Eberhard Hopf

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou seção está a ser traduzido de «Eberhard Hopf» na Wikipédia em inglês. Ajude e colabore com a tradução.
Eberhard Hopf
Conhecido(a) por Método de Wiener–Hopf
Nascimento 4 de abril de 1902
Salzburgo
Morte 24 de julho de 1983 (81 anos)
Bloomington (Indiana)
Nacionalidade Áustria Austríaco
Alma mater Universidade de Berlim
Prêmios Gibbs Lecture (1971), Prêmio Leroy P. Steele (1981)
Orientador(es) Erhard Schmidt e Issai Schur[1]
Orientado(s) Albert Charles Schaeffer
Campo(s) Matemática
Tese 1926: Über die Zusammenhänge zwischen gewissen höheren Differenzenquotienten reeller Funktionen einer reellen Variablen und deren Differenzierbarkeitseigenschaften

Eberhard Frederich Ferdinand Hopf (Salzburgo, 4 de abril de 1902Bloomington (Indiana), 24 de julho de 1983) foi um matemático e astrônomo austríaco.

Foi um dos fundadores da teoria ergódica e um pioneiro da teoria da bifurcação, com contribuições significativas a equações diferenciais parciais, equações integrais, dinâmica dos fluidos e geometria diferencial. O princípio do máximo de Hopf foi estabelecido pelo mesmo em 1927, sendo fundamental na teoria das equações diferenciais parciais elípticas.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascido na Áustria, sua carreira científica desenvolveu-se na Alemanha e Estados Unidos. Doutoramento em matemática em 1926 e habilitação em astronomia matemática em 1929, pela Universidade Técnica de Berlim.


Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]