Meg Tilly

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde junho de 2010).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Margaret E. Chan, conhecida como Meg Tilly (Long Beach, Califórnia, 14 de fevereiro de 1960) é uma atriz estadunidense.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filha de um vendedor de carros sino-estadunidense e de uma professora pouco convencional, após o divórcio dos pais, Meg foi viver na Columbia Britânica, no Canadá, para onde a mãe e o padrasto se transferiram. Pretendia ser bailarina, mas um problema nas costas cortou seus planos. Foi em razão do balê a sua estréia no cinema, no filme Fame, de Alan Parker, em 1980. Participou também da série de televisão Hill Street Blues, em 1981. Sua habilidade na dança, contudo, nunca ficou esquecida. Isso pode ser percebido em The Big Chill e Psycho II, ambos filmes de 1983.

Foi indicada ao Oscar de melhor atriz coadjuvante por Agnes of God, de 1985, papel pelo qual foi vencedora do Globo de Ouro do mesmo ano. Participou do filme Valmont (1989), dirigida por Milos Forman. Desde 1995 está afastada do cinema, tendo voltado a morar no Canadá, onde se dedica a escrever livros e a cuidar dos três filhos.

Escreveu dois livros, Singing Songs (1994; Dutton Books) e Gemma (2006; Syren Book Company).

É irmã da atriz Jennifer Tilly.

Filmografia selecionada[editar | editar código-fonte]

Applications-multimedia.svg A Wikipédia possui o

Ligações externas[editar | editar código-fonte]