Avianca Holdings

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde maio de 2014).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Ambox grammar.svg
Esta página ou secção precisa de correção ortográfico-gramatical.
Pode conter incorreções textuais, podendo ainda necessitar de melhoria em termos de vocabulário ou coesão, para atingir um nível de qualidade superior conforme o livro de estilo da Wikipédia. Se tem conhecimentos linguísticos, sinta-se à vontade para ajudar.
Nuvola apps important.svg
A tradução deste artigo ou se(c)ção está abaixo da qualidade média aceitável.
É possível que tenha sido feita por um tradutor automático ou por alguém que não conhece bem o português ou a língua original do texto. Caso queira colaborar com a Wikipédia, tente encontrar a página original e melhore este artigo conforme o guia de tradução.
Avianca Holdings
Aerovías del Continente Americano
IATA
AV
ICAO
AVA
Indicativo de chamada
AVIANCA
Fundada em 14 de Junho de 1940
Iniciou atividades em 5 de dezembro de 1919 (95 anos) (como SCADTA)
Hub Aeroporto Internacional El Dorado
Programa de milhagem LifeMiles
Lounge Quarto VIP
Aliança aérea Star Alliance
Subsidiária(s)
  • Avianca Brasil
  • Avianca Ecuador
  • Helicol
  • OceanAir
  • PAS
  • Senior Táxi Aéreo
  • Tampa Cargo
Frota 178 incluindo subsidiárias
Destinos 41
Slogan
  • The First Airline of the Americas
  • The Airline of Colombia
  • Aqui todo mundo voa bem
Holding Synergy Group
Sede Colômbia Bogotá, Colômbia
Pessoa(s)
chave
  • Germán Efromovich (Chairman)
  • Fabio Villegas Ramírez (CEO)
Website www.avianca.com

Avianca Holdings (antigamente AviancaTaca) é uma holding aérea da colombiana formada em fevereiro de 2010 através da fusão de duas companhias aéreas, sendo Avianca da Colômbia e TACA Airlines de El Salvador. A empresa é uma subsidiária do Synergy Group, um conglomerado privado brasileiro. Avianca Holding SA tem a sede em Bogotá. A empresa anunciou que vai mudar seu nome para "Avianca", o rebranding está prevista para ocorrer em 28 de maio de 2013, juntamente com o novo logotipo e uniforme. Avianca foi a primeira linha aérea comercial de passageiros fundada na América e a segunda no mundo, depois da KLM. É terceira maior companhia na América do Sul. Atualmente pertence ao grupo AviancaTaca que controla a brasileira Avianca Brasil, antiga OceanAir. Todas estas são subsidiárias da holding Synergy Group.

História[editar | editar código-fonte]

Sociedad Colombo-Alemana de Transporte Aéreo[editar | editar código-fonte]

A Avianca é a primeira companhia aérea comercial fundada nas Américas e a segunda no mundo. A sua criação ocorreu graças ao talento e ao espírito aventureiro dos alemães Werner Kaemmerer,[1] Stuart Hosie, Alberto Tietjen e dos colombianos Ernesto Cortizzos (o primeiro presidente da companhia aérea), Rafael Palacio, Cristóbal Restrepo, Jacobo Correa e Aristides Noguera.

Estes visionários e sonhadores fundaram em 5 de dezembro de 1919, na cidade de Barranquilla (Colômbia), a Sociedade colombo-alemã de Transporte Aéreo - SCADTA, em lingua espanhola: Sociedad Colombo Alemana de Transporte Aéreo. A companhia realizou o primeiro voo entre Barranquilla e a população próxima de Puerto Colômbia, a bordo de um Junkers F-13 no qual foram transportadas 57 cartas. O vôo foi comandado pelo Piloto alemão Helmuth von Krohn. Este avião Junker F-13 e outro do mesmo tipo fizeram parte da primeira frota da companhia aérea, monoplanos de asa baixa e de construção completamente metálica cujos motores tiveram que ser modificados para poder operar eficientemente nas condições climáticas do país. Tinham 9,50 metros de comprimento e 3,50 metros de altura. A sua capacidade de voo era de 850 quilómetros e podiam levar até 4 passageiros, além dos dois tripulantes.

