Hipervolemia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Hipervolemia
Sistema circulatório
Classificação e recursos externos
CID-10 E87.7
CID-9 276.6
Star of life caution.svg Aviso médico

Hipervolemia, Pletora ou sobrecarga de líquidos (do latim hiper+volemia muito volume sanguíneo) é a condição médica na qual há muito fluido no sangue em circulação[1] . A condição oposta é a hipovolemia, na qual há muito pouco fluido no sangue.

Causas[editar | editar código-fonte]

Excesso de ingestão de sódio e líquidos[2] :

  • Terapia intravenosa contendo sódio;
  • Reação a uma transfusão de sangue rápida;
  • Alta ingestão de sal, salgados e refrigerantes.

Retenção de sódio e água[2] :

Deslocamento do fluido para o espaço intravascular[2] :

  • Remobilização de fluidos após tratamento de queimadura;
  • Administração de fluidos hipertônicos como manitol ou solução salina hipertônica;

Administração de proteínas plasmáticas, como a albumina.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. http://medicosdeportugal.saude.sapo.pt/glossario/hipervolemia
  2. a b c Page 62 (Fluid imbalances) in: Portable Fluids and Electrolytes (Portable Series). Hagerstwon, MD: Lippincott Williams & Wilkins. 2007. ISBN 1-58255-678-4.