Game Boy Advance SP

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Game Boy Advance SP
Game Boy Advance SP
Fabricante Nintendo
Tipo Videogame portátil
Geração 6ª Geração[nota 1]
Mídia Cartucho
Antecessor Game Boy Advance (modelo anterior)
Sucessor Game Boy Micro (redesign)
Nintendo DS (sucessor)

O Game Boy Advance SP é o segundo modelo do Game Boy Advance. Foi lançado em 2003 pela Nintendo. Está disponível nas cores: azul, vermelho, prata, azul metálico, rosa metálico e cinza grafite.

A Nintendo preservou algumas características do modelo original como o tipo de Game Pack, e a retrocompatibilidade com os cartuchos do Game Boy e Game Boy Color.

Este modelo apresenta um novo design com formato de concha, no qual a tela é dobrada sobre os botões, o que faz que ele ocupe menos espaço e caiba facilmente no bolso, além de proteger a tela de arranhões que eram um problema comum no modelo anterior. Não só o design foi modificado. Foram adicionadas outras melhorias, como a utilização de iluminação na tela (conhecida como frontlight) que permite ao usuário jogar em ambientes escuros. Possui um flip que permite se mover 180° (graus).

Outra evolução foi a utilização de uma bateria recarregável oficial da Nintendo que acompanha o portátil. Foi lançada uma nova versão do Game Boy Advance SP com iluminação do tipo backlight (mais eficiente que frontlight) que dispõe de duas intensidades de brilho e não pode ser desligada. O principal (muitos acreditam ser o único) ponto negativo nesta versão do Game Boy Advance: para utilizar fones de ouvido é necessário um adaptador ou um fone de ouvido com o conector próprio para Game Boy Advance SP, que é igual ao do carregador fornecido junto com o portátil.

Notas

  1. Considerando as referências a seguir Dos hardcores aos casuais. MSN jogos (6 de novembro de 2010). Página visitada em 16 de junho de 2011. "Lançado em novembro de 2005, o Xbox 360 deu o pontapé inicial na sétima geração de consoles." e A História dos Vídeo Games #24: Sega Dreamcast, um console a frente do seu tempo. Nintendo Blast (24 de maio de 2011). Página visitada em 14 de junho de 2011. "Querendo ou não, com o Dreamcast a SEGA deflarou o início da 6ª geração de vídeo games.", além do fato do Dreamcast ter sido lançado em 1998, deduz-se que qualquer console lançado entre 1998 e 2005 necessariamente pertence à sexta geração.