Azilal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Marrocos Azilal
أزيلال ; ⴰⵣⵉⵍⴰⵍ
 
—  Município  —
Vista do vale de Aït Bouguemez, na região de Azilal
Vista do vale de Aït Bouguemez, na região de Azilal
Azilal está localizado em: Marrocos
Azilal
Localização de Azilal em Marrocos
31° 58' N 6° 34' O
Região Tadla-Azilal
Província Azilal
Altitude 1 350 m (4 429 pés)
População (2004)[1] [2]
 - Total 27 711
 - Estimativa (2012) 38 126
Código postal 22000
Zoco semanal quinta-feira
Barragem de Bin el Ouidane, a norte de Azilal

Azilal (em árabe: أزيلال; em tifinagh: ⴰⵣⵉⵍⴰⵍ) é uma cidade do centro de Marrocos, capital da província homónima, que faz parte da região de Tadla-Azilal. Em 2004 tinha 27 711 habitantes[1] e estimava-se que em 2012 tivesse 38 126 habitantes.[2]

A cidade situa-se no planalto com o mesmo nome, na parte norte do cordilheira do Alto Atlas, a mais de 1 350 metros de altitude, a 300 km a sul-sudeste de Casablanca, 160 km a leste-nordeste de Marraquexe e 150 km a sudoeste de Beni Mellal. A distãncia em linha reta entre Azilal e Beni Mellal é de apenas 45 km, mas não há estradas transitáveis que cruzem o vale do El Abid, que separa o Alto Atlas do Médio Atlas, onde se situa a grande barragem de Bin el Ouidane. 45 km. Os limites sul do parque Parque Nacional do Alto Atlas Ocidental encontram-se cerca de 10 km em linha reta a norte da cidade.

Apesar de ser uma capital provincial, com alguns edifícios administrativos e muitas casas novas, a cidade conserva um certo ar de aldeia de montanha. A região tem grande riqueza paisagística.[3] Entre os atrativos turísticos da região podem destacar-se, principalmente pela beleza natural e pelo interesse etnográfico:[4]

  • Zona da barragem e lago de Bin el Ouidane. A barragem é alimentada pelo uádi (rio) El Abid, o principal afluente do Morbeia (Oum Er Rbia), é a maior de Marrocos em produção energética e a barragem em abóbada mais alta de África.
  • Região da tribo berbere Ait Bouguemez, nomeadamente o profundo o vale do Tassaout, com as suas aldeias típicas berberes, situadas ao longo do vale escavado por uma torrente de monatnha. As aldeias são quase completamente isoladas do resto do mundo e segundo alguns guias de viagem fazem lembrar as regiões remotas dos Himalaias. Só recentemente passaram a ser servidas por estrada transitável durante todo o ano e até há pouco tempo chegavam a estar isoladas durante meses por causa da neve.[5] Ainda conservam os seus celeiros fortificados (agadires) e outras estruturas coletivas.[4]
  • Cascatas de Ouzoud — com 110 metros de altura e 90 de largura, situam-se a cerca de 40 km por estrada a oeste de Azilal.[4]
  • Gargantas do El Abid — encontram-se alguns quilómetros a norte das cascatas, várias dezenas de quilómetros a jusante da barragem de Bin el Ouidane.[4]

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

  • Este artigo foi inicialmente traduzido do artigo da Wikipédia em francês, cujo título é «Azilal», especificamente desta versão.
  1. a b Recensement général de la population et de l'habitat 2004 (em francês) www.hcp.ma Royaume du Maroc - Haut-Comissariat au Plan. Visitado em 22 de fevereiro de 2012.
  2. a b Maroc: Les villes les plus grandes avec des statistiques de la population (em francês) gazetteer.de World Gazeteer. Visitado em 22 de fevereiro de 2012.
  3. Ellingham, Mark; McVeigh, Shaun; Jacobs, Daniel; Brown, Hamish. The Rough Guide to Morocco. 7ª. ed. Nova Iorque, Londres, Deli: Rough Guide, Penguin Books, 2004. 824 pp. p. 314-315. ISBN 9-781843-533139.
  4. a b c d Le Guide Vert - Maroc. Paris: Michelin, 2003. 460 pp. p. 178-179. ISBN 978-2-06-100708-2.
  5. Kjeilen, Tore. Ait Bougmez - The "hidden Himalayan kingdom" (em inglês) LookLex.com (Lexic Orient). Visitado em 22 de fevereiro de 2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Província de Azilal
  • Kjeilen, Tore. Azilal (em inglês) LookLex.com (Lexic Orient). Visitado em 22 de fevereiro de 2012.


Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia de Marrocos, integrado ao Projeto África é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.