Alan Sebastião Alexandre

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Alan
Informações pessoais
Nome completo Alan Sebastião Alexandre
Data de nasc. 8 de fevereiro de 1998 (23 anos)
Local de nasc. Criciúma (SC), Brasil
Altura 1,89 m
Destro
Apelido Alan Grafite
Informações profissionais
Período em atividade 2017–presente
Clube atual Chapecoense
Número
Posição Centroavante
Clubes de juventude
2012–2017
2017–2018
Criciúma
Chapecoense
Clubes profissionais
Anos Clubes
2017
2017–
2019
2021
Criciúma
Chapecoense
Toledo (emp.)
Concórdia (emp.)

Alan Sebastião Alexandre, mais conhecido apenas como Alan Grafite ou simplesmente Alan (Criciúma, 8 de fevereiro de 1998), é um futebolista brasileiro que atua como centroavante. Atualmente joga na Chapecoense.

Seu apelido, Alan Grafite, veio de uma brincadeira do preparador físico da Chapecoense, que achou parecido com o ex-jogador Grafite.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Criciúma[editar | editar código-fonte]

Nascido em Criciúma, Santa Catarina, Alan começou em muitos projetos de futebol na sua região durante sua juventude e começou sua carreira nas categorias de base do Criciúma em 2012, aos 14 anos. No mesmo clube, se profissionalizou apenas em 2017, quando foi promovido juntamente com alguns jogadores do sub-20.[2]

Fez sua estreia profissional em 14 de fevereiro de 2017, entrando como substituto em uma derrota fora de casa por 2 a 1 para o Brasil de Pelotas, pela Primeira Liga de 2017.[3][4] Pelo Criciúma, fez 2 partidas e marcou nenhum gol.

Chapecoense[editar | editar código-fonte]

Em meados de 2017, Alan contratado pela Chapecoense, incialmente sendo relacionado para a equipe sub-20, aonde foi campeão estadual no ano seguinte.[1] Sua estreia pelo clube do oeste catarinense aconteceu em 20 de janeiro de 2019, entrando como substituto em um empate fora de casa com o Metropolitano por 0 a 0, pelo Campeonato Catarinense de 2019.[5]

Na sua primeira passagem pela Chapecoense, participou de 3 partidas e marcou nenhum gol.

Toledo[editar | editar código-fonte]

Em 2019, Alan foi emprestado para o Toledo por um contrato até o final do Campeonato Paranaense de 2019.[6] Fez sua estreia em 17 de março, entrando como substituto em uma derrota em casa para o Operário Ferroviário por 2 a 1.[7]

Pelo Toledo, fez apenas 2 partidas e marcou nenhum gol.

Retorno à Chapecoense[editar | editar código-fonte]

Após disputar o Campeonato Paranaense de 2019 pelo Toledo, Alan retornou à Chapecoense. Sua reestreia aconteceu em 22 de janeiro de 2020, entrando como substituto no último minuto em um empate em casa por 0 a 0 com o Avaí, pelo Campeonato Catarinense de 2020.[8] Fez seu primeiro gol como profissional em 31 de outubro, em uma vitória fora de casa por 2 a 0 sobre o Confiança, pela Série B de 2020.[9][10]

Na segunda passagem pela Chapecoense, participou de 11 partidas e marcou um gol.

Concórdia[editar | editar código-fonte]

Após o fim da Série B de 2020, Alan foi emprestado ao Concórdia em 2021. Sua estreia aconteceu em 31 de janeiro, entrando como substituto em uma vitória fora de casa por 1 a 0 sobre o Marcílio Dias, pela Copa Santa Catarina de 2020.[11] Seu primeiro gol pelo Concórdia aconteceu em 3 de março, marcando o primeiro gol de uma vitória sobre o Brusque, pelo Campeonato Catarinense de 2021.[12][13]

Foi o artilheiro do Concórdia no Campeonato Catarinense de 2021 com 13 partidas pelo clube, quatro gols marcados e uma assistência, tendo um dos seus melhores desempenhos na sua carreira.[14]

Segundo retorno à Chapecoense[editar | editar código-fonte]

Em 26 de abril de 2021, Alan retornou à Chapecoense, após um grande momento no Concórdia no Campeonato Catarinense de 2021.[14][15]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Chapecoense

Referências

  1. a b «Inspirado no ex-jogador Grafite, atacante Alan Grafite vibra com primeiro título da carreira com a Chape». Polidoro Júnior. 17 de setembro de 2020 
  2. «Sem Deivid, nem time principal, Tigre encara o Brasil com outras prioridades». Globo Esporte. 14 de fevereiro de 2017 
  3. «Papa entra ainda no primeiro tempo e decide para o Brasil contra o Criciúma». Globo Esporte. 14 de fevereiro de 2017 
  4. «Brasil de Pelotas 2 x 1 Criciúma - Panela velha é que faz comida boa!». Futebol Interior. 14 de fevereiro de 2017 
  5. «Reservas da Chape empatam com o Metrô, que soma o primeiro ponto no Catarinense». Globo Esporte. 20 de janeiro de 2019 
  6. «Toledo se inspira na Chape e tem time 40 vezes mais barato que o Athletico». UOL. 14 de abril de 2019 
  7. «Operário-PR vira contra o Toledo e mantém esperança em briga por vaga na semifinal». Globo Esporte. 17 de março de 2019 
  8. «Na estreia do Catarinense, Chapecoense e Avaí empatam na Arena Condá». Globo Esporte. 22 de janeiro de 2020 
  9. «Chapecoense bate o Confiança e conquista título simbólico do turno da Série B». Globo Esporte. 31 de outubro de 2020 
  10. «Chapecoense vence Confiança e garante título simbólico do primeiro turno da Série B». Super Esportes. 31 de outubro de 2020 
  11. «Marcílio Dias 0-1 Concórdia». oGol. 31 de janeiro de 2021 
  12. «Em jogo polêmico, Concórdia bate o Brusque e vence a primeira no estadual». Globo Esporte. 3 de março de 2021 
  13. «Emprestado pela Chape, Alan Grafite vibra com gol e primeira vitória do Concórdia no estadual». Globo Esporte. 7 de março de 2021 
  14. a b «Artilheiro do Concórdia no Catarinense, Alan Grafite retorna de empréstimo à Chapecoense». Globo Esporte. 26 de abril de 2021 
  15. «Mozart Santos valoriza defesa da Chapecoense e garante: "A gente vai para cima"». Futebol Interior. 26 de abril de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre um futebolista brasileiro é um esboço relacionado ao projeto desporto. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.