C'est La Vie

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
C'est La Vie
Álbum de estúdio de Rouge
Lançamento Brasil 6 de maio de 2003
Gravação 2003
Gênero(s) Pop, dance-pop, pop rock, zouk
Duração 51:32
Idioma(s) Português, espanhol
Formato(s)
  • CD
  • DVD+CD
Gravadora(s)
Produção Rick Bonadio[1]
Certificação Double Platinum.png 2× Platina - ABPD[2]
Cronologia de Rouge
Último
Último
Rouge Remixes
(2002)
Blá Blá Blá
(2004)
Próximo
Próximo
Singles de C'est La Vie
  1. "Brilha La Luna"
    Lançamento: Abril de 2003
  2. "Um Anjo Veio Me Falar"
    Lançamento: Julho de 2003
  3. "Vem Cair na Zueira"
    Lançamento: Novembro de 2003

C'est La Vie é o segundo álbum de estúdio do girl group pop brasileiro Rouge, lançado em maio de 2003. O álbum é o sucessor do primeiro álbum da banda, "Rouge" (2002), que vendeu mais de 1 milhão de cópias, tendo como hit principal a canção "Ragatanga". O álbum traz como estilo principal, o zouk, nas canções "Brilha La Luna" e "Vem Cair na Zueira", além de trazer versões de sucessos internacionais, como "Eu Quero Fugir" (versão para "Runaway" do The Corrs) e "C'est La Vie" (versão da canção de mesmo nome da banda B*Witched).

Em apenas uma semana de vendas, o disco chegou a disco de ouro pelas mais de 100 mil cópias vendidas, ao todo "C'est La Vie". No ano de 2003, o álbum estreou em 17º na lista dos 20 álbuns mais vendidos no Brasil segundo a ABPD. Algumas semanas após ter sido lançado, o álbum ganhou uma edição especial, um kit com CD e DVD e que conta com o making of que registra a transformação das meninas para a nova fase do grupo. Além de bastidores do videoclipe de "Brilha La Luna", material multimídia e muito mais. Cerca de 50 mil cópias do kit foram comercializadas, dando ao grupo o certificado de ouro.

Entre os maiores sucessos se destaca a agitada "Brilha La Luna", que conseguiu liderar as paradas de sucesso, e a romântica "Um Anjo Veio Me Falar", que se tornou o segundo single mais conhecido da carreira das meninas. Ambas estouraram nas rádios de todo o país. Ainda em 2003, elas entraram em turnê pela América Latina e Portugal para divulgar o álbum. O álbum também extraiu o DVD "A Festa dos Seus Sonhos" (2004), que além do show, contava como bônus os dois clipes do álbum.

O álbum foi um sucesso nas premiações, sendo indicado a mais de 8 prêmios, ganhando 13 prêmios, incluindo 4 "Capricho Awards", 2 "Meus Prêmios Nick", 4 "Troféu Universal Musical", 1 "Prêmio Multishow de Música Brasileira", além de ter sido indicado ao Grammy Latino na categoria Melhor Álbum Pop Brasileiro, sendo a primeira e única indicação do grupo.

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

Após o sucesso do seu antecessor - Rouge, C'est La Vie trouxe para o país o ritmo zouk que já estava presente na cena musical principalmente na Europa.[1] O ritmo possui uma semelhança com a lambada e surgiu nas Antilhas.[1] Segundo o idealizador e produtor do álbum, Rick Bonadio, apostou no ritmo juntamente com o pop.[3] Segundo Luciana, "Depois de ‘Ragatanga’, todos esperam que a gente tenha algo a mais para mostrar. O que temos a dizer é que confiamos em Rick e nos profissionais da Sony. E eles também, ao ouvir a nossa opinião na hora de escolher as composições".[1]Patrícia ressalta que houve maior interação das integrantes no trabalho, opinando: "Nesse disco, participamos de reuniões com o Rick Bonadio, para ajudar a escolher o repertório. Ouvimos músicas que foram mandadas e chegamos a fazer uma versão."[4]

