American Gods (série de televisão)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Gnome globe current event.svg
Este artigo ou seção se refere ou tem relação com uma série televisiva em exibição.
A informação apresentada pode mudar com frequência. Não adicione especulações, nem texto sem referência a fontes confiáveis. (Editado pela última vez em 14 de janeiro de 2018.)
TV Future Icon.svg
American Gods
Deuses Americanos (BR)
Informação geral
Formato Série
Gênero Drama
Fantasia
Duração 52–63 minutos
Baseado em American Gods
por Neil Gaiman
Desenvolvedor(es) Bryan Fuller
Michael Green
País de origem  Estados Unidos
Idioma original Inglês
Produção
Produtor(es) executivo(s) Bryan Fuller
Michael Green
Neil Gaiman
Craig Cegielski
Stefanie Berk
Thom Beers
Elenco Ricky Whittle
Ian McShane
Emily Browning
Crispin Glover
Bruce Langley
Yetide Badaki
Pablo Schreiber
Ian McShane
Kristin Chenoweth
Compositor da música tema Brian Reitzell
Empresa(s) de produção Living Dead Guy Productions
J.A. Green Construction Corp.
The Blank Corporation
FremantleMedia
Starz Originals
Exibição
Emissora de televisão original Starz
Formato de exibição 4K (Ultra HD)
Transmissão original 30 de abril de 2017 – presente
N.º de temporadas 1
N.º de episódios 8

American Gods é uma série de televisão americana criada por Bryan Fuller e Michael Green, e transmitida pelo canal Starz, baseada no romance homônimo de 2001 do autor Neil Gaiman. Fuller e Green escreveram o episódio piloto e serviram como showrunners. Gaiman serviu como produtor executivo do show juntamente com Fuller, Green, Craig Cegielski, Stefanie Berk e Thom Beers.

A primeira temporada consiste em oito episódios que tiveram sua estreia no dia 30 de abril de 2017, nos Estados Unidos, e a transmissão mundial aconteceu no dia 1 de maio pelo serviço de streaming, Amazon Prime Video.[1] A série recebeu aclamação da crítica, com duas indicações ao Primetime Emmy Awards.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

A série é focada em Shadow Moon, um homem que cumpre três anos de prisão. Faltando poucos dias até o fim de sua sentença, Shadow acaba sendo liberado inesperadamente depois que sua amada esposa, Laura, é morta. Posteriormente, Shadow encontra-se ao lado de um homem chamado Wednesday, que lhe oferece um emprego. Em primeira instância, Wednesday parece ser nada mais que um trapaceiro que precisa de Shadow como guarda-costas. Wednesday está trilhando seu caminho pelos EUA, reunindo todos os velhos deuses, que agora se incorporaram na vida americana, para enfrentar os novos deuses, incluindo os relacionados a mídia e tecnologia, que estão se fortalecendo.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Principal[editar | editar código-fonte]

Recorrente[editar | editar código-fonte]

Produção[editar | editar código-fonte]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

Em 2011, o autor de Deuses Americanos, Neil Gaiman, declarou durante o Festival Internacional do Livro Edimburgo que a HBO havia expressado interesse em adaptar seu romance para uma série da televisão.[17][18] Em março de 2013, Gaiman falou sobre o progresso do projeto no Festival Internacional de Cinema de Estudantes de Cambridge e confirmou que o episódio de abertura da série "teria novos elementos e detalhes" enquanto permaneceria "muito parecido com os capítulos iniciais do livro".[19] Ele também comentou que o livro só estaria concentrado nas primeiras temporadas do show e que ainda estava trabalhando no script do piloto, já que seu primeiro roteiro não estava próximo o suficiente de seu livro para que a satistafação da HBO.[20] Em novembro de 2013, Gaiman anunciou em seu perfil no Reddit que a série de televisão ainda estava em desenvolvimento, porém não mais em cargo da HBO.[21]

Em 2014, o presidente da programação da HBO, Michael Lombardo, revelou que o projeto havia sido abandonado porque não conseguiram obter o certificado certo: "Tentamos com três roteiristas diferentes, colocamos muito esforço nisso. Algumas coisas simplesmente não acontecem."[22]

Em fevereiro de 2014, a Fremantle Media adquiriu os direitos para adaptar o romance como uma série de drama e fantasia.[23] Em julho de 2014, foi anunciado que o canal Starz estaria desenvolvendo a série com Bryan Fuller e Michael Green.[24]

