KLM

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
KLM logo.svg
Koninklijke Luchtvaart Maatschappij (KLM)
IATA
KL
ICAO
KLM
Indicativo de chamada
KLM
Fundada em 1919
Principais centros
de operações
Aeroporto Internacional de Amsterdão Schiphol
Outros centros
de operações
Aeroporto de Roterdã
Programa de milhagem Flying Blue
Serviço VIP KLM Crown Lounge
Aliança comercial
Frota 201 aeronaves
Destinos 99 localidades
Companhia
administradora
Air France-KLM
Sede Amstelveen, Países Baixos
Pessoas importantes Presidente e CEO: L. M. van Wijk
Sítio oficial www.klm.com
A sede da KLM

Koninklijke Luchtvaart Maatschappij (KLM), em português Companhia Real de Aviação, é uma empresa aérea dos Países Baixos com sede na cidade de Amstelveen. É membro da SkyTeam Alliance.

História[editar | editar código-fonte]

A companhia de aviação KLM foi fundada a 7 de Outubro de 1919, por Albert Plesman, tendo mantido sempre a mesma designação até à atualidade, o que faz com que seja a empresa mais antiga do ramo.[1] A companhia tem o epíteto de Koninklijke ("real") concedido pela rainha Guilhermina dos Países Baixos no ano da fundação.

Em 1920 foi realizado o primeiro voo de carreira da KLM, ao ser feita, a 17 de Maio desse ano, a ligação entre Amesterdã, nos Países Baixos, e Londres, na Inglaterra, com um avião De Havilland DH-16. No primeiro ano de operações a companhia neerlandesa transportou 345 passageiros e 25 toneladas de carga.

O primeiro voo intercontinental da companhia teve por destino as Índias Orientais Holandesa , que a aconteceu a 1 de Outubro de 1924. Cinco anos mais tarde, a KLM passou a ter voos regulares para o Extremo Oriente, naquela que era a mais extensa rota regular do mundo. Contudo, foi interrompida devido ao início da Segunda Guerra Mundial, em 1939.

Mas antes, em 1934, a KLM tinha feito o seu primeiro vôo transatlântico entre Amesterdã e Curaçao, nas Antilhas Holandesas, no Caribe.

Depois do conflito mundial, o aeroporto de Schiphol, em Amesterdã, onde estava sedeada a KLM teve de ser totalmente reconstruído após o final da guerra, em 1945. O responsável pela reconstrução das instalações foi o fundador da KLM, Albert Plesman.

As ligações ao Extremo Oriente recomeçaram no Outono de 1945 e em Maio de 1946 a KLM foi a primeira companhia aérea europeia a retomar as rotas para os Estados Unidos.

Em Outubro de 1961 a KLM entrou na era dos aviões a jato, passando a contar com aparelhos Douglas DC-8. A companhia entretanto foi crescendo com a aquisição de companhias regionais neerlandesas.

Em 1991 passou a oferecer aos seus clientes o programa passageiro-frequente, o primeiro do género na Europa. Dois anos depois e pela primeira vez no seu historial a KLM transportou mais de um milhão de passageiros num único ano.

Em Dezembro de 1999 foi a primeira companhia do mundo a receber uma certificação de qualidade ISO 14001 pelo seu sistema de protecção ambiental. No final do século XX, tinha uma frota de quase cento e vinte aviões e com os seus parceiros comerciais fazia ligações a mais de quinhentas cidades.

Destinos Brasil[editar | editar código-fonte]


  • Sem acordo em codeshere

Destinos internacionais[editar | editar código-fonte]

Principais aeroportos[editar | editar código-fonte]

Outros aeroportos[editar | editar código-fonte]

Frota[editar | editar código-fonte]

205 aviões (incluindo com a KLM Cityhopper)

KLM
Aeronave Total
Airbus A330-200 10 (2 ordens)
Boeing 737-300 10
Boeing 737-400 13
Boeing 737-700 4 (9 ordens)
Boeing 737-800 21
Boeing 737-900 22
Boeing 747-400 25
Boeing 777-200ER 15
Boeing 777-300ER 4 (2 ordens)
McDonnell Douglas MD-11 10
Fokker 50 14
Fokker 70 21
Fokker 100 20
Embraer 190 16 (1 ordem)
Total 205 (14 ordens)

Os 55 Fokker's (100/70/50) e os 16 Embraer's 190 são da KLM cityhopper.

Presença no Brasil e em Portugal[editar | editar código-fonte]

Para o Brasil, a KLM opera um voo diário a partir de Amsterdã (forma usada no Brasil), ou Amesterdão (forma usada em Portugal), para São Paulo e um voo com frequência de 5 vezes por semana para o Rio de Janeiro. Outras cidades brasileiras são servidas através de acordos (acordo code-share)com a Gol Transportes Aéreos.Para Portugal, a KLM opera dois voos diários a partir de Amesterdão para Lisboa no inverno e três voos diários no verão. Entre o Brasil e os Países Baixos a KLM opera com o Boeing 777-300ER três vezes por semana e quatro vezes com o Boeing 777-200ER.

Companhia mais bem avaliada no site da ANAC[editar | editar código-fonte]

A companhia aérea KLM é a mais bem avaliada pelos mais de três mil usuários cadastrados no “Espaço do Passageiro”, no site da ANAC.[carece de fontes?]

Este é um local onde o viajante pode dar notas pelo desempenho da empresa aérea que utilizou dentre vários quesitos de avaliação, como atendimentos a necessidades especiais, na sala de embarque, na venda de passagens, no check in, pela internet e durante reclamações.

Prêmio Avion Award[editar | editar código-fonte]

A KLM venceu o conceituado “Avion Award”, concedido pela World Airline Entertainment Association (WAEA), pelo design das novas telas individuais de vídeo e da navegação dos programas, jogos e filmes contidos nela. Esses monitores foram instalados em todas as poltronas dos B777 e dos A330 da companhia. Um júri internacional formado por representantes das indústrias de impressos, música, TV e cinema levou em conta a originalidade, a praticidade, o conteúdo e o equilíbrio entre os diversos itens da tela individual oferecida pela KLM.

Referências

  1. Company profile. Visitado em 29 de maio de 2011.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre KLM



Membros da SkyTeam Alliance
Aeroflot | Aeroméxico | Air France | Alitalia | China Southern Airlines | CSA Czech Airlines | Delta Air Lines | KLM | Korean Air

Associados: Air Europa | Kenya Airways

Futuros Associados: MEA | TAROM