Fantine Thó, também integrante do grupo, comentou sobre o novo trabalho:

Cquote1.svg O zouk está no Brasil há muito tempo, mas nenhum artista ainda o apresentou para o grande público. Estamos lançando o pop zouk, com a cara do Rouge. Cquote2.svg
Fantine Thó, integrante do grupo, falando sobre o novo estilo adotado pelo grupo.[1]

Sobre a pressão de terem que repetir a mesma trajetória do CD de estréia, as meninas do Rouge ficaram tranquilas, mas reconheceram que sofreram uma pressão grande. "A gente sentiu uma pressão, mas procurou não ficar pensando nisso", afirma Patrícia. "Quisemos ser verdadeiras e isso é que vai fazer com que o disco tenha a qualidade do primeiro. Se vai vender, que seja uma consequência."[4]

Canções[editar | editar código-fonte]

Cquote1.svg Foi legal porque rolou de forma descontraída. O Rick lançou a idéia para a Patty, ela pensou num contexto. Depois ele resolveu jogar a idéia para todas. Fomos falando enquanto o Rick, mais experiente, ia lapidando. O resultado ficou ótimo. É uma das minhas músicas favoritas no CD. Cquote2.svg
Luciana Andrade, integrante do grupo, falando sobre a canção "Um Anjo Veio Me Falar".[5]
B*Witched
The Corrs
O álbum conta com várias versões, dentre elas "C'est La Vie" da girl group pop B*Witched (esquerda) e "Eu Quero Fugir" (versão de Runaway) da banda de pop rock The Corrs (direita).

O repertório de "C’est La Vie" é composto principalmente de versões de músicas de encomenda feitas por compositores internacionais e músicas do próprio Rick Bonadio, assim como aconteceu no primeiro álbum.[1] A faixa que abre o disco, "C'est La Vie", é uma versão da canção de mesmo nome da girl group irlandesa "B*Witched". A versão da canção, que para alguns críticos, lembra o sucesso "Beijo Molhado", ficou por conta de Milton Guedes.[1] Já "Brilha La Luna", escrita por Rick Bonadio, tem apelo "caliente" e um ritmo chamado "pop zouk".[4] A canção "Me Faz Feliz" é versão de Milton Guedes da canção "Heavenly".[4] Já "Quando Chega a Noite", traz uma novidade, é uma disco music, cantada em sua maior parte por Karin.[1] A canção é uma versão da canção "Llega la Noche", da girl group argentina "Bandana", formada também no "Popstars", só que da Argentina.[3] Um dos destaques do álbum é a faixa "Um Anjo Veio Me Falar", escrita por Aline, Fantine, Karin, Luciana e Patrícia, em parceria com Rick Bonadio.[4] A música é uma versão da canção "Angel In My Heart", da banda pop americana "Jump5".[4] A pop "Fantasma" foi escrita por Fúlvio Márcio, que compôs algumas faixas do primeiro álbum da girl group.

"Vem Cair na Zueira", também assinada por Rick Bonadio, segue o mesmo estilo de "Brilha la Luna", tendo um grande apelo latino,[1] mais perto do zouk raiz.[5] "Dentro de Mim" é de autoria de Charles Midnight, que já escreveu canções para Joe Cocker e James Brown. "Quando solicitei a ele uma composição para o disco do Rouge ele disse já conhecer o grupo e seu trabalho. O mesmo aconteceu com todos os outros autores estrangeiros com quem falamos", disse Rick Bonadio.[3] Uma das canções preferidas das cantoras é "Eu quero Fugir", versão em português para "Runaway", hit da banda irlandesa The Corrs. "Quando eu me mudei para São Paulo e comecei a me envolver com música, meus amigos sempre diziam que The Corrs tinha tudo a ver com meu estilo", lembrou Luciana.[3] Fantine fez a sua estréia como compositora na balada "Um Dia Sem Você"[1] "Eu costumava cantar mais baladas black e até rap, mas minha faixa preferida do CD vem numa levada mais pop/rock", explica Aline, referindo-se à "Um dia sem você".[3] Na canção, ela e Fantine fazem um dueto, enquanto que as outras garotas fazem o coro.[5] Luciana também se aventura na composição, ao lado de Rick Bonadio na faixa "Abra o Seu Coração".[1]

Singles[editar | editar código-fonte]

O primeiro single do álbum, "Brilha La Luna", foi lançado em abril de 2003. A canção que é derivada do zouk, foi um sucesso nas paradas de sucesso, alcançando a primeira posição nas paradas de sucesso, sendo o segundo número um do grupo, depois de "Ragatanga".[6]

O segundo single, a balada "Um Anjo Veio Me Falar", foi lançado em julho de 2003, e também se tornou um sucesso, se tornando a segunda música mais famosa da banda. Nas paradas, a canção conseguiu alcançar a posição de número 12.[7] A canção também fez parte da trilha sonora da novela "Canavial de Paixões", do SBT.

O terceiro single, "Vem Cair na Zueira", foi lançado em novembro de 2003, e também segue a mesma linha zouk adotada em "Brilha la Luna", só que com um pouco mais de ritmos latinos. A canção foi um sucesso, alcançando a posição de número 9 nas paradas de sucesso.[8] O grupo fez uma participação no fime "Xuxa Abracadabra" (2003), performando a canção.

Divulgação e outras versões[editar | editar código-fonte]

Para promover o álbum, a gravadora lançou uma edição especial, contendo um kit com CD e DVD, contando com o making of que registra a transformação das meninas para a nova fase do grupo. Além de bastidores do videoclipe de "Brilha La Luna", material multimídia e muito mais.[9] Para divulgar o álbum na televisão, o grupo lançou "C'est La Vie" no programa do Gugu, cantando o single "Brilha la Luna", "Vem Cair na Zueira", um trecho acapella de "Um Anjo Veio Me Falar" e "Me Faz Feliz", além dos singles "Ragatanga" e "Não Dá pra Resistir". O grupo também foi ao programa Falando Francamente da Sônia Abrão, cantando "Brilha la Luna", "Um Anjo Veio Me Falar", e um trecho da inédita "Um Dia Sem Você", atendendo um pedido de uma fã. A banda também foi ao Sabadaço, cantando os singles "Brilha la Luna" e "Um Anjo Veio Me Falar", além da faixa-título "C'est La Vie." As garotas também promoveram o álbum no programa da Hebe, além de terem participado do programa da Eliana, Dia Dia e do Chat Show Terra.

Uma versão do álbum "C'est La Vie" foi gravada em espanhol, para ser lançada no mesmo ano. Mas com a saída da integrante Luciana, o CD e o projeto do 4º DvD acabaram sendo cancelados. A edição do álbum "C'est La Vie" em espanhol, inclui versões de músicas do proprio e algumas do primeiro álbum. A música "Um anjo veio me falar", também ganhou, além da versão em espanhol, um vídeo clipe, que até foi comrecializado, onde ainda hoje, se tem acesso. Em 2012, teve-se registro de que as músicas do albúm vazaram na internet e descobertas pelo Youtube.[10]

A banda se apresentando num dos shows da turnê de divulgação do álbum "C'est La Vie".

Turnês e DVDs[editar | editar código-fonte]

O grupo também promoveu o álbum fazendo duas turnês: a primeira foi a Brilha La Tour em 2003, e a segunda foi a Turnê C'est La Vie em 2004. A Brilha la Tour contou com 15 canções, dentre elas 7 canções do novo álbum. Já a Turnê C'est La Vie contou com 17 canções, dentre elas 11 canções do "C'est La Vie", incluindo "Um Dia Sem Você", "Eu Quero Fugir", "Delírios" e "Dentro de Mim", que não estavam presentes na turnê anterior.

O grupo também lançou um DVD intitulado A Festa dos Seus Sonhos, que comemorava 1 ano do grupo, dentre as faixas do novo álbum estavam as canções "C'est La Vie", "Me Faz Feliz", "Um Anjo Veio Me Falar", "Fantasma", "Quando Chega a Noite", "Vem Cair na Zueira" e "Brilha la Luna".[11]


Faixas[editar | editar código-fonte]

# Título Compositores Duração
1. "C'est La Vie" (C'est La Vie) Tracy Ackerman, Martin Brannigan, B* Witched – Versão: Milton Guedes 2:54
2. "Brilha La Luna" Rick Bonadio 3:31
3. "Me Faz Feliz" (Heavenly) Pelle, Pelle – Versão: Guedes 3:31
4. "Quando Chega A Noite" (Llega La Noche) Fernando Lopez Rossi, Afo Verde, Pablo Durand – Versão: Fúlvio Márcio 3:13
5. "Um Anjo Veio Me Falar" (Angel In My Heart) Elliot Kennedy, Tim Woodcock, Susane Shaw – Versão: Bonadio, Patrícia, Fantine, Aline, Karin, Luciana 3:45
6. "Fantasma" (Demon) Lars Edvall, Mathias Reiner - Versão: Márcio 3:19
7. "Vem Cair Na Zueira" Bonadio 3:24
8. "Dentro De Mim" (Underneath My Skin) Eric Silver, Charles Midnight - Versão: Luciana Andrade 3:37
9. "Eu Quero Fugir" (Runaway) James Corr, Sharon Corr, Caroline Corr, Andrea Corr – Versão: Rick Bonadio 4:30
10. "Delírio" (Delirious) Anthony Anderson, Steve Smith, Dane Deville, Sean Hosein – Versão: Márcio 3:59
11. "Um Dia Sem Você" Fantine Thó 4:05
12. "Abra O Seu Coração" Bonadio, Luciana 3:45
13. "Diz Aí Felicidade" (Having Fun) Bonadio, Beto Paciello, Márcio 3:53
14. "Vamos Mudar O Mundo" (Cambiar El Mundo) Alejandro Lemer – Versão: Lucas Robles 4:22

Faixas C'est La Vie em Espanhol[editar | editar código-fonte]

# Título Compositores Duração
1. "Hoy Te Doy Toda Mi Vida " Não se sabe quem compos, ou fez a versão 3:46
2. "Y Como Resistir" Não se sabe quem compos, ou fez a versão 2:54
3. "Un Angel Vive En Mi(Angel In My Heart)" Elliot Kennedy, Tim Woodcock, Susane Shaw – Versão: Rick Bonadio, Patrícia, Fantine, Aline, Karin, Luciana 3:39
4. "Brilla La Luna " Rick Bonadio 3:26
5. "Vien Aqui Pacha En Guea" Rick Bonadio 3:21
6. "Beso Mojado" Não se sabe quem compos, ou fez a versão 3:28
7. " C'est la vie " Tracy Ackerman, Martin Brannigan, B* Witched – Versão: Milton Guedes 2:52
8. "Dentro De Mí (Underneath My Skin)" Eric Silver, Charles Midnight - Versão: Luciana Andrade 3:37
9. "Fantasmas(Demon)" Lars Edvall, Mathias Reiner - Versão: Fúlvio Márcio 3:19
10. "Mirame" Não se sabe quem compos, ou fez a versão 4:04
11. "Me Haces Feliz" Não se sabe quem compos, ou fez a versão 3:33
12. "Un Angel Vive En Mi (Acapella)" Elliot Kennedy, Tim Woodcock, Susane Shaw – Versão: Rick Bonadio, Patrícia, Fantine, Aline, Karin, Luciana 3:39

Prêmios[editar | editar código-fonte]

O álbum foi um sucesso nas premiações, sendo indicado a 9 prêmios diferentes, sendo indicado no total a 16, e ganhando 13 prêmios. A canção "Brilha La Luna" ganhou os prêmios de Melhor Música no "Capricho Awards", "Meus Prêmios Nick", "Troféu "Troféu Universal Musical", Universo Musical" e o "Prêmio Revista Zero". A banda também ganhou o "Prêmio Multishow de Música Brasileira", na categoria Melhor Grupo.[12]

O grupo também conseguiu uma indicação no Grammy Latino de 2004, na categoria Melhor Álbum Pop Brasileiro, sendo a primeira e única indicação do grupo. O DVD A Festa dos Seus Sonhos também recebeu 2 prêmios, no "Capricho Awards 2004" e "Troféu Universo Musical 2004", além de ter sido indicado ao "Prêmio Multishow de Música Brasileira", na categoria "Melhor DVD".[12]

Ano Prémio Categoria Resultado
2003 Capricho Awards 2003[12] Melhor Música para "Brilha la Luna" Venceu
Meus Prêmios Nick 2003[12] Melhor Música (Brilha La Luna) Venceu
Melhor Videoclipe (Brilha La Luna) Venceu
Prêmio Multishow de Música Brasileira[12] Grupo Revelação Venceu
Melhor DVD por A Festa dos Seus Sonhos Nomeado
Troféu Universo Musical[12] Melhor Álbum (C'est La Vie) Venceu
Melhor Canção (Brilha La Luna) Venceu
2004 Capricho Awards 2004[12] Melhor Canção para "Um Anjo Veio Me Falar" Venceu
Melhor DVD (A Festa dos Seus Sonhos) Venceu
Grammy Latino Melhor Álbum Pop Brasileiro Nomeado
MTV Video Music Brasil Escolha da Audiência (Brilha la Luna) Nomeado
Prêmio Academia Brasileira de Letras[12] Melhor Banda Venceu
Prêmio Miscelânea Design (ABRE)[12] Melhor Álbum Venceu
Prêmio Revista Zero[12] Melhor Canção (Brilha la Luna) Venceu
Troféu Universo Musical 2004[12] Melhor Canção (Um Anjo Veio Me Falar) Venceu
Melhor DVD A Festa dos Seus Sonhos Venceu

Certificações[editar | editar código-fonte]

País Certificação Vendas
 Brasil - ABPD[2] Double Platinum.png 2× Platina 1,000,000+

Referências

  1. a b c d e f g h i j k Moreira, Denis. Rouge lança segundo CD e tenta repetir sucesso com o zouk Diário de S. Paulo Época. Visitado em 19 de outubro de 2012.
  2. a b Rouge abpd.org.br. Visitado em 16/04/2010.
  3. a b c d e Rouge lança seu mais novo CD Gazeta Digital (23 de maio de 2003). Visitado em 19 de outubro de 2012.
  4. a b c d e f Rouge lança segundo CD sem pretensão de bater recorde (9 de maio de 2003). Visitado em 30 de setembro de 2013.
  5. a b c Cavalcante, Lina. Meninas do Rouge falam à ÉPOCA em entrevista exclusiva Época. Visitado em 05 de outubro de 2013.
  6. Rouge - Brilha la Luna @ Top40 Charts Top 40 Charts. Visitado em 05 de outubro de 2013.
  7. Rouge - Um Anjo Veio Me Falar @ Top40 Charts Top 40 Charts. Visitado em 05 de outubro de 2013.
  8. Rouge - Vem Cair na Zueira @ Top40 Charts Top 40 Charts. Visitado em 05 de outubro de 2013.
  9. DVD - Rouge - C'est La Vie - DVD + CD Vitrola. Visitado em 05 de outubro de 2013.
  10. C'est La Vie: História e venda Wix. Visitado em 28 de maio de 2011.
  11. FESTA DOS SEUS SONHOS, A (DVD) - ROUGE Fnac. Visitado em 05 de outubro de 2013.
  12. a b c d e f g h i j k C'est La Vie: Prêmios Wix. Visitado em 06 de outubro de 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Rouge é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.