Sepaktakraw

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wiki letter w.svg
Por favor, melhore este artigo ou secção, expandindo-o(a). Mais informações podem ser encontradas na página de discussão. Considere também a possibilidade de traduzir o texto das interwikis.

O sepaktakraw surgiu há mais de 500 anos no Sudeste da Ásia.[1] No Brasil esta modalidade é recente. Tem pouco mais de uma década, mesmo assim a seleção Brasileira tem obtido resultados expressivos no cenário internacional.[2]

Tradicionalmente o takraw, como também é conhecido, era jogado em círculo onde um jogador passava a bola a outro sem deixá-la cair. No primeiro quarto do século passado, um grupo de entusiastas do esporte introduziu o uso da rede e estabeleceu regras para torná-lo mais atrativo.

Sobre o jogo[editar | editar código-fonte]

A quadra possui 13,40 metros de comprimento por 6,10 metros de largura, e a rede possui 1,55 metros de altura, dividindo a quadra, em seu comprimento, em duas metades iguais.

O principal objetivo do jogo é passar a bola sobre a rede utilizando qualquer parte do corpo, exceto mãos e braços. Como no voleibol, se a bola tocar na quadra é encerrada a disputa daquele ponto.

Cada equipe é composta por três jogadores. São permitidos no máximo três toques antes de passar a bola para o lado adversário da quadra, sendo que, um mesmo jogador pode, sozinho, executar estes três toques. É permitido bloquear, desde que mãos e braços não toquem a bola e o jogador não toque a rede.

Devido às características do jogo o Brasil possui grandes jogadores “importados” de outras modalidades esportivas como o futevôlei, capoeira e também do futebol. Essa facilidade em dominar a bola e executar acrobacias fez com que, por três ocasiões 2000, 2003 e 2007, o Brasil se tornasse campeão mundial em sua categoria na Copa do Rei da Tailândia, maior evento da modalidade.

Isso nos mostra a potencialidade dos jogadores brasileiros em se adaptar a essa modalidade esportiva. Prova disso é a grande aceitação deste esporte quando apresentado a crianças e jovens.

A bola[editar | editar código-fonte]

O destaque é a bola, originalmente feita de rattan (um tipo de bambu). Em 1982, foi lançada a bola de tecido sintético (plástico). Os principais fabricantes das bolas sintéticas são Gajah Emas e Marathon que se encontram respectivamente na Malásia e Tailândia. Nas competições oficiais são utilizadas as bolas de material sintético.

Federações[editar | editar código-fonte]

  • Associação Brasileira de Takraw (ABT)- Pioneiros no esporte no âmbito nacional, os Pernambucanos contam com a Associação Brasileira de Takraw (ABT), que tem sua sede na cidade de Olinda, estado de Pernambuco, onde é possível encontrar também a primeira quadra para prática do esporte do Estado.
  • Federação Paulista de Sepaktakraw (FPST)

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. J. A. Mangan, Fan Hong. Sport in Asian society: past and present (em <código de língua não-reconhecido>). [S.l.]: Frank Cass Publishers, 2002. 220 pp. ISBN 978-0714683300.
  2. Shawn Kelley. Takraw: A Traditional Southeast Asian (sobretudo na Malásia) Sport Tatnews.org. Visitado em 30 de julho de 2007. Cópia arquivada em 10 de julho de 2007.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre esporte/desporto é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.