Fuller afirmou que a série estaria situada "[após] os eventos dos livros, mas expandindo esses eventos, e expandindo o ponto de vista para ir além de Shadow e Wednesday."[25] A permissão para incorporar elementos do livro companheiro, Os Filhos de Anansi, foi dada para a série.[25] Fuller também confirmou que Gaiman está "muito envolvido" com a produção e expressou sua esperança de que Gaiman poderia escrever seu próprio episódio.[25]

Em 16 de junho de 2015, a Starz deu sinal vede para série.[26][27] Em maio de 2015, o showrunner Bryan Fuller estimou que o programa provavelmente iria ao ar no "final de 2016",[28] entretanto, sua estreia ficou definida para abril de 2017, com a primeira temporada sendo composta por oito episódios.[14][29] As filmagens estavam programadas para começar no dia 1 de março de 2016 em Toronto e seguirem até setembro.[30]

Durante uma entrevista com Neil Gaiman em 24 de junho de 2016, ele comentou planos para temporadas futuras do show além da primeira, que deverá ser continuada, e observou que a primeira temporada só abrange o primeiro terço do romance. A segunda temporada destina-se a cobrir a seção Lakeside do romance, e "uma coisa grande e fundamental que acontece com o Sr. Wednesday" será provavelmente um final de temporada para a segunda ou terceira temporada.[31]

Escolha do Elenco[editar | editar código-fonte]

Em 28 de janeiro de 2016, Ricky Whittle foi escolhido como o personagem principal, Shadow Moon.[2] Em 2 de março de 2016, foi anunciado que Ian McShane tinha sido escolhido como o Mr. Wednesday.[3] Posteriormente, foi anunciado em 17 de março de 2016 que Emily Browning irá interpretar Laura Moon, a esposa de Shadow.[4] Em 23 de março de 2016, foi anunciado que Sean Harris, Yetide Badaki e Bruce Langley iriam desempenhar os respectivos papéis de Mad Sweeney, Bilquis e Technical Boy.[6] Em 14 de abril de 2016, Jonathan Tucker e Crispin Glover foram escolhidos respectivamente como Low Key Licesmith e Mr. World.[7] Em 21 de abril de 2016, Cloris Leachman foi escolhido como Zorya Vechernyaya, Peter Stormare como Czernobog, Chris Obi como Jaquel e Mousa Kraish como Jinn.[8]

Em 6 de maio de 2016, foi anunciado que Sean Harris tinha saído da série por motivos pessoais e o papel de "Mad Sweeney" estava sendo reformulado.[32] Em 11 de maio de 2016, foi anunciado que Pablo Schreiber assumiria o papel de Mad Sweeney.[5] Em junho de 2016, foi anunciado que Gillian Anderson retrataria Media.[9] Em 15 de junho de 2016, foi anunciado que Omid Abtahi, Orlando Jones e Demore Barnes se uniriam ao elenco como Salim, Sr. Nancy e Sr. Ibis, respectivamente.[10][11]

Em 15 de julho de 2016, foi anunciado que Dane Cook foi escalado para interpretar o Robbie,[12] e uma semana depois, Kristin Chenoweth como Eostre.[13]

Marketing[editar | editar código-fonte]

O primeiro trailer da série foi lançado no dia 22 de julho de 2016 na San Diego Comic-Con Internacional.[33] Em 11 de março de 2017 o primeiro episódio foi exibido no festival SXSW. Em 15 de março de 2017 foi lançado o trailer principal.

