Cloris Leachman

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cloris Leachman
Cloris Leachman na estreia de The Proposal
Nome completo Cloris Leachman
Nascimento 30 de abril de 1926 (87 anos)
Des Moines, Iowa
Nacionalidade Estados Unidos Estadunidense
Ocupação Atriz
Cônjuge George Englund (1953 - 1978)
Atividade 1947 - presente
Oscares da Academia
Melhor Atriz (coadjuvante/secundária)
1972 - The Last Picture Show
Emmy Awards
Participação especial de uma atriz em série cômica
2006 - Malcolm in the Middle
2002 - Malcolm in the Middle
Participação especial de uma atriz em série dramática
1998 - Promised Land
Melhor performance individual em um programa de variedade ou de música
1984 - Screen Actors Guild 50th Anniversary Celebration
Melhor performance contínua ou individual em um programa de variedade ou de música
1975 - Cher
Melhor Atriz (coadjuvante/secundária) numa série de comédia
1974 - Mary Tyler Moore
Performance individual por uma atriz em papel principal
1973 - A Brand New Life
BAFTA
Melhor Atriz (coadjuvante/secundária)
1973 - The Last Picture Show
Página oficial
IMDb: (inglês) (português)

Cloris Leachman (Des Moines, 30 de abril de 1926) é uma atriz estadunidense.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Cloris Leachman é a mais velha de três irmãs e filha de Buck e Cloris Leachman. Formou-se em dramaturgia na Universidade Northwestern quando era membro do Gamma Phi Beta e colega de classe do futuro ator cômico Paul Lynde.

Começou a aparecer na televisão e em filmes um pouco depois de competir como Miss América e Miss Chicago em 1946.

É vencedora do Oscar, nove vezes do Emmy e do Globo de Ouro, sendo a atriz que mais prêmios Emmy conquistou até hoje.

Ganhou o Oscar de melhor Atriz (coadjuvante/secundária) em 1971 como Ruth Popper, a desprezada e solitária mulher do treinador de futebol da cidade em A Última Sessão de Cinema.

Um de seus personagens mais marcantes na televisão, foi o de Phyllis Lindstrom, na série The Mary Tyler Moore Show.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Curta-metragem:

Trabalhos na televisão[editar | editar código-fonte]

Cloris Leachman no Emmy de 2008
Como Phyllis, personagem de The Mary Tyler Moore Show, em foto de 1974

Trabalho no teatro[editar | editar código-fonte]

  • Sundown Beach (7 de setembro - 11 de setembro de 1948) (Broadway)
  • South Pacific (7 de abril de 1949 - 16 de janeiro de 1954) (substituiu Martha Wright) (Broadway)
  • Come Back, Little Sheba (15 de fevereiro - 29 de julho de 1950) (deixou o elenco para estrelar em As You Like It)
  • As You Like It (26 de janeiro - 3 de junho de 1950) (Broadway)
  • A Story for a Sunday Evening (17 de novembro - 25 de novembro de 1950) (Broadway; Venceu Theatre World Award)
  • Lo and Behold! (12 de dezembro de 1951 - 12 de janeiro de 1952) (Broadway)
  • Dear Barbarians (21 de fevereiro - 24 de fevereiro de 1952) (Broadway)
  • Sunday Breakfast (28 de maio - 8 de junho de 1952) (Broadway)
  • The Crucible (22 de janeiro - 11 de julho de 1953) (substituiu Madeleine Sherwood) (Broadway)
  • King of Hearts (1 de abril - 27 de novembro de 1954) (Broadway)
  • A Touch of the Poet (2 de outubro de 1958 - 13 de junho de 1959) (substituiu Kim Stanley) (Broadway)
  • Masquerade (16 de março de 1959) (Broadway)
  • A Fatal Weakness (1985) (Mônaco)
  • Grandma Moses: An American Primitive (1989 - 1990) (one woman show; tour nacional)
  • Show Boat (1994) (tour nacional)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Imagens e media no Commons
Commons Categoria no Commons
Precedida por:
Helen Hayes
por Airport
Oscar de melhor Atriz (coadjuvante/secundária)
por The Last Picture Show

1972
Sucedida por:
Eileen Heckart
por Butterflies Are Free
Precedida por:
Valerie Harper
por Rhoda
Globo de Ouro de melhor atriz em série cómica ou musical
por Phyllis

1976
Sucedida por:
Carol Burnett
por The Carol Burnett Show