Three Act Tragedy

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Three Act Tragedy
Tragédia em Três Actos (PT)
Tragédia em Três Atos (BR)
Autor(es) Agatha Christie
Idioma inglês
País  Reino Unido
Gênero Romance policial
Editora Collins Crime Club
Lançamento janeiro de 1935
Páginas 256 (1ª edição, capa dura)
Edição portuguesa
Tradução Isabel Alves
Editora Edições Asa
Lançamento 2005
Edição brasileira
Tradução Bárbara Heliodora
Editora Editora Nova Fronteira
ISBN 000.85.209.0620-6
Cronologia
Parker Pyne Investigates
Death in the Clouds

Three Act Tragedy (Tragédia em três atos, no Brasil[1] / Tragédia em três actos, em Portugal) é um romance policial de Agatha Christie, publicado em 1935.

Conta com as participações do detetive belga Hercule Poirot e do Sr. Satterthwaite.

Enredo[editar | editar código-fonte]

O célebre ator de teatro Sir Charles Cartwright oferece um jantar para seus amigos em sua pitoresca casa, o Topo do Mastro. Inesperadamente, um dos convidados, um pároco inofensivo chamado Stephen Babbington, morre enquanto bebia uma taça de coquetel. Quase todos acreditam que tenha sido por causas naturais.

Porém, poucos dias depois, outra morte ocorre nas mesmas circunstâncias em outra festa, com praticamente os mesmos convidados, o que faz com que Charles, seu amigo Satterthwaite e seu interesse amoroso, a jovem Hermione Lytton Gore("Egg"), desconfiem que há um envenenador à solta, unindo-se para desvendar o caso como detetives amadores. O detetive Hercule Poirot, um dos presentes no primeiro jantar, também acaba se envolvendo no caso.

Adaptações[editar | editar código-fonte]

Em 1986 foi realizado um filme para a televisão com o título Murder in Three Acts, estrelado por Peter Ustinov e Tony Curtis, que realocava a ação em Acapulco. O personagem Mr. Satterthwaite foi trocado por Hastings.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.