari

Jogadores famosos[editar | editar código-fonte]

História gerencial[editar | editar código-fonte]

História Gerencial do Al-Rayyan - (incompleto):

Periodo Gerente
1990-93 Brasil René Simões
1995–97 Dinamarca Benny Johansen
1997 Polónia Antoni Piechniczek
1997-98 Polónia Zdzislaw Podedworny
1998–99 Dinamarca Roald Poulsen
2002-04 França Jean Castaneda
2004-05 Dinamarca Jørgen E. Larsen
2005 França Luis Fernández
2005-06 Argélia Rabah Madjer
2006-07 França Pierre Lechantre
2007-09 Brasil Paulo Autuori
2009 Brasil Marcos Paquetá
2009-11 Brasil Paulo Autuori
2011-2013 Uruguai Diego Aguirre
2013-Presente Espanha Manolo Jiménez

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências