Campo de concentração de Jasenovac

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Jasenovac foi um campo de concentração na Croácia, onde dezenas de milhares de sérvios, ciganos e judeus foram mortos pelas forças do movimentos dos Ustaše. O número de vítimas é suscetível a interpretações e manipulações políticas. Entre 500 e 600 mil mortos eram oficialmente reconhecidos pela ex-Iugoslávia, enquanto outros estudos apontam números próximos a 90 mil vítimas.

Jasenovac foi liderado pelo oficial Ustaše Dinko Šakić, preso na Argentina em 1998. Levado a julgamento em seu país, Šakić e sua amante, Nada Luburić, negaram no tribunal todas as acusações, mas foram condenados. O julgamento de Šakić trouxe aos croatas a desconfortável memória do envolvimento de alguns de seus líderes com a Alemanha nazista de Adolf Hitler.

Milicianos da Ustaše executando prisioneiros próximo à Jasenovac.
Localização do campo de Jasenovac, no contexto da II Guerra Mundial.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um historiador é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Campo de concentração de Jasenovac