Devido às características topográficas do país, foram adaptados dois flutuadores aos Junkers com o objetivo de poder realizar pousos nos rios de diferentes cidades. Assim, em 20 de outubro de 1919 e seguindo o curso do rio Magdalena, Helmuth Von Krohn realizou o primeiro vôo para o interior da Colômbia. Foram oito horas com quatro aterrizagens de emergência incluídas. Com a mesma visão do grupo de fundadores, Peter von Bauer, um científico e filantropo alemão, interessou-se pela SCADTA e contribuiu com conhecimentos, dinheiro e outro avião para a companhia. Igualmente obteve para a SCADTA, a concessão do governo colombiano para o transporte do correio aéreo do país, com que a SCADTA desenvolveu-se definitivamente.

Projeção da pintura dos novos aviões da Avianca a partir de 2013.

Já na metade da década de 20, superando muitos tropeços naturais, a SCADTA inaugurou as rotas internacionais que cobriam inicialmente destinos na Venezuela e nos Estados Unidos.

Lamentavelmente, na mesma década, exatamente em 1924, o avião onde viajavam entre outros Ernesto Cortizzos e von Krohn, precipitou-se a terra na zona que hoje é conhecida como Bocas de Ceniza, acidente que provocou a morte dos seus ocupantes. Dadas as circunstâncias da Segunda Guerra Mundial, von Bauer tinha tido que vender as suas ações da SCADTA à companhia norte-americana Pan American. Em setembro de 1920, com Fritz Hammer como piloto, Wilhem Schnurrbusch como co-piloto e Stuart Hosie como passageiro, a SCADTA realizou o primeiro vôo entre Barranquilla e Puerto Berrio.

Em 19 de outubro do mesmo ano, Helmuth von Krohn realizou o primeiro vôo entre Barranquilla e Girardot, e já em 1921 foram estabelecidas as rotas entre as cidades de Barranquilla, Girardot e Neiva. Em 1922 a Avianca começou a prestar o serviço de correio aéreo. Em agosto de 1922, o General Pedro Nel Ospina, Presidente da Colômbia naquele momento, utilizou por primeira vez um avião da SCADTA para realizar uma missão oficial. Em 19 de julho de 1923, para salvar o país da bancarrota, a SCADTA transportou um carregamento de ouro e papel moeda desde Puerto Berrio até Girardot. Em 12 de julho de 1928 um Junkers F-13 da SCADTA comandado pelo piloto Herbert Boy cruzou a Linha do Equador. Em 23 de julho de 1929 foram estabelecidas as rotas regulares entre Girardot e Bogotá.

Em 16 de julho de 1931 a SCADTA estabeleceu o primeiro serviço de correio entre Bogotá e Nova York. Em 1937 a primeira companhia aérea das Américas adquiriu 10 Boeing 247 bimotores e graças a eles ampliou as rotas nacionais. Em outubro de 1939, já como Avianca, adquiriu os primeiros aviões Douglas DC-3 que chegaram ao país e voavam a incrível velocidade, para a época, de 200 milhas por hora.

Atualidade[editar | editar código-fonte]

Avianca hoje é detida a 100% pelo conglomerado sulamericano Synergy Group e seus subcontratados Synergy Aerospace Corp:[2]

Em 21 de junho juntou-se à Star Alliance. No final de 2011, os últimos Fokker 100 foram aposentados e substituídos pela família A320 da Airbus. De 2013, um novo design corporativo, incluindo um novo logotipo da marca e uma nova pintura, consequentemente, à frota foi introduzida, que inclui apenas vermelho e branco. A nova pintura também é usada para as companhias aéreas Avianca TACA Equador e suas subsidiárias , que um esquema de cor uniforme para a companhia aérea consolidada sob a AviancaTaca Holding é para ser construído.

Destinos[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Avianca cumple 90 años aviacol.net, 4 de dezembro 2009 (es)
  2. http://www.aviancaholdings.com/quienes-somos

Ligação externa[editar | editar código-fonte]


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Avianca Holdings