Referências

  1. AdoroCinema. «American Gods tem estreia mundial anunciada». AdoroCinema 
  2. a b Robinson, Joanna. «American Gods Author Neil Gaiman on Why Casting The 100's Ricky Whittle as Shadow Is So Vital». HWD (em inglês) 
  3. a b c «Ian McShane to Star in 'American Gods' for Starz». The Hollywood Reporter (em inglês) 
  4. a b «Starz's 'American Gods' Casts Its Laura Moon». The Hollywood Reporter (em inglês) 
  5. a b Andreeva, Nellie (11 de maio de 2016). «Pablo Schreiber To Play Mad Sweeney In 'American Gods' Starz Series, Joins Indie 'Thumper'». Deadline (em inglês) 
  6. a b c Petski, Denise (23 de março de 2016). «Starz's 'American Gods' Casts Sean Harris As Mad Sweeney, Yetide Badaki As Bilquis & Bruce Langley As Technical Boy». Deadline (em inglês) 
  7. a b c Petski, Denise (14 de abril de 2016). «'American Gods': Jonathan Tucker & Crispin Glover Cast In Starz Adaptation». Deadline (em inglês) 
  8. a b c d e «CAMERAS ROLL AS STARZ AND FMNA BRING "AMERICAN GODS" TO LIFE | Fremantle Media». www.fremantlemedia.com. Consultado em 25 de março de 2017. 
  9. a b Slezak, Michael; Slezak, Michael (3 de junho de 2016). «Gillian Anderson Joins American Gods, Reuniting With Hannibal's Bryan Fuller». TVLine. Consultado em 25 de março de 2017. 
  10. a b Andreeva, Nellie (14 de junho de 2016). «'American Gods': Omid Abtahi Joins Cast Of Starz Series». Deadline (em inglês) 
  11. a b c «Starz' 'American Gods' Adds 'Sleepy Hollow' Alum Orlando Jones». The Hollywood Reporter (em inglês) 
  12. a b «Dane Cook joins the cast of 'American Gods'». EW.com (em inglês). 15 de julho de 2016 
  13. a b Trendacosta, Katharine. «Kristin Chenoweth Will Play Easter in American Gods». io9 (em inglês) 
  14. a b «'American Gods': See an Exclusive First Look at Vulcan». EW.com (em inglês). 22 de dezembro de 2016 
  15. «Exclusive: 'Lost' Alum Joins 'American Gods' as Jesus». EW.com (em inglês). 1 de setembro de 2016 
  16. «Beth Grant Reteams With Bryan Fuller For American Gods». We Got This Covered (em inglês). 17 de outubro de 2016 
  17. «American Gods for HBO, Gaiman plans sequel | The Bookseller». www.thebookseller.com (em inglês). Consultado em 25 de março de 2017. 
  18. «HBO Performs Rumor Control On American Gods». The Escapist 
  19. «Neil Gaiman Updates Us on HBO's American Gods, Doctor Who, and More». Tor.com. 1 de março de 2013. Consultado em 25 de março de 2017. 
  20. «Neil Gaiman Offers 'American Gods' TV Show Update; Teases New Story Material». Screen Rant (em inglês). 28 de junho de 2013 
  21. «AN EVENING WITH NEIL GAIMAN AND AMANDA PALMER: ASK US ANYTHING. GO ON. GO ON YOU KNOW YOU WANT TO. • r/IAmA». reddit. Consultado em 25 de março de 2017. 
  22. «HBO's Michael Lombardo on More Game of Thrones, the Future of MaddAddam, and Why American Gods Is a No-Go». Vulture (em inglês). 11 de junho de 2014 
  23. Andreeva, Nellie (3 de fevereiro de 2014). «Fantasy Novel 'American Gods' Being Developed As Drama Series By FremantleMedia». Deadline (em inglês) 
  24. «Starz, Bryan Fuller Board Neil Gaiman's 'American Gods'». The Hollywood Reporter (em inglês) 
  25. a b c «Exclusive: How Involved is Neil Gaiman on 'American Gods?'». CraveOnline (em inglês). 29 de agosto de 2014 
  26. «Neil Gaiman's 'American Gods' Adaptation Gets Greenlight From Starz». TheWrap (em inglês). 16 de junho de 2015 
  27. staff, Guardian (16 de junho de 2015). «American Gods TV adaptation begins casting search for lead character». The Guardian (em inglês). ISSN 0261-3077 
  28. «Bryan Fuller talks casting Neil Gaiman's American Gods TV series». SyfyWire (em inglês). 28 de maio de 2015 
  29. Evans, Greg (23 de fevereiro de 2017). «'American Gods': Starz Sets Premiere Date, Gives First Look At New Fantasy Series». Deadline (em inglês) 
  30. "In Production in Toronto" (PDF)Municipal government of Toronto. February 10, 2016.
  31. «Everything* Neil Gaiman Knows About 'Good Omens' and 'American Gods'». Observer (em inglês). 13 de julho de 2016 
  32. Andreeva, Nellie (6 de maio de 2016). «'American Gods': Starz Series To Recast Mad Sweeney Role, Changes DP». Deadline (em inglês) 
  33. «American Gods Trailer Brings Neil Gaiman's Book to Life» (em inglês). 22 de julho de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]