4.50 from Paddington

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: ""O Estranho Caso da Velha Curiosa"" redireciona para este artigo. Para o filme com Margaret Rutherford, veja Murder, She Said.
4.50 from Paddington
O Estranho Caso da Velha Curiosa ou
O Comboio das 16h50
 (PT)
A Testemunha Ocular do Crime (BR)
Autor(es) Agatha Christie
Idioma inglês
País  Reino Unido
Gênero Romance policial
Editora Collins Crime Club
Lançamento 4 de novembro de 1957
Páginas 256 (1ª edição, capa dura)
Edição portuguesa
Tradução Mascarenhas Barreto; Isabel Alves
Editora Livros do Brasil; Edições Asa
Lançamento 1956; 2009
Edição brasileira
Tradução Maria Aparecida Moraes Rego
Editora Círculo do Livro
Lançamento 1984
Cronologia
The Burden
Ordeal by Innocence

4.50 from Paddington (A testemunha ocular do crime, no Brasil[1] / O estranho caso da velha curiosa (1956) ou O comboio das 16h50 (2009), em Portugal) é um romance policial de Agatha Christie, publicado no Reino Unido pela Collins Crime Club em 4 de novembro de 1957,[2] e nos Estados Unidos pela Dodd, Mead and Company no mesmo mês, porém com o título What Mrs. McGillicuddy Saw!.[3][4] Mais tarde, quando reeditado como livro de bolso pela Pocket Books em 1963, ganhou o título de Murder, She Said,[3] vinculando-o ao filme com o mesmo título. Esta obra de Agatha Christie conta com a participação da detetive amadora Miss Marple.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Elspeth McGillicuddy sai de sua Escócia natal para visitar Miss Jane Marple. Durante a viagem, ela vê uma mulher sendo estrangulada, no instante em que o trem no qual se encontrava diminui a velocidade e o da frente acelera. Somente Miss Marple acredita em sua história, uma vez que não parece haver qualquer evidência de transgressão ou delito. Então, o primeiro passo a ser dado é descobrir onde o corpo poderia ter sido escondido e, comparando-se as pistas do assassinato com os horários do trem e a localidade em questão, chega-se a Rutherford Hall, única localidade possível para escondê-lo. Miss Marple pede ajuda a uma velha conhecida, Lucy Eyelesbarrow, uma governanta profissional, conhecida por seu eficiente e hábil poder de organização. Lucy concorda em aceitar um emprego em Rutherford Hall e, neste momento, inicia-se a caçada ao assassino.

Personagens[editar | editar código-fonte]

  • Jane Marple — Detetive amadora, uma amável solteirona.
  • Lucy Eyelesbarrow — Doméstica bem-sucedida profissionalmente. Informante de Miss Marple em Rutherford Hall e protagonista da história.
  • Inspetor Dermot Craddock — Afilhado de Sir Henry Clithering, amigo de Miss Marple.
  • Elspeth McGillicuddy — Testemunha ocular do crime e amiga de Miss Marple.
  • Luther Crackenthorpe — Viúvo muito rico, porém sovina e ranzinza.
  • Emma Crackenthorpe — Filha dedicada de Luther. Solteira, vive com o pai em Rutherford Hall.
  • Cedric Crackenthorpe — Filho de Luther. Artista, vive em Ibiza.
  • Harold Crackenthorpe — Filho de Luther. Banqueiro, vive com a esposa em Londres.
  • Alfred Crackenthorpe — Filho de Luther. Golpista, mora sozinho em um apartamento.
  • Bryan Eastley — Viúvo de Edith, filha de Luther.
  • Alexander Eastley — Neto de Luther, filho de Edith e Bryan. Adolescente ou pré-adolescente.
  • James Stoddart-West — Amigo e colega de escola de Alexander.
  • Doutor Quimper — Médico da família Crackenthorpe e amigo de Emma.

Adaptações[editar | editar código-fonte]

O livro foi adaptado para o cinema em Murder, She Said, de 1961. Margaret Rutherford deu vida a Miss Marple que, nesta versão, desempenha os papeis cumpridos por Elspeth McGilliccudy e Lucy Eyelesbarrow no livro.

Em 1987, o livro foi adaptado para a série Miss Marple, da BBC, com Joan Hickson no papel principal. Em 2004, foi novamente adaptado para a TV, com a série Marple, da ITV. Geraldine McEwan desempenhou o papel da famosa detetive. O anime Agatha Christie no Meitantei Poirot to Marple também teve sua versão da história, com a substituição de Lucy Eyelesbarrow pela personagem Maybelle West.

Referências

  1. «Editora Nova Fronteira». Consultado em 18 de dezembro de 2009. Arquivado do original em 25 de maio de 2006 
  2. Peers, Chris; Spurrier, Ralph e Sturgeon, Sturgeon. Collins Crime Club - A checklist of First Editions. 2ª ed. Dragonby Press, 1999. 15p.
  3. a b Cooper, John; Pyke, B.A. Detective Fiction - the collector's guide. 2ª ed. Scholar Press, 1994. 82-87p. ISBN 0-85967-991-8
  4. American Tribute to Agatha Christie (em inglês)
Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.