Gale (cratera)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cratera Gale
Gale big.jpg

Mapa topográfico de Galé, com o proposto local de pouso para a MER-A (elipse)
Planeta Marte
Região Quadrângulo de Aeolis
Tipo cratera de impacto
Coordenadas 4.6° S, 137.2° E
Diâmetro 150 km
Epônimo Walter Frederick Gale

Gale é uma cratera de impacto em Marte. Possui aproximadamente 150 km de diâmetro e se situa próxima à borda das terras baixas de Elysium Planitia na latitude 4.6º S, longitude 137.2º E. Sua idade data de aproximadamente 3.5 a 3.8 bilhões de anos.[1] Seu nome vem de Walter Frederick Gale.

Uma característica incomum de Gale é um enorme montículo de debris(detritos) ao redor de seu pico central, elevando-se 5.5 km acima do solo a norte da cratera e 4.5 km acima do solo a sul da cratera – pouco acima da borda sul da cratera em si. Esse montículo é composto de material estratificado e pode ter sido depositado por um período de aproximadamente 2 bilhões de anos.[1] A origem desse montículo não é conhecida com certeza, mas a pesquisa sugere que que este seja os remanescentes erodidos de camadas sedimentares que outrora cobrira a cratera completamente, possivelmente originalmente depositadas em em leito de um lago.[1] No entanto, sua natureza ainda é alvo de debate.[2] [3]


Gale foi um dos locais propostos para a aterrisagem em 2003 das missões Mars Exploration Rover e Mars Science Laboratory e um dos principais candidatos para ser o local de pouso da ExoMars, da ESA. Numerosos canais erodidos em flancos dos montículos poderiam dar acesso às camadas para estudo..[1]

Busca por vida[editar | editar código-fonte]

Em 2011 a Nasa escolheu a cratera Gale como alvo de exploração do rover Curiosity, a fim de buscar sinais de vida no planeta vermelho.[4]

Cquote1.svg O local oferece uma paisagem visualmente espetacular, mas também um grande potencial de descobertas científicas importantes Cquote2.svg
Jim Green, diretor da divisão da Nasa

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b c d Mars Odyssey Mission THEMIS: Feature Image: Gale Crater's History Book
  2. Cabrol et al. 1999. Evolução hidrogeológica de Gale e sua relevância na exploração extrabiológica de Marte. Icarus: 139. 235-245.
  3. Irwin et al. 2005. Uma intensa época terminal de atividade pluvial generalizada na juventude de Marte: 2. Increased runoff and palelake development. Journal of Geographical Research: 110. E12S15
  4. Folha: Nasa buscará sinais de vida em cratera marciana

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma cratera é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre Marte é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.